Artigo Anais VII CONEDU - Edição Online

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 173
O VAZIO URBANO E O TRÁFICO DE DROGAS: ENFOQUE NO ARCO DA PONTE PRESIDENTE DUTRA DA CIDADE DE JUAZEIRO – BA

Palavra-chaves: URBANIZAÇÃO., VULNERABILIDADE SOCIAL., EMPREGO INFORMAL., , Comunicação Oral (CO) GT 05 - Movimentos Sociais, Sujeitos e Processos Educativos Publicado em 04 de novembro de 2020

Resumo

A URBANIZAÇÃO BRASILEIRA, ACELERADA A PARTIR DE 1950, GEROU IMPACTOS SOCIAIS E GEOGRÁFICOS DENTRE ELES A MARGINALIZAÇÃO DA POPULAÇÃO, QUE UTILIZA COMO MORADIA ESPAÇOS URBANOS ESQUECIDOS PELO PODER PÚBLICO, AUMENTANDO A VIOLÊNCIA NESSAS ÁREAS E EVIDENCIANDO A DESIGUALDADE SOCIAL. CONSIDERANDO TAL REALIDADE, ESSA PESQUISA TEVE COMO OBJETIVO INVESTIGAR A PROBLEMÁTICA RELACIONADA AO CONSUMO DE DROGAS EM ESPAÇOS PÚBLICOS DA CIDADE DE JUAZEIRO, NO NORTE DA BAHIA, UTILIZANDO COMO SUPORTE TEÓRICO O ESTUDO DO IMPACTO DA URBANIZAÇÃO BRASILEIRA E SEUS DESDOBRAMENTOS SOCIAIS, TAIS COMO O EMPREGO INFORMAL, A VULNERABILIDADE SOCIAL E OS VAZIOS URBANOS. PARA TANTO, A COLETA DE DADOS FOI BASEADA NUMA PESQUISA DE CAMPO NO ESPAÇO EM ESTUDO, REALIZADA MEDIANTE OBSERVAÇÕES NO PERÍODO NOTURNO. A PARTIR DISSO, FOI POSSÍVEL INFERIR QUE O VAZIO URBANO DECORRE DO PROCESSO DE URBANIZAÇÃO, QUE GERA SUPERVALORIZAÇÃO DE ÁREAS URBANAS EM DETRIMENTO DE OUTRAS, VIABILIZANDO A UTILIZAÇÃO DESSES VAZIOS PARA ATIVIDADES QUE GERAM O AUMENTO DA VIOLÊNCIA E A MARGINALIZAÇÃO DA POPULAÇÃO EM SITUAÇÃO DE RUA. CONCLUI-SE, POR TANTO, QUE O CRESCIMENTO DAS CIDADES É UM FATOR PREPONDERANTE PARA O SURGIMENTO DA VULNERABILIDADE SOCIAL, QUE SE MATERIALIZA NA PRÁTICA DE ATIVIDADES INFORMAIS E ILÍCITAS, ENTRE ELAS O TRÁFICO DE DROGAS EM ESPAÇOS QUE COMPÕE O VAZIO URBANO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.