Artigo E-book 2: VI CONEDU

E-books

ISBN: 978-65-86901-09-2

A FORMAÇÃO DO LEITOR ENQUANTO PRÁTICA SOCIAL NO ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE.

Palavra-chaves: MUSICOGRAFIA BRAILLE, , FORMAÇÃO LEITORA, , LEITURA E PRÁTICA SOCIAL., , E-book GT 10 - Educação Especial
"2020-06-12 14:42:08"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 65205
    "edicao_id" => 126
    "trabalho_id" => 535
    "inscrito_id" => 5834
    "titulo" => "A FORMAÇÃO DO LEITOR ENQUANTO PRÁTICA SOCIAL NO ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE."
    "resumo" => "O PRESENTE TRABALHO BUSCA CONCEBER A FORMAÇÃO LEITORA DOS SUJEITOS NO ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE E TEM COMO PRINCIPAL OBJETIVO TECER CONSIDERAÇÕES A RESPEITO DA FORMAÇÃO DO LEITOR MEDIADAS PELA PRÁTICA PEDAGÓGICA DO DOCENTE DE MÚSICA. ENTRE OS QUESTIONAMENTOS SUSCITADOS A RESPEITO DA NATUREZA DA FORMAÇÃO LEITORA DESSE SUJEITO NO ÂMBITO DA INCLUSÃO E EM CONCEBER A LEITURA ENQUANTO UMA ATIVIDADE DISCURSIVA DE PRÁTICA SOCIAL, PROCUROU-SE COMPREENDER ESSAS PRÁTICAS, ANALISAR E APRESENTAR AS ESTRATÉGIAS, E DISCUTIR A RESPEITO DA IMPORTÂNCIA DESTA FORMAÇÃO LEITORA. CONCEBEMOS AS CONTRIBUIÇÕES NUMA INVESTIGAÇÃO TEÓRICA QUE EMBASA ESSE TRABALHO SOB DOIS APORTES PRINCIPAIS: A FORMAÇÃO LEITORA E O ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE, QUE OBJETIVOU ESPECIFICAMENTE COMPREENDER AS PRÁTICAS DOCENTES EM MÚSICA PARA O ENSINO DA MUSICOGRAFIA BRAILLE NA FORMAÇÃO LEITORA DOS SUJEITOS. OS FUNDAMENTOS TEÓRICOS DO NOSSO ESTUDO FOI A CONCEPÇÃO DE EDUCAÇÃO DE FREIRE (1999), UMA CONCEPÇÃO DE LEITURA ENQUANTO PRÁTICA DE INTERAÇÃO SOCIAL ADOTADA POR FREIRE (1990), KLEIMAN (1995; 2001; 2002;2007) E ANTUNES (2014), BEM COMO DE DO ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE TOMÉ (2010) E BONILHA (2010). PARA DISCUTIR A FORMAÇÃO DO LEITOR UTILIZAMOS COMO TÉCNICA PARA COLETA DE DADOS A ENTREVISTA SEMIESTRUTURADA. NAS ENTREVISTAS SEMIESTRUTURADAS, PROCUROU-SE CONHECER SUAS VIVÊNCIAS E PROCESSOS DE FORMAÇÃO LEITORA NO CAMPO DA MÚSICA. OS RESULTADOS APONTAM O PAPEL-CHAVE DE CONCEBER A LEITURA ENQUANTO UMA PRÁTICA SOCIAL, ALÉM DE MOSTRAR QUE FALTAM, AOS PROFESSORES DE MÚSICA, CONHECIMENTOS BÁSICOS SOBRE AS NECESSIDADES DO ALUNO COM CEGUEIRA. O ARTIGO PRETENDE EVIDENCIAR ESPECIFICIDADES DA APRENDIZAGEM MUSICAL DO ALUNO COM CEGUEIRA E SUBSIDIAR A PRÁTICA PROFISSIONAL, SERVINDO TAMBÉM PARA NORTEAR A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MÚSICA QUE POSSAM VIR A TER ALUNOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL."
