Artigo E-book VIII ENALIC

E-books

ISBN: 978-65-86901-58-0

APONTAMENTOS PARA UMA PERSPECTIVA FREIREANA A PARTIR DA ARGUMENTAÇÃO PRÁTICA DE PROFESSORES/AS DE EDUCAÇÃO FÍSICA NA RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA E NO PIBID

Palavra-chaves: PIBID, RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA, FORMAÇÃO DE PROFESSORES/AS, COMPLEXIDADE, CRITICIDADE Comunicação Oral (CO) ET 08: Formação inicial e continuada de professores
"2022-04-05 08:32:13"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 85156
    "edicao_id" => 205
    "trabalho_id" => 836
    "inscrito_id" => 2137
    "titulo" => "APONTAMENTOS PARA UMA PERSPECTIVA FREIREANA A PARTIR DA ARGUMENTAÇÃO PRÁTICA DE PROFESSORES/AS DE EDUCAÇÃO FÍSICA NA RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA E NO PIBID"
    "resumo" => """
      INTRODUÇÃO\r\n
      COM A CONCRETIZAÇÃO DO GOLPE POLÍTICO ENGENDRADO A PARTIR DO RESULTADO DAS ELEIÇÕES DEMOCRÁTICAS DE 2014, O BRASIL VIVE UM CONTEXTO EM QUE SE ALARGOU O DISCURSO CONSERVADOR E NEGACIONISTA DESDE 2016. UMA SÉRIE DE INFORMAÇÕES DUVIDOSAS E NOTÍCIAS FALSAS VEM CIRCULANDO NAS REDES SOCIAIS DESDE ENTÃO, QUE NÃO COLABORAM PARA A TOMADA DE CONSCIÊNCIA POLÍTICA DA POPULAÇÃO (SANCHES NETO; VEN NCIO, 2020). ESSAS ASSIM DENOMINADAS FAKE NEWS FORAM O INVESTIMENTO PREDOMINANTE POR DEFENSORES/AS DE UM CAMPO AUTORITÁRIO E ALTERARAM O RUMO POLÍTICO, ECONÔMICO, SOCIAL E DE CORDIALIDADE HUMANA. SOBRETUDO, IMPULSIONARAM A ELEIÇÃO DE UM POLÍTICO QUE EXPLICITAMENTE USOU AS REDES SOCIAIS COM PALAVRAS QUE DESPEJARAM ÓDIO, MISOGINIA, PRECONCEITO ETC. ESSE DISCURSO DE ÓDIO SE ESTENDEU A PAULO FREIRE, COLOCANDO EM DÚVIDA SUA IMENSA CONTRIBUIÇÃO À EDUCAÇÃO BRASILEIRA E MUNDIAL.\r\n
      CHARLOT (2021B), AO SITUAR O PORQUÊ DE PAULO FREIRE SER O FOCO DE ATAQUES CONSTANTES, AFIRMA QUE UMA EDUCAÇÃO CONSCIENTIZADORA, BASEADA NA LIBERDADE, ESPERANÇA E TRANSFORMAÇÃO DO MUNDO, COMO DEFENDIA A MAIS RECONHECIDA REFERÊNCIA EDUCACIONAL BRASILEIRA, É REJEITADA POR QUEM PROMOVE O NEGACIONISMO, O USO DE MEDICAMENTOS SEM COMPROVAÇÃO CIENTÍFICA, AMEAÇA MULHERES E HOMOSSEXUAIS E DESUMANIZA AS POPULAÇÕES INDÍGENA E NEGRA. COVARDEMENTE, AS REDES SOCIAIS CONTINUAM SENDO O ESPAÇO PREDOMINANTE PARA AS DESQUALIFICAÇÕES FALACIOSAS SOBRE PAULO FREIRE. CRITICAMENTE, COMO PROFESSORES/AS PROGRESSISTAS, O NOSSO TRABALHO DOCENTE NÃO PODE SE CURVAR A ESSAS FALÁCIAS. A DIALOGICIDADE – COMO CONDUTA DE ABERTURA AO DIÁLOGO SINCERO E BASEADA EM (AUTO)CRÍTICA – REQUER IDENTIFICAR CONTRADIÇÕES E REFUTAR OS SIMPLISMOS INTELECTUAIS. \r\n
      OBJETIVO\r\n
      O OBJETIVO DESTA INVESTIGAÇÃO É EXPLICITAR COMO QUATRO PROFESSORES/AS-PESQUISADORES/AS REELABORAM SEUS PRÓPRIOS SABERES DOCENTES AO COMPARTILHAREM A ANÁLISE DAS PRÁTICAS QUE TÊM SIDO REALIZADAS EM TRÊS ESCOLAS-CAMPO – VINCULADAS AOS SUBPROJETOS INTERDISCIPLINARES DE EDUCAÇÃO FÍSICA – NO ÂMBITO DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID) E DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA (RP) EM FORTALEZA. A ARGUMENTAÇÃO PRÁTICA TEM O POTENCIAL DE REVELAR PREMISSAS QUE OS/AS PROFESSORES/AS TÊM SOBRE VALORES, EXPERIÊNCIAS, CONDIÇÕES E CONTEXTOS DE TRABALHO DOCENTE. CONTUDO, AO CONFRONTAR ESSAS PREMISSAS, CONTRADIÇÕES NAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS PODEM SER EVIDENCIADAS. \r\n
      PERCURSO METODOLÓGICO\r\n
      METODOLOGICAMENTE, A PARTIR DE PROCEDIMENTOS QUALITATIVOS DE AUTOCONFRONTAÇÃO, COTEJAMOS AS NARRATIVAS DE DOIS PRECEPTORES DA RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA E DOIS/AS SUPERVISORES/AS DO PIBID NO SUBPROJETO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ. \r\n
      RESULTADOS E DISCUSSÃO\r\n
      OS RESULTADOS INDICAM O PREDOMÍNIO DE SABERES EXPERIENCIAIS DOS/AS PROFESSORES/AS E ASPECTOS DIALÓGICOS CONVERGENTES, QUE REMETEM À PERSPECTIVA FREIREANA NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA. IDENTIFICAMOS QUE AO EXPLICITAR A ARGUMENTAÇÃO PRÁTICA DOS/AS PROFESSORES/AS, O PROCESSO DE FORMAÇÃO É COMPARTILHADO E FOMENTA NOVAS REFLEXÕES. NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR, FERREIRA ET AL. (2021) ANCORAM-SE EM FREIRE (1996) E EXPLICAM QUE AS RELAÇÕES ENTRE PROFESSOR/A E ALUNOS/AS SÃO IMPORTANTES PARA A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO, COM BASE NOS SABERES NECESSÁRIOS À PRÁTICA EDUCATIVA. PARA FREIRE (1987, P. 97), O DIÁLOGO DO/A PROFESSOR/A COM SEUS/AS ALUNOS/AS SOBRE OS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS NA ESCOLARIZAÇÃO É UMA “DEVOLUÇÃO ORGANIZADA, SISTEMATIZADA E ACRESCENTADA AO POVO” DAQUELES ELEMENTOS QUE FORAM EXPLICITADOS DESORGANIZADAMENTE. PARA FERREIRA ET AL. (2021) HÁ UMA VINCULAÇÃO DESSE PRESSUPOSTO METODOLÓGICO FREIREANO À PERSPECTIVA TEÓRICA DA RELAÇÃO COM O SABER DEFENDIDA POR CHARLOT (2021B) PORQUE, AO APRENDER COM ESSA DEVOLUTIVA, HÁ EXPECTATIVA DE QUE CADA ALUNO/A ESTABELEÇA RELAÇÕES COM OS SABERES QUE TÊM DIMENSÕES IDENTITÁRIAS, SOCIAIS E EPISTÊMICAS.\r\n
