Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 221
O CATÁLOGO DE PRODUTOS COMO INSTRUMENTO PARA O ENSINO DE LEITURA E ESCRITA

Palavra-chaves: CATÁLOGO DE PRODUTOS., LEITURA E ESCRITA., ENSINO DE LÍNGUA Comunicação Oral (CO) ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

Em nossas aulas de língua portuguesa, sempre procuramos utilizar gêneros textuais, com a finalidade de embasar e tornar mais significativo o conteúdo estudado, mas não podemos esquecer que nossos alunos estão inseridos em um meio social, onde circulam diversos gêneros que em sua grande maioria, não são levados para sala de aula, como é o caso dos catálogos de produtos, estes que possuem o propósito de demonstrar a gama de produtos existentes em determinada empresa e suscitar o interesse, da parte do leitor, em adquirir o que por eles é anunciado e que para isso, fazem uso de diversos recursos argumentativos que merecem um espaço em sala de aula e que certamente contribuiriam para um ensino de leitura e escrita mais significativo. Objetivamos com esse trabalho sugerir os catálogos de produtos como um instrumento didático para o ensino de leitura e escrita, visando assim tornar o ensino de língua mais significativo para o aluno, já que os catálogos de produtos circulam de forma recorrente em suas vidas. Será fundamentado nas teorias de ARANHA(2009), GOMES(2003), MARCUSCHI(2008), entre outras teorias. Podemos perceber que o uso dos catálogos de produtos como instrumento do ensino de leitura e escrita torna-se uma prática inovadora e eficiente em nossas aulas de Língua Portuguesa. O catálogo torna-se uma forma de lançar mão dos conhecimentos que eles já possuem, somando-os as formas argumentativas que os influenciaram desde sempre, mas que eles desconheciam a existência. , o que os influenciam para a conquista do mundo letrado e o desenvolvimento da percepção do mundo mediante ao uso da linguagem, em suas diversas modalidades, na produção dos fazeres sociais.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.