Artigo Anais VII CONEDU - Edição Online

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 218
LITERATURA INFANTOJUVENIL NA SALA DE AULA: UMA PROPOSTA DE LEITURA DO ROMANCE SANGUE FRESCO DE JOÃO CARLOS MARINHO

Palavra-chaves: GÊNERO ROMANCE, LITERATURA INFANTOJUVENIL, SEQUÊNCIA DIDÁTICA, , Comunicação Oral (CO) GT 15 - Ensino de línguas Publicado em 04 de novembro de 2020

Resumo

O ARTIGO TEM COMO OBJETIVO GERAL APRESENTAR UMA SEQUÊNCIA DIDÁTICA PARA TRABALHAR O ROMANCE SANGUE FRESCO, DE JOÃO CARLOS MARINHO, EM TURMAS DO 9º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL. OS OBJETIVOS ESPECÍFICOS SÃO: INDICAR O USO DE FERRAMENTAS TECNOLÓGICAS COMO FORMA DE VIABILIZAR O ENSINO DE LITERATURA NUMA PERSPECTIVA CRÍTICA; PROMOVER A LEITURA INTEGRAL DA OBRA LITERÁRIA, VISANDO A FORMAÇÃO DE LEITORES. ESTE TRABALHO SE JUSTIFICA POR ACREDITAR NA IMPORTÂNCIA DA LITERATURA INFANTOJUVENIL COM O PAPEL ESSENCIAL NA FORMAÇÃO DOS JOVENS, TANTO NA PERSPECTIVA DE LEITORES CRÍTICOS, QUANTO AJUDA-LOS EM SUA FORMAÇÃO PESSOAL. PARA A CONCRETIZAÇÃO DO TRABALHO PROPOSTO, SEGUIU-SE ALGUMAS ETAPAS, DENTRE ELAS, A PARTE TEÓRICA, NA QUAL FOI FEITO UM LEVANTAMENTO BIBLIOGRÁFICO ACERCA DO GÊNERO ROMANCE, SEQUÊNCIA DIDÁTICA E OS ELEMENTOS DA NARRATIVA DE GANCHO. OS ASPECTOS METODOLÓGICOS FUNDAMENTAM-SE COMO PESQUISA BIBLIOGRÁFICA DE CARÁTER QUALITATIVO COM ANÁLISE BASEADA EM TEÓRICOS QUE ABORDAM A TEMÁTICA, TAIS COMO, GANCHO (1991); BORDINI E AGUIAR (1993); JAUSS (1979); ZILBERMAN (2008), ARGEIRO (2008). ADEMAIS, CONSIDEROU-SE O MÉTODO RECEPCIONAL PARA EMBASAR A SEQUÊNCIA DIDÁTICA PROPOSTA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.