      A RELEITURA DOS RELATOS PELOS/AS PROFESSORES/AS APONTOU NOVAS FACETAS SOBRE A PRÓPRIA FORMAÇÃO PERMANENTE. AO LER OS RELATOS DOS/AS COLEGAS PRECEPTORES DA RP E SUPERVISORES/AS DO PIBID, POR EXEMPLO, FOI POSSÍVEL PARA OS/AS PRÓPRIOS/AS PROFESSORES/AS PERCEBER QUE HÁ COESÃO, HÁ UMA LINHA DE PENSAMENTO QUE SEGUE AFINADA E PRÓXIMA. OS/AS QUATRO DOCENTES PREOCUPAM-SE COM A FORMAÇÃO INTELECTUAL DOS/AS ALUNOS/AS E PROCURAM DESENVOLVER E APRIMORAR SUAS IDEIAS E PERCEPÇÕES ATRAVÉS DA REFLEXÃO, DA CRÍTICA CONSTRUTIVA E DO DIÁLOGO. HÁ UMA PREMISSA CONSISTENTE, BASEADA NA CRENÇA DE QUE O CONHECIMENTO É UMA FERRAMENTA CRUCIAL PARA A EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO. ATRAVÉS DA AUTORREFLEXÃO E DA AUTOCRÍTICA, OS/AS PROFESSORES/AS PROCURAM AMPLIAR E APRIMORAR A PRÁTICA PEDAGÓGICA, NA TENTATIVA DE AFETAR POSITIVAMENTE E ADEQUADAMENTE OS/AS ALUNOS/AS E APROXIMANDO CADA VEZ MAIS O DISCURSO À PRÁTICA EDUCATIVA DE CADA UM/A. DESPERTAR A CONSCIÊNCIA CRÍTICA DOS/AS ALUNOS/AS POR MEIO DE DISCUSSÕES E DE DIÁLOGOS, A FIM DE GERAR SABERES NOVOS, IMPLICA NA NECESSIDADE DE NOS APROXIMARMOS DA SUA REALIDADE E PERCEBÊ-LOS/AS COMO APRENDIZES VIVOS/AS.\r\n
      CONCLUSÃO\r\n
      CONSIDERAMOS QUE O PROCESSO FORMATIVO SE TORNA PERMANENTE, SENDO INCORPORADO À PERSPECTIVA DIALÓGICA DOS/AS PROFESSORES/AS, EMBORA OS SEUS VÍNCULOS COM OS PROGRAMAS INSTITUCIONAIS SEJAM TRANSITÓRIOS E TEMPORÁRIOS. CONCLUÍMOS QUE ESSE É UM AVANÇO QUALITATIVO DECORRENTE DA COLABORAÇÃO NA ANÁLISE DAS PRÁTICAS NOS DOIS PROGRAMAS. CADA PROFESSOR/A PRECISA SER REFLEXIVO/A, CRÍTICO/A E PESQUISADOR/A, PARA TER A CAPACIDADE DE ENSINAR DE MANEIRA CONTEXTUALIZADA E COLABORATIVA, SENDO ATENTO/A ÀS DEMANDAS ATUAIS, DE MODO A POSSIBILITAR A EMANCIPAÇÃO DOS/AS ALUNOS/AS E A TRANSFORMAÇÃO DAS DEMANDAS DO AMBIENTE ESCOLAR QUE ESTÁ INSERIDO/A, COMO TAMBÉM IMPULSIONAR DE FORMA COLETIVA A READEQUAÇÃO DO CURRÍCULO E DO PROJETO POLÍTICO E PEDAGÓGICO, SENDO ORIENTADO AOS INTERESSES CENTRAIS DE VIDA DA COMUNIDADE ESCOLAR.
      """
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "ET 08: Formação inicial e continuada de professores"
    "palavra_chave" => "PIBID, RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA, FORMAÇÃO DE PROFESSORES/AS, COMPLEXIDADE, CRITICIDADE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EBOOK_EV163_MD1_SA108_ID213701032022173337.pdf"
    "created_at" => "2022-04-11 11:23:20"
    "updated_at" => null
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LUIZ SANCHES NETO"
    "autor_nome_curto" => "LUIZ"
    "autor_email" => "luizitosanches@yahoo.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "e-book-viii-enalic"
    "edicao_nome" => "E-book VIII ENALIC"
    "edicao_evento" => "VIII ENCONTRO NACIONAL DAS LICENCIATURAS / VII SEMINÁRIO DO PIBID / II SEMINÁRIO DO RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA"
    "edicao_ano" => 2022
    "edicao_pasta" => "ebooks/enalic/2021"
    "edicao_logo" => null
    "edicao_capa" => "62a767e04d470_13062022133752.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2022-04-05 08:32:13"
    "publicacao_id" => 97
    "publicacao_nome" => "E-book ENALIC"
    "publicacao_codigo" => "978-65-86901-58-0"
    "tipo_codigo_id" => 2
    "tipo_codigo_nome" => "ISBN"
    "tipo_publicacao_id" => 2
    "tipo_publicacao_nome" => "E-books"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 85156
    "edicao_id" => 205
    "trabalho_id" => 836
    "inscrito_id" => 2137
    "titulo" => "APONTAMENTOS PARA UMA PERSPECTIVA FREIREANA A PARTIR DA ARGUMENTAÇÃO PRÁTICA DE PROFESSORES/AS DE EDUCAÇÃO FÍSICA NA RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA E NO PIBID"
    "resumo" => """
      INTRODUÇÃO\r\n
      COM A CONCRETIZAÇÃO DO GOLPE POLÍTICO ENGENDRADO A PARTIR DO RESULTADO DAS ELEIÇÕES DEMOCRÁTICAS DE 2014, O BRASIL VIVE UM CONTEXTO EM QUE SE ALARGOU O DISCURSO CONSERVADOR E NEGACIONISTA DESDE 2016. UMA SÉRIE DE INFORMAÇÕES DUVIDOSAS E NOTÍCIAS FALSAS VEM CIRCULANDO NAS REDES SOCIAIS DESDE ENTÃO, QUE NÃO COLABORAM PARA A TOMADA DE CONSCIÊNCIA POLÍTICA DA POPULAÇÃO (SANCHES NETO; VEN NCIO, 2020). ESSAS ASSIM DENOMINADAS FAKE NEWS FORAM O INVESTIMENTO PREDOMINANTE POR DEFENSORES/AS DE UM CAMPO AUTORITÁRIO E ALTERARAM O RUMO POLÍTICO, ECONÔMICO, SOCIAL E DE CORDIALIDADE HUMANA. SOBRETUDO, IMPULSIONARAM A ELEIÇÃO DE UM POLÍTICO QUE EXPLICITAMENTE USOU AS REDES SOCIAIS COM PALAVRAS QUE DESPEJARAM ÓDIO, MISOGINIA, PRECONCEITO ETC. ESSE DISCURSO DE ÓDIO SE ESTENDEU A PAULO FREIRE, COLOCANDO EM DÚVIDA SUA IMENSA CONTRIBUIÇÃO À EDUCAÇÃO BRASILEIRA E MUNDIAL.\r\n
