Artigo Anais V ENLAÇANDO

ANAIS de Evento

ISSN: 2238-9008

Visualizações: 283
(RE) CONHEÇA SEU PRECONCEITO: AÇÕES, PROPOSIÇÕES E DESCONSTRUÇÕES

Palavra-chaves: PRECONCEITO, AÇÕES, PROPOSIÇÕES, DIVERSIDADE Comunicação Oral (CO) ET14: EDUCAÇÃO, RELAÇÕES DE GÊNERO, SUBJETIVIDADES E MEMÓRIAS: EXPERIÊNCIAS, NARRATIVAS E EXPERIÊNCIAS EDUCATIVAS NO BRASIL E NA AMÉRICA LATINA Publicado em 27 de novembro de 2017

Resumo

O presente projeto vem sendo desenvolvido pela Coordenação das Ações Inclusivas (CAI) do Instituto Federal Farroupilha (IFFar) campus São Vicente do Sul e seus respectivos núcleos: Núcleo de Atendimento a Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais (NAPNE), Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros e Indígenas (NEABI) e o Núcleo de Gênero e Diversidade Sexual (NUGEDIS). Este projeto busca visibilizar e problematizar diferentes formas de preconceito naturalizadas e enraizadas no espaço escolar para então propor ações educativas que permitam a insurgência da diversidade no campus. O projeto desenvolve-se em três momentos: Ações; Proposições; e Desconstruções. No primeiro momento, os núcleos inclusivos realizam ações educativas que permitem a reflexão e a discussão. As ações são realizadas de diferentes formas e em diferentes momentos e espaços. As ações promovidas pela CAI pretendem promover acolhimento, escuta, compartilhamento de vivências e experiências e o (re) conhecimento de ações preconceituosas para que possamos mapear o preconceito e propor ações que afirmem outros modos de ser, viver e se constituir. Ao criarmos as condições para que (re) conheçamos nossos preconceitos por meio de ações e proposições estamos criando possibilidades de revelar as (des) continuidades, as contradições, as singularidades, criando assim, as condições para que os sujeitos implicados possam mudar aquilo que pensam. As ações e proposições que apresentamos no projeto fazem parte de um esforço no sentido de estabelecer mudanças na cultura institucional, a partir das desconstruções de alguns discursos em favor de outros que promovam um espaço institucional mais plural e democrático.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.