Artigo Anais VII CONEDU - Edição Online

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 161
CORPO, DEFICIÊNCIA FÍSICA E IMPLICAÇÕES HISTÓRICAS: DA EXCLUSÃO À INCLUSÃO

Palavra-chaves: CORPO, DEFICIÊNCIA, ESTIGMAS, EXCLUSÃO, INCLUSÃO Comunicação Oral (CO) GT 11 - Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade Publicado em 04 de novembro de 2020

Resumo

O CORPO DESDE AS CIVILIZAÇÕES ANTIGAS FOI OBJETO DE ESTUDO EM VISTAS DE DESCOBERTAS ACERCA DE SUA VITALIDADE, FERTILIDADE, FUNCIONALIDADE OU APARÊNCIA, DE MODO QUE A BUSCA PELO CORPO IDEAL FEZ COM QUE MUITOS DOS QUE SE DESVIASSEM DOS PADRÕES ESTÉTICOS OU MORAIS VIGENTES NA ESFERA CULTURAL DO PASSADO FOSSEM PERSEGUIDOS: OS DEFICIENTES. PARTINDO DESTE FATO ESTE TRABALHO TEVE O OBJETIVO DE REALIZAR UM LEVANTAMENTO HISTÓRICO, DA EXCLUSÃO À INCLUSÃO, SOBRE A RELAÇÃO EXISTENTE ENTRE CORPO E DEFICIÊNCIA FÍSICA APONTANDO AS PRINCIPAIS CONCEPÇÕES TIDAS SOBRE A DEFICIÊNCIA. PARA ISTO, O PERCURSO METODOLÓGICO ANCOROU-SE EPISTEMOLOGICAMENTE NA VERTENTE FENOMENOLÓGICA, E, DELINEOUSE POR UMA ABORDAGEM QUALITATIVA JÁ QUE A AS INSTÂNCIAS CORPO HUMANO E DEFICIÊNCIA COMPÕEM UM FENÔMENO AMPLO, COMPLEXO E SUBJETIVO. A REVISÃO BIBLIOGRÁFICA ESTEVE COMO MEIO PROCEDIMENTAL COM OS DADOS COLETADOS ANALISADOS POR MEIO DE CATEGORIZAÇÃO. OS PRINCIPAIS RESULTADOS INDICAM QUE MUITO JÁ EVOLUI-SE NA CRONOLOGIA QUANTO A APRECIAÇÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA FÍSICA E SEUS FORMATOS CORPÓREOS, MAS QUE AINDA HÁ, NA CONTEMPORANEIDADE, UM EXERCÍCIO CONTÍNUO A SER CUMPRIDO PARA QUE AS MESMAS SEJAM RESPEITADAS E VALORIZADAS EM SUA TOTALIDADE E NÃO MAIS DELIMITADAS POR SUAS CARACTERÍSTICAS BIOTÍPICAS.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.