      CHARLOT (2021B), AO SITUAR O PORQUÊ DE PAULO FREIRE SER O FOCO DE ATAQUES CONSTANTES, AFIRMA QUE UMA EDUCAÇÃO CONSCIENTIZADORA, BASEADA NA LIBERDADE, ESPERANÇA E TRANSFORMAÇÃO DO MUNDO, COMO DEFENDIA A MAIS RECONHECIDA REFERÊNCIA EDUCACIONAL BRASILEIRA, É REJEITADA POR QUEM PROMOVE O NEGACIONISMO, O USO DE MEDICAMENTOS SEM COMPROVAÇÃO CIENTÍFICA, AMEAÇA MULHERES E HOMOSSEXUAIS E DESUMANIZA AS POPULAÇÕES INDÍGENA E NEGRA. COVARDEMENTE, AS REDES SOCIAIS CONTINUAM SENDO O ESPAÇO PREDOMINANTE PARA AS DESQUALIFICAÇÕES FALACIOSAS SOBRE PAULO FREIRE. CRITICAMENTE, COMO PROFESSORES/AS PROGRESSISTAS, O NOSSO TRABALHO DOCENTE NÃO PODE SE CURVAR A ESSAS FALÁCIAS. A DIALOGICIDADE – COMO CONDUTA DE ABERTURA AO DIÁLOGO SINCERO E BASEADA EM (AUTO)CRÍTICA – REQUER IDENTIFICAR CONTRADIÇÕES E REFUTAR OS SIMPLISMOS INTELECTUAIS. \r\n
      OBJETIVO\r\n
      O OBJETIVO DESTA INVESTIGAÇÃO É EXPLICITAR COMO QUATRO PROFESSORES/AS-PESQUISADORES/AS REELABORAM SEUS PRÓPRIOS SABERES DOCENTES AO COMPARTILHAREM A ANÁLISE DAS PRÁTICAS QUE TÊM SIDO REALIZADAS EM TRÊS ESCOLAS-CAMPO – VINCULADAS AOS SUBPROJETOS INTERDISCIPLINARES DE EDUCAÇÃO FÍSICA – NO ÂMBITO DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID) E DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA (RP) EM FORTALEZA. A ARGUMENTAÇÃO PRÁTICA TEM O POTENCIAL DE REVELAR PREMISSAS QUE OS/AS PROFESSORES/AS TÊM SOBRE VALORES, EXPERIÊNCIAS, CONDIÇÕES E CONTEXTOS DE TRABALHO DOCENTE. CONTUDO, AO CONFRONTAR ESSAS PREMISSAS, CONTRADIÇÕES NAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS PODEM SER EVIDENCIADAS. \r\n
      PERCURSO METODOLÓGICO\r\n
      METODOLOGICAMENTE, A PARTIR DE PROCEDIMENTOS QUALITATIVOS DE AUTOCONFRONTAÇÃO, COTEJAMOS AS NARRATIVAS DE DOIS PRECEPTORES DA RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA E DOIS/AS SUPERVISORES/AS DO PIBID NO SUBPROJETO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ. \r\n
      RESULTADOS E DISCUSSÃO\r\n
      OS RESULTADOS INDICAM O PREDOMÍNIO DE SABERES EXPERIENCIAIS DOS/AS PROFESSORES/AS E ASPECTOS DIALÓGICOS CONVERGENTES, QUE REMETEM À PERSPECTIVA FREIREANA NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA. IDENTIFICAMOS QUE AO EXPLICITAR A ARGUMENTAÇÃO PRÁTICA DOS/AS PROFESSORES/AS, O PROCESSO DE FORMAÇÃO É COMPARTILHADO E FOMENTA NOVAS REFLEXÕES. NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR, FERREIRA ET AL. (2021) ANCORAM-SE EM FREIRE (1996) E EXPLICAM QUE AS RELAÇÕES ENTRE PROFESSOR/A E ALUNOS/AS SÃO IMPORTANTES PARA A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO, COM BASE NOS SABERES NECESSÁRIOS À PRÁTICA EDUCATIVA. PARA FREIRE (1987, P. 97), O DIÁLOGO DO/A PROFESSOR/A COM SEUS/AS ALUNOS/AS SOBRE OS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS NA ESCOLARIZAÇÃO É UMA “DEVOLUÇÃO ORGANIZADA, SISTEMATIZADA E ACRESCENTADA AO POVO” DAQUELES ELEMENTOS QUE FORAM EXPLICITADOS DESORGANIZADAMENTE. PARA FERREIRA ET AL. (2021) HÁ UMA VINCULAÇÃO DESSE PRESSUPOSTO METODOLÓGICO FREIREANO À PERSPECTIVA TEÓRICA DA RELAÇÃO COM O SABER DEFENDIDA POR CHARLOT (2021B) PORQUE, AO APRENDER COM ESSA DEVOLUTIVA, HÁ EXPECTATIVA DE QUE CADA ALUNO/A ESTABELEÇA RELAÇÕES COM OS SABERES QUE TÊM DIMENSÕES IDENTITÁRIAS, SOCIAIS E EPISTÊMICAS.\r\n
      A RELEITURA DOS RELATOS PELOS/AS PROFESSORES/AS APONTOU NOVAS FACETAS SOBRE A PRÓPRIA FORMAÇÃO PERMANENTE. AO LER OS RELATOS DOS/AS COLEGAS PRECEPTORES DA RP E SUPERVISORES/AS DO PIBID, POR EXEMPLO, FOI POSSÍVEL PARA OS/AS PRÓPRIOS/AS PROFESSORES/AS PERCEBER QUE HÁ COESÃO, HÁ UMA LINHA DE PENSAMENTO QUE SEGUE AFINADA E PRÓXIMA. OS/AS QUATRO DOCENTES PREOCUPAM-SE COM A FORMAÇÃO INTELECTUAL DOS/AS ALUNOS/AS E PROCURAM DESENVOLVER E APRIMORAR SUAS IDEIAS E PERCEPÇÕES ATRAVÉS DA REFLEXÃO, DA CRÍTICA CONSTRUTIVA E DO DIÁLOGO. HÁ UMA PREMISSA CONSISTENTE, BASEADA NA CRENÇA DE QUE O CONHECIMENTO É UMA FERRAMENTA CRUCIAL PARA A EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO. ATRAVÉS DA AUTORREFLEXÃO E DA AUTOCRÍTICA, OS/AS PROFESSORES/AS PROCURAM AMPLIAR E APRIMORAR A PRÁTICA PEDAGÓGICA, NA TENTATIVA DE AFETAR POSITIVAMENTE E ADEQUADAMENTE OS/AS ALUNOS/AS E APROXIMANDO CADA VEZ MAIS O DISCURSO À PRÁTICA EDUCATIVA DE CADA UM/A. DESPERTAR A CONSCIÊNCIA CRÍTICA DOS/AS ALUNOS/AS POR MEIO DE DISCUSSÕES E DE DIÁLOGOS, A FIM DE GERAR SABERES NOVOS, IMPLICA NA NECESSIDADE DE NOS APROXIMARMOS DA SUA REALIDADE E PERCEBÊ-LOS/AS COMO APRENDIZES VIVOS/AS.\r\n
      CONCLUSÃO\r\n
      CONSIDERAMOS QUE O PROCESSO FORMATIVO SE TORNA PERMANENTE, SENDO INCORPORADO À PERSPECTIVA DIALÓGICA DOS/AS PROFESSORES/AS, EMBORA OS SEUS VÍNCULOS COM OS PROGRAMAS INSTITUCIONAIS SEJAM TRANSITÓRIOS E TEMPORÁRIOS. CONCLUÍMOS QUE ESSE É UM AVANÇO QUALITATIVO DECORRENTE DA COLABORAÇÃO NA ANÁLISE DAS PRÁTICAS NOS DOIS PROGRAMAS. CADA PROFESSOR/A PRECISA SER REFLEXIVO/A, CRÍTICO/A E PESQUISADOR/A, PARA TER A CAPACIDADE DE ENSINAR DE MANEIRA CONTEXTUALIZADA E COLABORATIVA, SENDO ATENTO/A ÀS DEMANDAS ATUAIS, DE MODO A POSSIBILITAR A EMANCIPAÇÃO DOS/AS ALUNOS/AS E A TRANSFORMAÇÃO DAS DEMANDAS DO AMBIENTE ESCOLAR QUE ESTÁ INSERIDO/A, COMO TAMBÉM IMPULSIONAR DE FORMA COLETIVA A READEQUAÇÃO DO CURRÍCULO E DO PROJETO POLÍTICO E PEDAGÓGICO, SENDO ORIENTADO AOS INTERESSES CENTRAIS DE VIDA DA COMUNIDADE ESCOLAR.