    "modalidade" => "E-book"
    "area_tematica" => "GT 10 - Educação Especial"
    "palavra_chave" => "MUSICOGRAFIA BRAILLE,, FORMAÇÃO LEITORA,, LEITURA E PRÁTICA SOCIAL., , "
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "PROPOSTA_EV127_MD4_ID5834_30102019144759.pdf"
    "created_at" => "2020-06-12 14:45:49"
    "updated_at" => "2020-06-19 11:14:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LUZINEIDE DE SOUSA SILVA"
    "autor_nome_curto" => "LUZINEIDE"
    "autor_email" => "lulugabrielly@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UFRN"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "e-book-2--vi-conedu"
    "edicao_nome" => "E-book 2: VI CONEDU"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2020
    "edicao_pasta" => "ebooks/conedu/2019/ebook2"
    "edicao_logo" => null
    "edicao_capa" => "5efa4e856d055_29062020172645.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2020-06-12 14:42:08"
    "publicacao_id" => 26
    "publicacao_nome" => "E-book CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "978-85-61702-35-9"
    "tipo_codigo_id" => 2
    "tipo_codigo_nome" => "ISBN"
    "tipo_publicacao_id" => 2
    "tipo_publicacao_nome" => "E-books"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 65205
    "edicao_id" => 126
    "trabalho_id" => 535
    "inscrito_id" => 5834
    "titulo" => "A FORMAÇÃO DO LEITOR ENQUANTO PRÁTICA SOCIAL NO ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE."
    "resumo" => "O PRESENTE TRABALHO BUSCA CONCEBER A FORMAÇÃO LEITORA DOS SUJEITOS NO ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE E TEM COMO PRINCIPAL OBJETIVO TECER CONSIDERAÇÕES A RESPEITO DA FORMAÇÃO DO LEITOR MEDIADAS PELA PRÁTICA PEDAGÓGICA DO DOCENTE DE MÚSICA. ENTRE OS QUESTIONAMENTOS SUSCITADOS A RESPEITO DA NATUREZA DA FORMAÇÃO LEITORA DESSE SUJEITO NO ÂMBITO DA INCLUSÃO E EM CONCEBER A LEITURA ENQUANTO UMA ATIVIDADE DISCURSIVA DE PRÁTICA SOCIAL, PROCUROU-SE COMPREENDER ESSAS PRÁTICAS, ANALISAR E APRESENTAR AS ESTRATÉGIAS, E DISCUTIR A RESPEITO DA IMPORTÂNCIA DESTA FORMAÇÃO LEITORA. CONCEBEMOS AS CONTRIBUIÇÕES NUMA INVESTIGAÇÃO TEÓRICA QUE EMBASA ESSE TRABALHO SOB DOIS APORTES PRINCIPAIS: A FORMAÇÃO LEITORA E O ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE, QUE OBJETIVOU ESPECIFICAMENTE COMPREENDER AS PRÁTICAS DOCENTES EM MÚSICA PARA O ENSINO DA MUSICOGRAFIA BRAILLE NA FORMAÇÃO LEITORA DOS SUJEITOS. OS FUNDAMENTOS TEÓRICOS DO NOSSO ESTUDO FOI A CONCEPÇÃO DE EDUCAÇÃO DE FREIRE (1999), UMA CONCEPÇÃO DE LEITURA ENQUANTO PRÁTICA DE INTERAÇÃO SOCIAL ADOTADA POR FREIRE (1990), KLEIMAN (1995; 2001; 2002;2007) E ANTUNES (2014), BEM COMO DE DO ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE TOMÉ (2010) E BONILHA (2010). PARA DISCUTIR A FORMAÇÃO DO LEITOR UTILIZAMOS COMO TÉCNICA PARA COLETA DE DADOS A ENTREVISTA SEMIESTRUTURADA. NAS ENTREVISTAS SEMIESTRUTURADAS, PROCUROU-SE CONHECER SUAS VIVÊNCIAS E PROCESSOS DE FORMAÇÃO LEITORA NO CAMPO DA MÚSICA. OS RESULTADOS APONTAM O PAPEL-CHAVE DE CONCEBER A LEITURA ENQUANTO UMA PRÁTICA SOCIAL, ALÉM DE MOSTRAR QUE FALTAM, AOS PROFESSORES DE MÚSICA, CONHECIMENTOS BÁSICOS SOBRE AS NECESSIDADES DO ALUNO COM CEGUEIRA. O ARTIGO PRETENDE EVIDENCIAR ESPECIFICIDADES DA APRENDIZAGEM MUSICAL DO ALUNO COM CEGUEIRA E SUBSIDIAR A PRÁTICA PROFISSIONAL, SERVINDO TAMBÉM PARA NORTEAR A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MÚSICA QUE POSSAM VIR A TER ALUNOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL."
