Artigo Anais IV ENID / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

A RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS NO ENSINO DE FÍSICA: ABORDAGENS DIFERENCIADAS PARA A APRENDIZAGEM DE CONCEITOS

Palavra-chaves: RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS, ENERGIA, ENSINO DE FÍSICA Comunicação Oral (CO) Atividades nas aulas de Física: experiência da prática docente no Ensino Médio
"2014-11-21 23:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 10182
    "edicao_id" => 27
    "trabalho_id" => 489
    "inscrito_id" => 65
    "titulo" => "A RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS NO ENSINO DE FÍSICA: ABORDAGENS DIFERENCIADAS PARA A APRENDIZAGEM DE CONCEITOS"
    "resumo" => "Melhorar a qualidade do ensino de física no Brasil, sendo capaz de relacionar os conteúdos apresentados com a realidade e o cotidiano dos alunos, trazer para as aulas de física um caráter mais investigativo e participativo, ser capaz de despertar nos alunos a busca de respostas para questionamentos que levam a uma aprendizagem realmente efetiva, estes são os desafios do professor de física para colaborar com o processo de ensino e aprendizagem. As salas de aula de física parecem estar tomadas por um “mar de fórmulas” que muitas vezes são recitadas sem despertar no aluno a compreensão do relacionamento do conteúdo a sua realidade e da capacidade transformadora da educação em um processo contínuo de evolução social. O presente trabalho tem como objetivo analisar o uso da resolução de problemas nas aulas de física com diferentes abordagens e quais as impressões e comportamento dos alunos na resolução destes problemas quando os mesmos são observados sob diferentes perspectivas. Para tanto, foi realizada em uma turma de 1º ano do Ensino Médio da Escola Estadual Ademar Veloso da Silveira em Campina Grande-PB uma atividade de resolução de dois problemas que envolviam conhecimentos sobre o tema energia, sendo um conduzido por uma abordagem convencional e outro por uma abordagem problematizadora e interacionista. O planejamento da atividade e escolha dos problemas ocorreu através da discussão entre os bolsistas de iniciação a docência, atuantes na escola, a professora supervisora e o coordenador do subprojeto de Física do PIBID/UEPB, sendo planejada para um encontro de duas aulas, somando aproximadamente 1h40 mim. A interação e participação dos alunos na resolução dos dois problemas foi observada e analisada através do uso de vídeo e áudio.  Após a análise dos dados obtidos podemos observar uma maior participação dos alunos na atividade de resolução de problema que fez uso de uma abordagem problematizadora e o desinteresse por a que fez uso de uma abordagem convencional. Podemos assim concluir que esta pesquisa mostrou a importância do uso de uma abordagem problematizadora em sala de aula como forma de instigar a busca por respostas e questionamentos, além da interação e melhor internalização do conhecimento. A resolução de problemas de física nas aulas, quando faz uso de uma abordagem problematizadora, é capaz de reter a atenção do aluno de forma a fazer com que as aulas sejam mais participativas e investigativas, bem como de proporcionar um diálogo e uma reflexão crítica dos alunos em busca de respostas.  Ocasionando assim o envolvimento dos alunos e acarretando resultados positivos na evolução do conhecimento."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "Atividades nas aulas de Física: experiência da prática docente no Ensino Médio"
    "palavra_chave" => "RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS, ENERGIA, ENSINO DE FÍSICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_03_11_2014_12_13_07_idinscrito_65_baec35ceb6204515574d2bd356b6c0b9.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:19:16"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "VALTER COSTA DE VASCONCELOS"
    "autor_nome_curto" => "VALTER COSTA"
    "autor_email" => "valteritabaiana@hotmail.c"
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-enid---uepb"
    "edicao_nome" => "Anais IV ENID / UEPB"
    "edicao_evento" => "IV Encontro de Iniciação à Docência da UEPB / UEPB"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/enid/2014"
    "edicao_logo" => "5e4d80132b22c_19022020153603.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1855cb47e5f_22072020120547.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-11-21 23:00:00"
    "publicacao_id" => 13
    "publicacao_nome" => "Revista ENID UEPB"
    "publicacao_codigo" => "2318-7379"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 10182
    "edicao_id" => 27
    "trabalho_id" => 489
    "inscrito_id" => 65
    "titulo" => "A RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS NO ENSINO DE FÍSICA: ABORDAGENS DIFERENCIADAS PARA A APRENDIZAGEM DE CONCEITOS"
    "resumo" => "Melhorar a qualidade do ensino de física no Brasil, sendo capaz de relacionar os conteúdos apresentados com a realidade e o cotidiano dos alunos, trazer para as aulas de física um caráter mais investigativo e participativo, ser capaz de despertar nos alunos a busca de respostas para questionamentos que levam a uma aprendizagem realmente efetiva, estes são os desafios do professor de física para colaborar com o processo de ensino e aprendizagem. As salas de aula de física parecem estar tomadas por um “mar de fórmulas” que muitas vezes são recitadas sem despertar no aluno a compreensão do relacionamento do conteúdo a sua realidade e da capacidade transformadora da educação em um processo contínuo de evolução social. O presente trabalho tem como objetivo analisar o uso da resolução de problemas nas aulas de física com diferentes abordagens e quais as impressões e comportamento dos alunos na resolução destes problemas quando os mesmos são observados sob diferentes perspectivas. Para tanto, foi realizada em uma turma de 1º ano do Ensino Médio da Escola Estadual Ademar Veloso da Silveira em Campina Grande-PB uma atividade de resolução de dois problemas que envolviam conhecimentos sobre o tema energia, sendo um conduzido por uma abordagem convencional e outro por uma abordagem problematizadora e interacionista. O planejamento da atividade e escolha dos problemas ocorreu através da discussão entre os bolsistas de iniciação a docência, atuantes na escola, a professora supervisora e o coordenador do subprojeto de Física do PIBID/UEPB, sendo planejada para um encontro de duas aulas, somando aproximadamente 1h40 mim. A interação e participação dos alunos na resolução dos dois problemas foi observada e analisada através do uso de vídeo e áudio.  Após a análise dos dados obtidos podemos observar uma maior participação dos alunos na atividade de resolução de problema que fez uso de uma abordagem problematizadora e o desinteresse por a que fez uso de uma abordagem convencional. Podemos assim concluir que esta pesquisa mostrou a importância do uso de uma abordagem problematizadora em sala de aula como forma de instigar a busca por respostas e questionamentos, além da interação e melhor internalização do conhecimento. A resolução de problemas de física nas aulas, quando faz uso de uma abordagem problematizadora, é capaz de reter a atenção do aluno de forma a fazer com que as aulas sejam mais participativas e investigativas, bem como de proporcionar um diálogo e uma reflexão crítica dos alunos em busca de respostas.  Ocasionando assim o envolvimento dos alunos e acarretando resultados positivos na evolução do conhecimento."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "Atividades nas aulas de Física: experiência da prática docente no Ensino Médio"
    "palavra_chave" => "RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS, ENERGIA, ENSINO DE FÍSICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_03_11_2014_12_13_07_idinscrito_65_baec35ceb6204515574d2bd356b6c0b9.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:19:16"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "VALTER COSTA DE VASCONCELOS"
    "autor_nome_curto" => "VALTER COSTA"
    "autor_email" => "valteritabaiana@hotmail.c"
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-enid---uepb"
    "edicao_nome" => "Anais IV ENID / UEPB"
    "edicao_evento" => "IV Encontro de Iniciação à Docência da UEPB / UEPB"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/enid/2014"
    "edicao_logo" => "5e4d80132b22c_19022020153603.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1855cb47e5f_22072020120547.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-11-21 23:00:00"
    "publicacao_id" => 13
    "publicacao_nome" => "Revista ENID UEPB"
    "publicacao_codigo" => "2318-7379"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 21 de novembro de 2014