      """
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "ET 08: Formação inicial e continuada de professores"
    "palavra_chave" => "PIBID, RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA, FORMAÇÃO DE PROFESSORES/AS, COMPLEXIDADE, CRITICIDADE"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EBOOK_EV163_MD1_SA108_ID213701032022173337.pdf"
    "created_at" => "2022-04-11 11:23:20"
    "updated_at" => null
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LUIZ SANCHES NETO"
    "autor_nome_curto" => "LUIZ"
    "autor_email" => "luizitosanches@yahoo.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "e-book-viii-enalic"
    "edicao_nome" => "E-book VIII ENALIC"
    "edicao_evento" => "VIII ENCONTRO NACIONAL DAS LICENCIATURAS / VII SEMINÁRIO DO PIBID / II SEMINÁRIO DO RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA"
    "edicao_ano" => 2022
    "edicao_pasta" => "ebooks/enalic/2021"
    "edicao_logo" => null
    "edicao_capa" => "62a767e04d470_13062022133752.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2022-04-05 08:32:13"
    "publicacao_id" => 97
    "publicacao_nome" => "E-book ENALIC"
    "publicacao_codigo" => "978-65-86901-58-0"
    "tipo_codigo_id" => 2
    "tipo_codigo_nome" => "ISBN"
    "tipo_publicacao_id" => 2
    "tipo_publicacao_nome" => "E-books"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: array:1 [
    "fkEdicao" => App\Base\Administrativo\Model\Edicao {#1644
      +table: "edicao"
      +timestamps: false
      -periocidade: array:10 [
        0 => "Diária"
        1 => "Semanal"
        2 => "Quinzenal"
        3 => "Mensal"
        4 => "Bimestral"
        5 => "Trimestral"
        6 => "Semestral"
        7 => "Anual"
        8 => "Bienal"
        9 => "Trienal"
      ]
      -idioma: array:3 [
        0 => "Português"
        1 => "Inglês"
        2 => "Espanhol"
      ]
      +fillable: array:23 [
        0 => "publicacao_id"
        1 => "volume"
        2 => "numero"
        3 => "url"
        4 => "nome"
        5 => "nome_evento"
        6 => "descricao"
        7 => "pasta"
        8 => "logo"
        9 => "capa"
        10 => "timbrado"
        11 => "periodicidade"
        12 => "idiomas"
        13 => "pais"
        14 => "inicio_evento"
        15 => "final_evento"
        16 => "ano_publicacao"
        17 => "data_publicacao"
        18 => "autor_corporativo"
        19 => "visualizar_artigo"
        20 => "created_at"
        21 => "updated_at"
        22 => "ativo"
      ]
      #casts: array:24 [
        "id" => "integer"
        "publicacao_id" => "integer"
        "volume" => "integer"
        "numero" => "integer"
        "url" => "string"
        "nome" => "string"
        "nome_evento" => "string"
        "descricao" => "string"
        "pasta" => "string"
        "logo" => "string"
        "capa" => "string"
        "timbrado" => "string"
        "periodicidade" => "string"
        "idiomas" => "string"
        "pais" => "string"
        "inicio_evento" => "date"
        "final_evento" => "date"
        "ano_publicacao" => "integer"
        "data_publicacao" => "date"
        "autor_corporativo" => "string"
        "visualizar_artigo" => "boolean"
        "created_at" => "datetime"
        "updated_at" => "datetime"
        "ativo" => "boolean"
      ]
      #connection: "mysql"
      #primaryKey: "id"
      #keyType: "int"
      +incrementing: true
      #with: []
      #withCount: []
      #perPage: 15
      +exists: true
      +wasRecentlyCreated: false
      #attributes: array:24 [
        "id" => 205
        "publicacao_id" => 97
        "volume" => 1
        "numero" => 1
        "url" => "e-book-viii-enalic"
        "nome" => "E-book VIII ENALIC"
        "nome_evento" => "VIII ENCONTRO NACIONAL DAS LICENCIATURAS / VII SEMINÁRIO DO PIBID / II SEMINÁRIO DO RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA"
        "descricao" => """
          N&oacute;s passarinhos, eles passar&atilde;o: esperan&ccedil;ar, agir e resistir na forma&ccedil;&atilde;o de professores.<br />\r\n
          <br />\r\n
          A pandemia se imp&ocirc;s ao mundo. Desde o in&iacute;cio de 2020, temos a cada dia um fato novo, uma nova realidade. Doen&ccedil;a, mortes e p&acirc;nico foram ceifando vidas, sonhos e trabalho. Perdas talvez seja a palavra que melhor expresse esse per&iacute;odo!<br />\r\n
          <br />\r\n
          Para a educa&ccedil;&atilde;o n&atilde;o foi diferente. Escolas fechadas, docentes e estudantes em atividades remotas. A maioria sem condi&ccedil;&otilde;es materiais e emocionais para enfrentar a nova situa&ccedil;&atilde;o. O preju&iacute;zo pedag&oacute;gico &eacute; imenso com retrocessos inevit&aacute;veis frente &agrave;s omissas pol&iacute;ticas p&uacute;blicas e o genoc&iacute;dio do povo brasileiro. Demorou um tempo, mas a sociedade come&ccedil;ou a reagir e a enfrentar os problemas.<br />\r\n
          <br />\r\n
          &Eacute; nesse contexto de perdas de vidas e retrocessos sociais que o VIII ENALIC, o VII Semin&aacute;rio Nacional do PIBID e o II Semin&aacute;rio Nacional da Resid&ecirc;ncia Pedag&oacute;gica foram realizados de 07 a 11 de dezembro de 2021, de modo online. Sem condi&ccedil;&otilde;es de realiza&ccedil;&atilde;o em 2020, a necessidade de efetivar esse conjunto de eventos &eacute; inadi&aacute;vel. Mais do que nunca, o di&aacute;logo entre professores da educa&ccedil;&atilde;o b&aacute;sica e formadores, estudantes, pesquisadores, p&oacute;s-graduandos e demais profissionais da educa&ccedil;&atilde;o &eacute; urgente para discutir estrat&eacute;gias de luta, socializar conhecimentos e viv&ecirc;ncias, que municie o enfrentamento das pol&iacute;ticas neoliberais que se impuseram com maior for&ccedil;a na educa&ccedil;&atilde;o. N&atilde;o s&atilde;o poucas as quest&otilde;es a serem debatidas: a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), a Base Nacional Curricular-Forma&ccedil;&atilde;o de Professores, a Reforma do Ensino M&eacute;dio e seus &ldquo;novos&rdquo; itiner&aacute;rios, o corte no financiamento da educa&ccedil;&atilde;o com a EC n&ordm; 95/2016, bem como o impacto da pandemia, entre outros.<br />\r\n
          <br />\r\n
          A partir de debate com embasamento te&oacute;rico e de investiga&ccedil;&otilde;es recentes e relevantes, promovendo reflex&atilde;o atual e contextualizada de quest&otilde;es implicadas &agrave; forma&ccedil;&atilde;o inicial e continuada de professores da Educa&ccedil;&atilde;o B&aacute;sica, que esses eventos buscam contribuir com a luta geral em defesa da educa&ccedil;&atilde;o p&uacute;blica, laica, gratuita, democr&aacute;tica e de qualidade socialmente referenciada para todos. Para tanto, ter&atilde;o em Paulo Freire, Patrono da Educa&ccedil;&atilde;o Brasileira, um pilar de resist&ecirc;ncia e inspira&ccedil;&atilde;o. Assim, convidamos a tod@s a participarem desse momento especial, mesmo que virtual, para juntarmos for&ccedil;a, reflex&atilde;o e energia para a luta!<br />\r\n
          &nbsp;<br />\r\n
          &nbsp;
          """
        "pasta" => "ebooks/enalic/2021"
        "logo" => null
        "capa" => "62a767e04d470_13062022133752.jpg"
        "timbrado" => "62989c21bb42f_02062022081649.jpg"
        "periodicidade" => "Bienal"
        "idiomas" => "Português"
        "pais" => "Brasil"
        "inicio_evento" => "2021-12-07"
        "final_evento" => "2021-12-11"
        "ano_publicacao" => 2022
