Artigo Anais IV ENID / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

Visualizações: 235
O PAPEL DA ESCOLA NA SENSIBILIZAÇÃO DE ALUNOS E PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO ACERCA DO CÂNCER

Palavra-chaves: CÂNCER, AGENTES CARINOGÊNICOS, SAÚDE NA ESCOLA Comunicação Oral (CO) A Biologia na perspectiva do Ensino Médio Inovador: propondo ações integradas de ensino, pesquisa e extensão Publicado em 22 de novembro de 2014

Resumo

Este trabalho teve como objetivo analisar a concepção dos alunos e profissionais da educação sobre o câncer e sua prevenção, bem como sensibiliza-los. O projeto foi desenvolvido na Escola Estadual Maria Emília, situada na cidade de Campina Grande, PB. O projeto contou com a presença de 20 participantes e foi necessário três etapas para o seu desenvolvimento. A primeira etapa foi uma palestra sobre o câncer, agentes carcinogênicos e prevenção. A segunda etapa foi de confecção de cartazes sobre o tema abordado na palestra, onde os participantes se dividiram em grupos para a terceira etapa de apresentação dos cartazes. Com o desenvolvimento do projeto foi possível identificar que a temática é pouco desenvolvida na escola e que os participantes não possuem domínio do tema abordado, pois quando questionados sobre algumas perguntas os estudantes não conseguiam se expressar de uma maneira coerente. Os participantes demonstraram surpresa ao saber que os alimentos consumidos por eles poderiam provocar doenças se consumidos em grande quantidade. Uma das principais curiosidades foi a respeito de como poderia tratar o câncer e se ele era contagioso. Durante a oficina os participantes demonstram total empenho, cada grupo usou de sua criatividade e elaborou os cartazes com os temas sugeridos, os mesmos conseguiram compreender bem o que foi debatido e foram muito bem na confecção dos cartazes. Dessa forma ficou claro que os alunos e profissionais da educação precisam ter mais contato com o tema abordado para poderem ser agentes multiplicadores de saúde, pois apesar de não conhecerem o tema os mesmos demonstraram grande curiosidade em aprender e muitos informaram que iriam mudar de hábitos para ter uma vida mais saudável evitando assim a doença. E tudo isso poderia ser enriquecido se a escola obtivesse mais politicas voltadas para saúde na escola onde temas como câncer e muitos outros poderiam ser debatidos e levados a comunidade escolar prevenindo assim diversas doenças.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.