Resumo

Melhorar a qualidade do ensino de física no Brasil, sendo capaz de relacionar os conteúdos apresentados com a realidade e o cotidiano dos alunos, trazer para as aulas de física um caráter mais investigativo e participativo, ser capaz de despertar nos alunos a busca de respostas para questionamentos que levam a uma aprendizagem realmente efetiva, estes são os desafios do professor de física para colaborar com o processo de ensino e aprendizagem. As salas de aula de física parecem estar tomadas por um “mar de fórmulas” que muitas vezes são recitadas sem despertar no aluno a compreensão do relacionamento do conteúdo a sua realidade e da capacidade transformadora da educação em um processo contínuo de evolução social. O presente trabalho tem como objetivo analisar o uso da resolução de problemas nas aulas de física com diferentes abordagens e quais as impressões e comportamento dos alunos na resolução destes problemas quando os mesmos são observados sob diferentes perspectivas. Para tanto, foi realizada em uma turma de 1º ano do Ensino Médio da Escola Estadual Ademar Veloso da Silveira em Campina Grande-PB uma atividade de resolução de dois problemas que envolviam conhecimentos sobre o tema energia, sendo um conduzido por uma abordagem convencional e outro por uma abordagem problematizadora e interacionista. O planejamento da atividade e escolha dos problemas ocorreu através da discussão entre os bolsistas de iniciação a docência, atuantes na escola, a professora supervisora e o coordenador do subprojeto de Física do PIBID/UEPB, sendo planejada para um encontro de duas aulas, somando aproximadamente 1h40 mim. A interação e participação dos alunos na resolução dos dois problemas foi observada e analisada através do uso de vídeo e áudio. Após a análise dos dados obtidos podemos observar uma maior participação dos alunos na atividade de resolução de problema que fez uso de uma abordagem problematizadora e o desinteresse por a que fez uso de uma abordagem convencional. Podemos assim concluir que esta pesquisa mostrou a importância do uso de uma abordagem problematizadora em sala de aula como forma de instigar a busca por respostas e questionamentos, além da interação e melhor internalização do conhecimento. A resolução de problemas de física nas aulas, quando faz uso de uma abordagem problematizadora, é capaz de reter a atenção do aluno de forma a fazer com que as aulas sejam mais participativas e investigativas, bem como de proporcionar um diálogo e uma reflexão crítica dos alunos em busca de respostas. Ocasionando assim o envolvimento dos alunos e acarretando resultados positivos na evolução do conhecimento.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.