        "data_publicacao" => null
        "autor_corporativo" => "Realize Eventos Científicos & Editora"
        "visualizar_artigo" => 1
        "created_at" => "2022-04-05 08:32:13"
        "updated_at" => "2022-06-13 13:37:52"
        "ativo" => 1
      ]
      #original: array:24 [
        "id" => 205
        "publicacao_id" => 97
        "volume" => 1
        "numero" => 1
        "url" => "e-book-viii-enalic"
        "nome" => "E-book VIII ENALIC"
        "nome_evento" => "VIII ENCONTRO NACIONAL DAS LICENCIATURAS / VII SEMINÁRIO DO PIBID / II SEMINÁRIO DO RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA"
        "descricao" => """
          N&oacute;s passarinhos, eles passar&atilde;o: esperan&ccedil;ar, agir e resistir na forma&ccedil;&atilde;o de professores.<br />\r\n
          <br />\r\n
          A pandemia se imp&ocirc;s ao mundo. Desde o in&iacute;cio de 2020, temos a cada dia um fato novo, uma nova realidade. Doen&ccedil;a, mortes e p&acirc;nico foram ceifando vidas, sonhos e trabalho. Perdas talvez seja a palavra que melhor expresse esse per&iacute;odo!<br />\r\n
          <br />\r\n
          Para a educa&ccedil;&atilde;o n&atilde;o foi diferente. Escolas fechadas, docentes e estudantes em atividades remotas. A maioria sem condi&ccedil;&otilde;es materiais e emocionais para enfrentar a nova situa&ccedil;&atilde;o. O preju&iacute;zo pedag&oacute;gico &eacute; imenso com retrocessos inevit&aacute;veis frente &agrave;s omissas pol&iacute;ticas p&uacute;blicas e o genoc&iacute;dio do povo brasileiro. Demorou um tempo, mas a sociedade come&ccedil;ou a reagir e a enfrentar os problemas.<br />\r\n
          <br />\r\n
          &Eacute; nesse contexto de perdas de vidas e retrocessos sociais que o VIII ENALIC, o VII Semin&aacute;rio Nacional do PIBID e o II Semin&aacute;rio Nacional da Resid&ecirc;ncia Pedag&oacute;gica foram realizados de 07 a 11 de dezembro de 2021, de modo online. Sem condi&ccedil;&otilde;es de realiza&ccedil;&atilde;o em 2020, a necessidade de efetivar esse conjunto de eventos &eacute; inadi&aacute;vel. Mais do que nunca, o di&aacute;logo entre professores da educa&ccedil;&atilde;o b&aacute;sica e formadores, estudantes, pesquisadores, p&oacute;s-graduandos e demais profissionais da educa&ccedil;&atilde;o &eacute; urgente para discutir estrat&eacute;gias de luta, socializar conhecimentos e viv&ecirc;ncias, que municie o enfrentamento das pol&iacute;ticas neoliberais que se impuseram com maior for&ccedil;a na educa&ccedil;&atilde;o. N&atilde;o s&atilde;o poucas as quest&otilde;es a serem debatidas: a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), a Base Nacional Curricular-Forma&ccedil;&atilde;o de Professores, a Reforma do Ensino M&eacute;dio e seus &ldquo;novos&rdquo; itiner&aacute;rios, o corte no financiamento da educa&ccedil;&atilde;o com a EC n&ordm; 95/2016, bem como o impacto da pandemia, entre outros.<br />\r\n
          <br />\r\n
          A partir de debate com embasamento te&oacute;rico e de investiga&ccedil;&otilde;es recentes e relevantes, promovendo reflex&atilde;o atual e contextualizada de quest&otilde;es implicadas &agrave; forma&ccedil;&atilde;o inicial e continuada de professores da Educa&ccedil;&atilde;o B&aacute;sica, que esses eventos buscam contribuir com a luta geral em defesa da educa&ccedil;&atilde;o p&uacute;blica, laica, gratuita, democr&aacute;tica e de qualidade socialmente referenciada para todos. Para tanto, ter&atilde;o em Paulo Freire, Patrono da Educa&ccedil;&atilde;o Brasileira, um pilar de resist&ecirc;ncia e inspira&ccedil;&atilde;o. Assim, convidamos a tod@s a participarem desse momento especial, mesmo que virtual, para juntarmos for&ccedil;a, reflex&atilde;o e energia para a luta!<br />\r\n
          &nbsp;<br />\r\n
          &nbsp;
          """
        "pasta" => "ebooks/enalic/2021"
        "logo" => null
        "capa" => "62a767e04d470_13062022133752.jpg"
        "timbrado" => "62989c21bb42f_02062022081649.jpg"
        "periodicidade" => "Bienal"
        "idiomas" => "Português"
        "pais" => "Brasil"
        "inicio_evento" => "2021-12-07"
        "final_evento" => "2021-12-11"
        "ano_publicacao" => 2022
        "data_publicacao" => null
        "autor_corporativo" => "Realize Eventos Científicos & Editora"
        "visualizar_artigo" => 1
        "created_at" => "2022-04-05 08:32:13"
        "updated_at" => "2022-06-13 13:37:52"
        "ativo" => 1
      ]
      #changes: []
      #classCastCache: []
      #dates: []
      #dateFormat: null
      #appends: []
      #dispatchesEvents: []
      #observables: []
      #relations: array:1 [
        "fkEdicaoEbook" => Illuminate\Database\Eloquent\Collection {#1642
          #items: array:1 [
            0 => App\Base\Administrativo\Model\EdicaoEbook {#1641
              +table: "edicao_ebook"
              +timestamps: false
              +fillable: array:16 [
                0 => "edicao_id"
                1 => "codigo"
                2 => "capa"
                3 => "titulo"
                4 => "descricao"
                5 => "prefacio"
                6 => "apresentacao"
                7 => "organizadores"
                8 => "conselho_editorial"
                9 => "ficha_catalografica"
                10 => "arquivo"
                11 => "arquivo_alterado"
                12 => "ano_publicacao"
                13 => "created_at"
                14 => "updated_at"
                15 => "ativo"
              ]
              #casts: array:16 [
                "id" => "integer"
                "edicao_id" => "integer"
                "codigo" => "string"
                "capa" => "string"
                "titulo" => "string"
                "prefacio" => "string"
                "apresentacao" => "string"
                "organizadores" => "string"
                "conselho_editorial" => "string"
                "ficha_catalografica" => "string"
                "arquivo" => "string"
                "arquivo_alterado" => "boolean"
                "ano_publicacao" => "integer"
                "created_at" => "datetime"
                "updated_at" => "datetime"
                "ativo" => "boolean"
              ]
              #connection: "mysql"
              #primaryKey: "id"
              #keyType: "int"
              +incrementing: true
              #with: []
              #withCount: []
              #perPage: 15
              +exists: true
              +wasRecentlyCreated: false
              #attributes: array:16 [
                "id" => 100
                "edicao_id" => 205
                "codigo" => "978-65-86901-58-0"
                "capa" => "62a767e051856_13062022133752.jpg"
                "titulo" => "E-book VIII ENALIC"
                "prefacio" => """
                  A pandemia da COVID-19 se imp&ocirc;s ao mundo. Desde o in&iacute;cio de 2020, temos a cada dia um fato novo, uma nova realidade. Doen&ccedil;a, mortes e p&acirc;nico foram ceifando vidas, sonhos e trabalho. Perdas talvez seja a palavra que melhor expresse esse per&iacute;odo!<br />\r\n
                  Para a educa&ccedil;&atilde;o n&atilde;o foi diferente. Escolas fechadas, docentes e estudantes em atividades remotas. A maioria sem condi&ccedil;&otilde;es materiais e emocionais para enfrentar a nova situa&ccedil;&atilde;o. O preju&iacute;zo pedag&oacute;gico &eacute; imenso com retrocessos inevit&aacute;veis frente &agrave;s omissas pol&iacute;ticas p&uacute;blicas e o genoc&iacute;dio do povo brasileiro. Demorou um tempo, mas a sociedade come&ccedil;ou a reagir e a enfrentar os problemas, embora a educa&ccedil;&atilde;o, mesmo sob as mais adversas condi&ccedil;&otilde;es, nunca ficou parada.<br />\r\n
