Artigo Anais ABRALIC Internacional

ANAIS de Evento

ISSN: 2317-157X

'EM CADA PEDRA UM VOO IMÓVEL': AS RECITAÇÕES DRAMÁTICAS NA OBRA DE FIAMA HASSE PAIS BRANDÃO

Publicado em 12 de julho de 2013

Resumo

O trabalho analisa a obra literária da dramaturga e poetisa portuguesa Fiama Hasse Pais Brandão através da perspectiva do texto dramático. A autora, nascida em 1938, escreve o seu primeiro livro no ano de 1957, intitulado 'Em cada pedra um vôo imóvel', cuja publicação ocorre em 1958. Obra em duas partes, a primeira compõe-se de breves textos dramáticos à qual se denomina ‘Recitações dramáticas’, e a segunda parte, sem título, constitui-se de breves poemas em prosa. O estudo da obra fundadora de Fiama Hasse Pais Brandão dá atenção aos oito poemas dramáticos que compõem a primeira parte da obra: ‘O mito e o homem’, ‘Luar e sal’, ‘Só havia quatro caminhos’, ‘O trigo não morre’, ‘A criança dos olhos parados’, ‘Os moinhos trágicos’, ‘O poente’ e ‘Ainda era cedo’. A análise, com base nas teorias de Jean-Pierre Ryngaert, no estudo dramático, e de Gaston Bachelard, acerca da imagem poética, dá ênfase às características da obra da autora e suas relações com a literatura portuguesa da segunda metade do século XX, das tradições às transformações, e aos seus diálogos com a modernidade e a pós-modernidade.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.