Artigo Anais VII CONEDU - Edição Online

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 180
LEITURA COMPARTILHADA PRIMÍCIA DA FORMAÇÃO DE LEITORES E ESCRITORES

Palavra-chaves: LEITURA, PRáTICA PEDAGóGICA, FORMAçAO DO LEITOR, FORMAçãO DE PROFESSORES, ALFABETIZAçãO Comunicação Oral (CO) GT 08 - Linguagens, Letramento e Alfabetização Publicado em 04 de novembro de 2020

Resumo

A LEITURA ORAL, COMPARTILHADA, ESTÁ PRESENTE DESDE OS PRIMÓRDIOS DA ATIVIDADE LEITORA. O TEXTO ABORDA ASPECTOS O PAPEL DA LEITURA COMPARTILHADA NA TRAJETÓRIA HISTÓRICA DA HUMANIDADE. APONTA A IMPORTÂNCIA DA INTENSIDADE DO OUVIR TEXTOS PARA A ALFABETIZAÇÃO E PARA A FORMAÇÃO DO LEITOR. DESTACA A AUSÊNCIA DOS MOMENTOS DE ESCUTA DE LEITURAS PARA OS ALUNOS PELOS SEUS PROFESSORES, BASEANDO-SE NOS DEPOIMENTOS DE CURSOS DE FORMAÇÃO CONTINUADA. DISCUTE TAMBÉM A NECESSIDADE DA LEITURA COMPARTILHADA NA PRÓPRIA COMPREENSÃO DE TEXTOS DE CARÁTER FORMATIVO DA ATIVIDADE PROFISSIONAL DOCENTE. ABORDA O PAPEL DO OUTRO NO COLETIVO PARA DAR SENTIDO ÀS AUSÊNCIAS DE COMPREENSÃO, FORTALECENDO O MOVIMENTO DA LEITURA COMPARTILHADA À LEITURA INDIVIDUAL E SILENCIOSA. A LEITURA COMPARTILHADA É PREMÍCIA PARA A FORMAÇÃO DO LEITOR. BASEIA-SE EM ESTUDOS HISTÓRICOS DE MANGUEL (2001), DARNTON (1992) E NAS PRÁTICAS DE PROMOÇÃO DE LEITURA APONTADAS POR FREIRE (1983), COLOMER (2007) E FOUCAMBERT (1994).

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.