                  &Eacute; nesse contexto de perdas de vidas e retrocessos sociais que o VIII ENALIC, o VII Semin&aacute;rio Nacional do PIBID e o II Semin&aacute;rio Nacional da Resid&ecirc;ncia Pedag&oacute;gica que s&atilde;o realizados de 07 a 11 de dezembro de 2021, de modo online, ap&oacute;s adiarmos sua realiza&ccedil;&atilde;o inicialmente prevista para 2020. Mais do que nunca, o di&aacute;logo entre professores da educa&ccedil;&atilde;o b&aacute;sica e formadores, estudantes, pesquisadores, p&oacute;s-graduandos e demais profissionais da educa&ccedil;&atilde;o &eacute; urgente para discutir estrat&eacute;gias de luta, socializar conhecimentos e viv&ecirc;ncias, que municie o enfrentamento das pol&iacute;ticas neoliberais que se impuseram com maior for&ccedil;a na educa&ccedil;&atilde;o. N&atilde;o s&atilde;o poucas as quest&otilde;es debatidas: a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), a Base Nacional Curricular-Forma&ccedil;&atilde;o de Professores, a Reforma do Ensino M&eacute;dio e seus &ldquo;novos&rdquo; itiner&aacute;rios, o corte no financiamento da educa&ccedil;&atilde;o com a EC n&ordm; 95/2016, bem como o impacto da pandemia, entre outros.<br />\r\n
                  A partir de debate com embasamento te&oacute;rico e de investiga&ccedil;&otilde;es recentes e relevantes, promovendo reflex&atilde;o atual e contextualizada de quest&otilde;es implicadas &agrave; forma&ccedil;&atilde;o inicial e continuada de professores da Educa&ccedil;&atilde;o B&aacute;sica, que esses eventos mais uma vez contribu&iacute;ram com a luta geral em defesa da educa&ccedil;&atilde;o p&uacute;blica, laica, gratuita, democr&aacute;tica e de qualidade socialmente referenciada para todos, tendo em Paulo Freire, Patrono da Educa&ccedil;&atilde;o Brasileira, um pilar de resist&ecirc;ncia e inspira&ccedil;&atilde;o. Assim, convidamos a tod@s a lerem ebook do evento como continuidade do processo desencadeado em dezembro. Sem d&uacute;vidas, estaremos junt@s daqui a pouco, de modo presencial, para que a nossa energia seja cada vez mais revertida em organiza&ccedil;&atilde;o de luta dos docentes e licenciandos desse Brasil, que acreditam na educa&ccedil;&atilde;o p&uacute;blica, democr&aacute;tica, laica e de qualidade, socialmente referenciada para todos!<br />\r\n
                  Boa leitura!<br />\r\n
                  &nbsp;<br />\r\n
                  Nilson de Souza Cardoso<br />\r\n
                  Sueli Guadelupe de Lima Mendon&ccedil;a<br />\r\n
                  Cristiane Antonia Hauschild Johann<br />\r\n
                  Jaqueline Rabelo de Lima<br />\r\n
                  Maio de 2022.<br />\r\n
                  &nbsp;
                  """
                "apresentacao" => null
                "organizadores" => """
                  Nilson de Souza Cardoso<br />\r\n
                  Sueli Guadelupe de Lima Mendon&ccedil;a<br />\r\n
                  Cristiane Antonia Hauschild Johann<br />\r\n
                  Jaqueline Rabelo De Lima
                  """
                "conselho_editorial" => """
                  Ad&eacute;lia Maria Evangelista Azevedo (Unidades de Jardim- UEMS)<br />\r\n
                  Alana Cec&iacute;lia de Menezes Sobreira (UECE)<br />\r\n
                  Ana Maria Pereira Lima (UECE)<br />\r\n
                  Andr&eacute; Lu&iacute;s de Oliveira (Universidade Estadual de Maring&aacute;-UEM)<br />\r\n
                  Beatriz Fernanda Almeida da Silva (Unespar)<br />\r\n
                  Cl&aacute;udia In&ecirc;s Horn (UNIVATES)<br />\r\n
                  Claudia Maria Sallai Tanhoffer (UFPR)<br />\r\n
                  Cristiane Antonia Hauschild (Universidade do Vale do Taquar&iacute; - Univates)<br />\r\n
                  Cristiane Maria Sampaio Forte (UECE)<br />\r\n
                  Desire Luciane Dominschek (Uninter/Unicamp)<br />\r\n
                  Douglas Eduardo Soares Pereira (Instituto Federal do Paran&aacute;)<br />\r\n
                  Eliane Matesco Cristov&atilde;o (UNIFEI)<br />\r\n
                  Elsio Jos&eacute; Cor&aacute; (UFFS)<br />\r\n
                  Fabiane Oleg&aacute;rio (UNIVATES)<br />\r\n
                  Fabr&iacute;cio Bonfim Sud&eacute;rio (UECE)<br />\r\n
                  Fernanda Silvia Veloso (UFPR)<br />\r\n
                  Flavia Sueli Fabiani Marcatto (UNIFEI)<br />\r\n
                  Gicele Maria Cervi (PUC - S&Atilde;O PAULO)<br />\r\n
                  Giselle Giovanna do Couto de Oliveira (IFPR)<br />\r\n
                  Gizeli Aparecida Ribeiro de Alencar (Universidade Estadual de Maring&aacute; - UEM)<br />\r\n
                  Iara Aquino (IFPR)<br />\r\n
                  Isabel Cristina Rodrigues (UEM)<br />\r\n
                  Jaqueline Rabelo de Lima (UECE)<br />\r\n
                  Jones Baroni Ferreira de Menezes (UECE)<br />\r\n
                  Jose Fernandes da Silva (IFMG)<br />\r\n
                  Karina Soledad Maldonado Molina (USP)<br />\r\n
                  Leandro Palcha (UFPR)<br />\r\n
                  Leila Cleuri Pryjma (IFPR)<br />\r\n
                  Lilian Cristina Buzato Ritter (UEM)<br />\r\n
                  Luc&eacute;lio Ferreira Simi&atilde;o (UEMS)<br />\r\n
                  Luciana Facchini (Instituto Superior de Educa&ccedil;&atilde;o Ivoti)<br />\r\n
                  Luiz Felipe Marques (Universidade Estadual do Paran&aacute;)<br />\r\n
                  M&aacute;rcia Elisa Tet&eacute; Ramos (UEM)<br />\r\n
                  Marcilene de Assis Alves Araujo (Universidade de Gurupi - UnirG)<br />\r\n
                  Maria Elisabete Bersch (UNIVATES)<br />\r\n
                  Maria M&aacute;rcia Melo de Castro Martins (UECE)<br />\r\n
                  Mariana Feiteiro Cavalari &nbsp;(UNESP - RIO CLARO)<br />\r\n
                  M&aacute;rio C&eacute;zar Amorim de Oliveira (UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEAR&Aacute;)<br />\r\n
                  NO&Ecirc;MIA DOS SANTOS PEREIRA MOURA (UFGD)<br />\r\n
                  Raylson Francisco Nunes de Sousa (UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEAR&Aacute;)<br />\r\n
                  Rosane de Fatima Batista Teixeira (IFPR)<br />\r\n
                  Sandra Regina D&rsquo; Antonio Verrengia (UEM)<br />\r\n
                  S&eacute;rgio Nunes Lopes (Universidade do Vale do Taquari - Univates)<br />\r\n
                  Sergio Vale da Paix&atilde;o (IFPR)<br />\r\n
                  T&acirc;nia Maria de Sousa Fran&ccedil;a (Universidade Estadual do Cear&aacute; - UECE)<br />\r\n
                  Thais Ludmila Da Silva Ranieri (UFRPE)<br />\r\n
                  Viviane Paula Martini (IFPR)<br />\r\n
                  Welessandra Aparecida Benfica (UEMG)
                  """
                "ficha_catalografica" => "62a8b99c64442_14062022133852.pdf"
                "arquivo" => "15062022101650-E-BOOK-VIII-ENALIC.pdf"
                "arquivo_alterado" => 1
                "ano_publicacao" => 2022
                "created_at" => "2022-04-05 08:32:13"
                "updated_at" => "2022-06-15 10:19:16"
                "ativo" => 1
              ]
              #original: array:16 [
                "id" => 100
