Artigo Anais IV ENID / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

Visualizações: 308
A AULA DE CAMPO E SUAS CONTRIBUIÇÕES NO ENSINO DE GEOGRAFIA PARA AS ESCOLAS DO CAMPO

Palavra-chaves: AULA DE CAMPO, ENSINO DE GEOGRAFIA, ESCOLA DO CAMPO Pôster (PO) Reflexões sobre a formação em Geografia, metodologias e recursos didáticos no ensino Publicado em 22 de novembro de 2014

Resumo

Este trabalho tem por objetivo apresentar os caminhos na construção de um ensino contextualizado da geografia para as escolas do campo, utilizando a aula de campo como metodologia no processo de ensino-aprendizagem. Neste sentido, aula de campo deve ser vista como uma aproximação do que se ler com o que se ver. E foi buscando respostas para significar os conteúdos, que foi desenvolvido na Escola Municipal de Educação Básica Ildefonso Anselmo da Silva na município de Amparo Paraíba uma ação do PIBID/Diversidades Educação do Campo subprojeto ciências Humanas e Sociais. Tendo em mente que a aula de campo é uma opção metodológica no processo de ensino-aprendizagem riquíssimo para contextualizar os conteúdos estudados em sala de aula. Neste sentido a ação foi realizada no sentido de contribuir no processo de ensino-aprendizagem nas aulas de Geografia, utilizando esse recurso didático que possibilita ao aluno uma contextualização do conteúdo estudado. A aula de campo é importante para alcançar uma aprendizagem significativa e contextualizada para os alunos, para tanto, é preciso que ela seja bem planejada para que não se torne apenas uma fuga da sala de aula, sendo um passeio, aonde não se tenha nenhuma significação com o que foi visto na teoria, para isso é preciso seguir algumas etapas pra que a aula seja realizada de maneira que se possa analisar e problematizar a realidade que irar ser vivenciada no momento de campo. Sendo assim, os procedimentos metodológicos foram realizados, com base em Neves (2010) que aponta três etapas a serem seguidas para a realização da aula de campo: I Planejamento e Organização, II Realização, III Relato de Campo, estas etapas foram seguidas na realização da ação, de inicio planejamos a parte teórica a ser trabalhada em sala de aula, organizando como seria feito a abordagem da temática e a organização da aula de campo, conhecendo o local onde ela seria ministrada e elaborando um roteiro de aula, após a realização da aula de campo, os alunos foram orientados a elaborar um relato de campo sendo,assim exposto nos relatos as experiências e aprendizagens da aula de campo .Todas essas etapas são importantes uma vez que para que tudo ocorra de forma que de fato se tenha aprendizagem é preciso que se tenha metas a cumprir,e se for estabelecido objetivos a serem cumpridos se torna mais fácil de se realizar os trabalhos na aula de campo,uma vez que notadamente os alunos tendem a se dispersar diante de tantas informações, e até mesmo devido a movimentação do lugar escolhido pra a realização da aula. Através dos relatos elaborados pelos alunos, verificamos que a ação realizada, os alunos obtiveram uma aprendizagem significativa uma vez que a interação dos alunos na aula demonstrou o seus interesses pela a atividade, assim como os seus relatos de campo.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.