Artigo Anais VII CONEDU - Edição Online

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

A PERCEPÇÃO DE PROFESSORES E ALUNOS SOBRE AS RELAÇÕES INTERPESSOAIS NAS AULAS DE MATEMÁTICA

Palavra-chaves: RELAÇÕES INTERPESSOAIS, ENSINO E APRENDIZAGEM, ESTUDANTES E PROFESSORES DE MATEMÁTICA, COTIDIANO ESCOLAR, Comunicação Oral (CO) GT 13 - Educação Matemática Publicado em 04 de novembro de 2020

Resumo

ESSE ESTUDO VISA IDENTIFICAR SE AS RELAÇÕES INTERPESSOAIS ENTRE ESTUDANTES E PROFESSORES DE MATEMÁTICA PODEM FAVORECER O ENSINO E A APRENDIZAGEM DESTA DISCIPLINA. PARA TANTO, TRABALHAMOS A PARTIR DE UMA DISCUSSÃO ENTRE OS TEÓRICOS QUE DEFENDEM A IMPORTÂNCIA DAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS NO AMBIENTE ESCOLAR, FUNDAMENTADOS NOS ESTUDOS DE ANTUNES (2009), MARCHESI (2008), MARTINS, SILVA, SOARES E VASCONCELOS (2005), PERRENOUD (1993) E WALLON (1979). O MÉTODO UTILIZADO FOI QUALITATIVO E QUANTITATIVO, COM ENTREVISTAS SEMIESTRUTURADAS COM 08 (OITO) PROFESSORES DE MATEMÁTICA, E UM QUESTIONÁRIO APLICADOS A 164 (CENTO E SESSENTA E QUATRO) ALUNOS DO 9º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL, EM DUAS ESCOLA PÚBLICAS MUNICIPAIS NA CIDADE DE CARUARU-PE. PENSADO A PARTIR DA ANÁLISE DESTES DADOS, CONSTATOU-SE QUE OS ALUNOS APRENDEM MELHOR MATEMÁTICA QUANDO O PROFESSOR TEM UM BOM RELACIONAMENTO COM ELES E DEMOSTRAM SENTIMENTOS DE AFETIVIDADE. E COM OS PROFESSORES EVIDENCIOU-SE EM SUAS FALAS, A RELEVÂNCIA DAS RELAÇÕES INTERPESSOAIS EM SALA DE AULA, COM A FINALIDADE DE PROMOVER UMA AMBIENTE MAIS PROPÍCIO PARA UMA APRENDIZAGEM MAIS EFETIVA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.