                "edicao_id" => 205
                "codigo" => "978-65-86901-58-0"
                "capa" => "62a767e051856_13062022133752.jpg"
                "titulo" => "E-book VIII ENALIC"
                "prefacio" => """
                  A pandemia da COVID-19 se imp&ocirc;s ao mundo. Desde o in&iacute;cio de 2020, temos a cada dia um fato novo, uma nova realidade. Doen&ccedil;a, mortes e p&acirc;nico foram ceifando vidas, sonhos e trabalho. Perdas talvez seja a palavra que melhor expresse esse per&iacute;odo!<br />\r\n
                  Para a educa&ccedil;&atilde;o n&atilde;o foi diferente. Escolas fechadas, docentes e estudantes em atividades remotas. A maioria sem condi&ccedil;&otilde;es materiais e emocionais para enfrentar a nova situa&ccedil;&atilde;o. O preju&iacute;zo pedag&oacute;gico &eacute; imenso com retrocessos inevit&aacute;veis frente &agrave;s omissas pol&iacute;ticas p&uacute;blicas e o genoc&iacute;dio do povo brasileiro. Demorou um tempo, mas a sociedade come&ccedil;ou a reagir e a enfrentar os problemas, embora a educa&ccedil;&atilde;o, mesmo sob as mais adversas condi&ccedil;&otilde;es, nunca ficou parada.<br />\r\n
                  &Eacute; nesse contexto de perdas de vidas e retrocessos sociais que o VIII ENALIC, o VII Semin&aacute;rio Nacional do PIBID e o II Semin&aacute;rio Nacional da Resid&ecirc;ncia Pedag&oacute;gica que s&atilde;o realizados de 07 a 11 de dezembro de 2021, de modo online, ap&oacute;s adiarmos sua realiza&ccedil;&atilde;o inicialmente prevista para 2020. Mais do que nunca, o di&aacute;logo entre professores da educa&ccedil;&atilde;o b&aacute;sica e formadores, estudantes, pesquisadores, p&oacute;s-graduandos e demais profissionais da educa&ccedil;&atilde;o &eacute; urgente para discutir estrat&eacute;gias de luta, socializar conhecimentos e viv&ecirc;ncias, que municie o enfrentamento das pol&iacute;ticas neoliberais que se impuseram com maior for&ccedil;a na educa&ccedil;&atilde;o. N&atilde;o s&atilde;o poucas as quest&otilde;es debatidas: a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), a Base Nacional Curricular-Forma&ccedil;&atilde;o de Professores, a Reforma do Ensino M&eacute;dio e seus &ldquo;novos&rdquo; itiner&aacute;rios, o corte no financiamento da educa&ccedil;&atilde;o com a EC n&ordm; 95/2016, bem como o impacto da pandemia, entre outros.<br />\r\n
                  A partir de debate com embasamento te&oacute;rico e de investiga&ccedil;&otilde;es recentes e relevantes, promovendo reflex&atilde;o atual e contextualizada de quest&otilde;es implicadas &agrave; forma&ccedil;&atilde;o inicial e continuada de professores da Educa&ccedil;&atilde;o B&aacute;sica, que esses eventos mais uma vez contribu&iacute;ram com a luta geral em defesa da educa&ccedil;&atilde;o p&uacute;blica, laica, gratuita, democr&aacute;tica e de qualidade socialmente referenciada para todos, tendo em Paulo Freire, Patrono da Educa&ccedil;&atilde;o Brasileira, um pilar de resist&ecirc;ncia e inspira&ccedil;&atilde;o. Assim, convidamos a tod@s a lerem ebook do evento como continuidade do processo desencadeado em dezembro. Sem d&uacute;vidas, estaremos junt@s daqui a pouco, de modo presencial, para que a nossa energia seja cada vez mais revertida em organiza&ccedil;&atilde;o de luta dos docentes e licenciandos desse Brasil, que acreditam na educa&ccedil;&atilde;o p&uacute;blica, democr&aacute;tica, laica e de qualidade, socialmente referenciada para todos!<br />\r\n
                  Boa leitura!<br />\r\n
                  &nbsp;<br />\r\n
                  Nilson de Souza Cardoso<br />\r\n
                  Sueli Guadelupe de Lima Mendon&ccedil;a<br />\r\n
                  Cristiane Antonia Hauschild Johann<br />\r\n
                  Jaqueline Rabelo de Lima<br />\r\n
                  Maio de 2022.<br />\r\n
                  &nbsp;
                  """
                "apresentacao" => null
                "organizadores" => """
                  Nilson de Souza Cardoso<br />\r\n
                  Sueli Guadelupe de Lima Mendon&ccedil;a<br />\r\n
                  Cristiane Antonia Hauschild Johann<br />\r\n
                  Jaqueline Rabelo De Lima
                  """
                "conselho_editorial" => """
                  Ad&eacute;lia Maria Evangelista Azevedo (Unidades de Jardim- UEMS)<br />\r\n
                  Alana Cec&iacute;lia de Menezes Sobreira (UECE)<br />\r\n
                  Ana Maria Pereira Lima (UECE)<br />\r\n
                  Andr&eacute; Lu&iacute;s de Oliveira (Universidade Estadual de Maring&aacute;-UEM)<br />\r\n
                  Beatriz Fernanda Almeida da Silva (Unespar)<br />\r\n
                  Cl&aacute;udia In&ecirc;s Horn (UNIVATES)<br />\r\n
                  Claudia Maria Sallai Tanhoffer (UFPR)<br />\r\n
                  Cristiane Antonia Hauschild (Universidade do Vale do Taquar&iacute; - Univates)<br />\r\n
                  Cristiane Maria Sampaio Forte (UECE)<br />\r\n
                  Desire Luciane Dominschek (Uninter/Unicamp)<br />\r\n
                  Douglas Eduardo Soares Pereira (Instituto Federal do Paran&aacute;)<br />\r\n
                  Eliane Matesco Cristov&atilde;o (UNIFEI)<br />\r\n
                  Elsio Jos&eacute; Cor&aacute; (UFFS)<br />\r\n
                  Fabiane Oleg&aacute;rio (UNIVATES)<br />\r\n
                  Fabr&iacute;cio Bonfim Sud&eacute;rio (UECE)<br />\r\n
                  Fernanda Silvia Veloso (UFPR)<br />\r\n
                  Flavia Sueli Fabiani Marcatto (UNIFEI)<br />\r\n
                  Gicele Maria Cervi (PUC - S&Atilde;O PAULO)<br />\r\n
                  Giselle Giovanna do Couto de Oliveira (IFPR)<br />\r\n
                  Gizeli Aparecida Ribeiro de Alencar (Universidade Estadual de Maring&aacute; - UEM)<br />\r\n
                  Iara Aquino (IFPR)<br />\r\n
                  Isabel Cristina Rodrigues (UEM)<br />\r\n
                  Jaqueline Rabelo de Lima (UECE)<br />\r\n
                  Jones Baroni Ferreira de Menezes (UECE)<br />\r\n
                  Jose Fernandes da Silva (IFMG)<br />\r\n
                  Karina Soledad Maldonado Molina (USP)<br />\r\n
                  Leandro Palcha (UFPR)<br />\r\n
                  Leila Cleuri Pryjma (IFPR)<br />\r\n
                  Lilian Cristina Buzato Ritter (UEM)<br />\r\n
                  Luc&eacute;lio Ferreira Simi&atilde;o (UEMS)<br />\r\n
                  Luciana Facchini (Instituto Superior de Educa&ccedil;&atilde;o Ivoti)<br />\r\n
                  Luiz Felipe Marques (Universidade Estadual do Paran&aacute;)<br />\r\n
                  M&aacute;rcia Elisa Tet&eacute; Ramos (UEM)<br />\r\n
                  Marcilene de Assis Alves Araujo (Universidade de Gurupi - UnirG)<br />\r\n
                  Maria Elisabete Bersch (UNIVATES)<br />\r\n
                  Maria M&aacute;rcia Melo de Castro Martins (UECE)<br />\r\n
                  Mariana Feiteiro Cavalari &nbsp;(UNESP - RIO CLARO)<br />\r\n
                  M&aacute;rio C&eacute;zar Amorim de Oliveira (UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEAR&Aacute;)<br />\r\n
                  NO&Ecirc;MIA DOS SANTOS PEREIRA MOURA (UFGD)<br />\r\n
                  Raylson Francisco Nunes de Sousa (UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEAR&Aacute;)<br />\r\n
                  Rosane de Fatima Batista Teixeira (IFPR)<br />\r\n
                  Sandra Regina D&rsquo; Antonio Verrengia (UEM)<br />\r\n
                  S&eacute;rgio Nunes Lopes (Universidade do Vale do Taquari - Univates)<br />\r\n
                  Sergio Vale da Paix&atilde;o (IFPR)<br />\r\n
                  T&acirc;nia Maria de Sousa Fran&ccedil;a (Universidade Estadual do Cear&aacute; - UECE)<br />\r\n
                  Thais Ludmila Da Silva Ranieri (UFRPE)<br />\r\n
                  Viviane Paula Martini (IFPR)<br />\r\n
                  Welessandra Aparecida Benfica (UEMG)
                  """
                "ficha_catalografica" => "62a8b99c64442_14062022133852.pdf"
                "arquivo" => "15062022101650-E-BOOK-VIII-ENALIC.pdf"
                "arquivo_alterado" => 1
                "ano_publicacao" => 2022
                "created_at" => "2022-04-05 08:32:13"
                "updated_at" => "2022-06-15 10:19:16"
                "ativo" => 1
              ]
              #changes: []
              #classCastCache: []
              #dates: []
              #dateFormat: null
              #appends: []
              #dispatchesEvents: []
              #observables: []
              #relations: []
              #touches: []
              #hidden: []
              #visible: []
              #guarded: array:1 [
                0 => "*"
              ]
            }
          ]
        }
      ]
      #touches: []
      #hidden: []
      #visible: []
      #guarded: array:1 [
        0 => "*"
      ]
    }
  ]
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 05 de abril de 2022

Resumo

INTRODUÇÃO COM A CONCRETIZAÇÃO DO GOLPE POLÍTICO ENGENDRADO A PARTIR DO RESULTADO DAS ELEIÇÕES DEMOCRÁTICAS DE 2014, O BRASIL VIVE UM CONTEXTO EM QUE SE ALARGOU O DISCURSO CONSERVADOR E NEGACIONISTA DESDE 2016. UMA SÉRIE DE INFORMAÇÕES DUVIDOSAS E NOTÍCIAS FALSAS VEM CIRCULANDO NAS REDES SOCIAIS DESDE ENTÃO, QUE NÃO COLABORAM PARA A TOMADA DE CONSCIÊNCIA POLÍTICA DA POPULAÇÃO (SANCHES NETO; VEN NCIO, 2020). ESSAS ASSIM DENOMINADAS FAKE NEWS FORAM O INVESTIMENTO PREDOMINANTE POR DEFENSORES/AS DE UM CAMPO AUTORITÁRIO E ALTERARAM O RUMO POLÍTICO, ECONÔMICO, SOCIAL E DE CORDIALIDADE HUMANA. SOBRETUDO, IMPULSIONARAM A ELEIÇÃO DE UM POLÍTICO QUE EXPLICITAMENTE USOU AS REDES SOCIAIS COM PALAVRAS QUE DESPEJARAM ÓDIO, MISOGINIA, PRECONCEITO ETC. ESSE DISCURSO DE ÓDIO SE ESTENDEU A PAULO FREIRE, COLOCANDO EM DÚVIDA SUA IMENSA CONTRIBUIÇÃO À EDUCAÇÃO BRASILEIRA E MUNDIAL. CHARLOT (2021B), AO SITUAR O PORQUÊ DE PAULO FREIRE SER O FOCO DE ATAQUES CONSTANTES, AFIRMA QUE UMA EDUCAÇÃO CONSCIENTIZADORA, BASEADA NA LIBERDADE, ESPERANÇA E TRANSFORMAÇÃO DO MUNDO, COMO DEFENDIA A MAIS RECONHECIDA REFERÊNCIA EDUCACIONAL BRASILEIRA, É REJEITADA POR QUEM PROMOVE O NEGACIONISMO, O USO DE MEDICAMENTOS SEM COMPROVAÇÃO CIENTÍFICA, AMEAÇA MULHERES E HOMOSSEXUAIS E DESUMANIZA AS POPULAÇÕES INDÍGENA E NEGRA. COVARDEMENTE, AS REDES SOCIAIS CONTINUAM SENDO O ESPAÇO PREDOMINANTE PARA AS DESQUALIFICAÇÕES FALACIOSAS SOBRE PAULO FREIRE. CRITICAMENTE, COMO PROFESSORES/AS PROGRESSISTAS, O NOSSO TRABALHO DOCENTE NÃO PODE SE CURVAR A ESSAS FALÁCIAS. A DIALOGICIDADE – COMO CONDUTA DE ABERTURA AO DIÁLOGO SINCERO E BASEADA EM (AUTO)CRÍTICA – REQUER IDENTIFICAR CONTRADIÇÕES E REFUTAR OS SIMPLISMOS INTELECTUAIS. OBJETIVO O OBJETIVO DESTA INVESTIGAÇÃO É EXPLICITAR COMO QUATRO PROFESSORES/AS-PESQUISADORES/AS REELABORAM SEUS PRÓPRIOS SABERES DOCENTES AO COMPARTILHAREM A ANÁLISE DAS PRÁTICAS QUE TÊM SIDO REALIZADAS EM TRÊS ESCOLAS-CAMPO – VINCULADAS AOS SUBPROJETOS INTERDISCIPLINARES DE EDUCAÇÃO FÍSICA – NO ÂMBITO DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID) E DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA (RP) EM FORTALEZA. A ARGUMENTAÇÃO PRÁTICA TEM O POTENCIAL DE REVELAR PREMISSAS QUE OS/AS PROFESSORES/AS TÊM SOBRE VALORES, EXPERIÊNCIAS, CONDIÇÕES E CONTEXTOS DE TRABALHO DOCENTE. CONTUDO, AO CONFRONTAR ESSAS PREMISSAS, CONTRADIÇÕES NAS PRÁTICAS PEDAGÓGICAS PODEM SER EVIDENCIADAS. PERCURSO METODOLÓGICO METODOLOGICAMENTE, A PARTIR DE PROCEDIMENTOS QUALITATIVOS DE AUTOCONFRONTAÇÃO, COTEJAMOS AS NARRATIVAS DE DOIS PRECEPTORES DA RESIDÊNCIA PEDAGÓGICA E DOIS/AS SUPERVISORES/AS DO PIBID NO SUBPROJETO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ. RESULTADOS E DISCUSSÃO OS RESULTADOS INDICAM O PREDOMÍNIO DE SABERES EXPERIENCIAIS DOS/AS PROFESSORES/AS E ASPECTOS DIALÓGICOS CONVERGENTES, QUE REMETEM À PERSPECTIVA FREIREANA NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA. IDENTIFICAMOS QUE AO EXPLICITAR A ARGUMENTAÇÃO PRÁTICA DOS/AS PROFESSORES/AS, O PROCESSO DE FORMAÇÃO É COMPARTILHADO E FOMENTA NOVAS REFLEXÕES. NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR, FERREIRA ET AL. (2021) ANCORAM-SE EM FREIRE (1996) E EXPLICAM QUE AS RELAÇÕES ENTRE PROFESSOR/A E ALUNOS/AS SÃO IMPORTANTES PARA A CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO, COM BASE NOS SABERES NECESSÁRIOS À PRÁTICA EDUCATIVA. PARA FREIRE (1987, P. 97), O DIÁLOGO DO/A PROFESSOR/A COM SEUS/AS ALUNOS/AS SOBRE OS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS NA ESCOLARIZAÇÃO É UMA “DEVOLUÇÃO ORGANIZADA, SISTEMATIZADA E ACRESCENTADA AO POVO” DAQUELES ELEMENTOS QUE FORAM EXPLICITADOS DESORGANIZADAMENTE. PARA FERREIRA ET AL. (2021) HÁ UMA VINCULAÇÃO DESSE PRESSUPOSTO METODOLÓGICO FREIREANO À PERSPECTIVA TEÓRICA DA RELAÇÃO COM O SABER DEFENDIDA POR CHARLOT (2021B) PORQUE, AO APRENDER COM ESSA DEVOLUTIVA, HÁ EXPECTATIVA DE QUE CADA ALUNO/A ESTABELEÇA RELAÇÕES COM OS SABERES QUE TÊM DIMENSÕES IDENTITÁRIAS, SOCIAIS E EPISTÊMICAS. A RELEITURA DOS RELATOS PELOS/AS PROFESSORES/AS APONTOU NOVAS FACETAS SOBRE A PRÓPRIA FORMAÇÃO PERMANENTE. AO LER OS RELATOS DOS/AS COLEGAS PRECEPTORES DA RP E SUPERVISORES/AS DO PIBID, POR EXEMPLO, FOI POSSÍVEL PARA OS/AS PRÓPRIOS/AS PROFESSORES/AS PERCEBER QUE HÁ COESÃO, HÁ UMA LINHA DE PENSAMENTO QUE SEGUE AFINADA E PRÓXIMA. OS/AS QUATRO DOCENTES PREOCUPAM-SE COM A FORMAÇÃO INTELECTUAL DOS/AS ALUNOS/AS E PROCURAM DESENVOLVER E APRIMORAR SUAS IDEIAS E PERCEPÇÕES ATRAVÉS DA REFLEXÃO, DA CRÍTICA CONSTRUTIVA E DO DIÁLOGO. HÁ UMA PREMISSA CONSISTENTE, BASEADA NA CRENÇA DE QUE O CONHECIMENTO É UMA FERRAMENTA CRUCIAL PARA A EVOLUÇÃO DA EDUCAÇÃO. ATRAVÉS DA AUTORREFLEXÃO E DA AUTOCRÍTICA, OS/AS PROFESSORES/AS PROCURAM AMPLIAR E APRIMORAR A PRÁTICA PEDAGÓGICA, NA TENTATIVA DE AFETAR POSITIVAMENTE E ADEQUADAMENTE OS/AS ALUNOS/AS E APROXIMANDO CADA VEZ MAIS O DISCURSO À PRÁTICA EDUCATIVA DE CADA UM/A. DESPERTAR A CONSCIÊNCIA CRÍTICA DOS/AS ALUNOS/AS POR MEIO DE DISCUSSÕES E DE DIÁLOGOS, A FIM DE GERAR SABERES NOVOS, IMPLICA NA NECESSIDADE DE NOS APROXIMARMOS DA SUA REALIDADE E PERCEBÊ-LOS/AS COMO APRENDIZES VIVOS/AS. CONCLUSÃO CONSIDERAMOS QUE O PROCESSO FORMATIVO SE TORNA PERMANENTE, SENDO INCORPORADO À PERSPECTIVA DIALÓGICA DOS/AS PROFESSORES/AS, EMBORA OS SEUS VÍNCULOS COM OS PROGRAMAS INSTITUCIONAIS SEJAM TRANSITÓRIOS E TEMPORÁRIOS. CONCLUÍMOS QUE ESSE É UM AVANÇO QUALITATIVO DECORRENTE DA COLABORAÇÃO NA ANÁLISE DAS PRÁTICAS NOS DOIS PROGRAMAS. CADA PROFESSOR/A PRECISA SER REFLEXIVO/A, CRÍTICO/A E PESQUISADOR/A, PARA TER A CAPACIDADE DE ENSINAR DE MANEIRA CONTEXTUALIZADA E COLABORATIVA, SENDO ATENTO/A ÀS DEMANDAS ATUAIS, DE MODO A POSSIBILITAR A EMANCIPAÇÃO DOS/AS ALUNOS/AS E A TRANSFORMAÇÃO DAS DEMANDAS DO AMBIENTE ESCOLAR QUE ESTÁ INSERIDO/A, COMO TAMBÉM IMPULSIONAR DE FORMA COLETIVA A READEQUAÇÃO DO CURRÍCULO E DO PROJETO POLÍTICO E PEDAGÓGICO, SENDO ORIENTADO AOS INTERESSES CENTRAIS DE VIDA DA COMUNIDADE ESCOLAR.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.