    "modalidade" => "E-book"
    "area_tematica" => "GT 10 - Educação Especial"
    "palavra_chave" => "MUSICOGRAFIA BRAILLE,, FORMAÇÃO LEITORA,, LEITURA E PRÁTICA SOCIAL., , "
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "PROPOSTA_EV127_MD4_ID5834_30102019144759.pdf"
    "created_at" => "2020-06-12 14:45:49"
    "updated_at" => "2020-06-19 11:14:11"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LUZINEIDE DE SOUSA SILVA"
    "autor_nome_curto" => "LUZINEIDE"
    "autor_email" => "lulugabrielly@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UFRN"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "e-book-2--vi-conedu"
    "edicao_nome" => "E-book 2: VI CONEDU"
    "edicao_evento" => "VI Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2020
    "edicao_pasta" => "ebooks/conedu/2019/ebook2"
    "edicao_logo" => null
    "edicao_capa" => "5efa4e856d055_29062020172645.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2020-06-12 14:42:08"
    "publicacao_id" => 26
    "publicacao_nome" => "E-book CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "978-85-61702-35-9"
    "tipo_codigo_id" => 2
    "tipo_codigo_nome" => "ISBN"
    "tipo_publicacao_id" => 2
    "tipo_publicacao_nome" => "E-books"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: array:1 [
    "fkEdicao" => App\Base\Administrativo\Model\Edicao {#1644
      +table: "edicao"
      +timestamps: false
      -periocidade: array:10 [
        0 => "Diária"
        1 => "Semanal"
        2 => "Quinzenal"
        3 => "Mensal"
        4 => "Bimestral"
        5 => "Trimestral"
        6 => "Semestral"
        7 => "Anual"
        8 => "Bienal"
        9 => "Trienal"
      ]
      -idioma: array:3 [
        0 => "Português"
        1 => "Inglês"
        2 => "Espanhol"
      ]
      +fillable: array:23 [
        0 => "publicacao_id"
        1 => "volume"
        2 => "numero"
        3 => "url"
        4 => "nome"
        5 => "nome_evento"
        6 => "descricao"
        7 => "pasta"
        8 => "logo"
        9 => "capa"
        10 => "timbrado"
        11 => "periodicidade"
        12 => "idiomas"
        13 => "pais"
        14 => "inicio_evento"
        15 => "final_evento"
        16 => "ano_publicacao"
        17 => "data_publicacao"
        18 => "autor_corporativo"
        19 => "visualizar_artigo"
        20 => "created_at"
        21 => "updated_at"
        22 => "ativo"
      ]
      #casts: array:24 [
        "id" => "integer"
        "publicacao_id" => "integer"
        "volume" => "integer"
        "numero" => "integer"
        "url" => "string"
        "nome" => "string"
        "nome_evento" => "string"
        "descricao" => "string"
        "pasta" => "string"
        "logo" => "string"
        "capa" => "string"
        "timbrado" => "string"
        "periodicidade" => "string"
        "idiomas" => "string"
        "pais" => "string"
        "inicio_evento" => "date"
        "final_evento" => "date"
        "ano_publicacao" => "integer"
        "data_publicacao" => "date"
        "autor_corporativo" => "string"
        "visualizar_artigo" => "boolean"
        "created_at" => "datetime"
        "updated_at" => "datetime"
        "ativo" => "boolean"
      ]
      #connection: "mysql"
      #primaryKey: "id"
      #keyType: "int"
      +incrementing: true
      #with: []
      #withCount: []
      #perPage: 15
      +exists: true
      +wasRecentlyCreated: false
      #attributes: array:24 [
        "id" => 126
        "publicacao_id" => 26
        "volume" => 1
        "numero" => 1
        "url" => "e-book-2--vi-conedu"
        "nome" => "E-book 2: VI CONEDU"
        "nome_evento" => "VI Congresso Nacional de Educação"
        "descricao" => "A temática da sexta edição do CONEDU “Avaliação: Processos e Políticas” pautará a discussão sobre os aspectos relacionados à avaliação da educação passando pela educação básica, o ensino superior e a pós-graduação. Como elaborar processos avaliativos que valorize as aprendizagens? Os índices educacionais (brasileiros e internacionais) comprovam que, apesar dos esforços em assegurar equidade e qualidade aos processos educacionais, há ainda muito que se fazer para além de manter crianças nas escolas. Estar presente na sala de aula sem que seja criado um espaço de aprendizagem implica somente numa presença física onde o aluno não vê sentido no fazer pedagógico. Destacam-se na temática do CONEDU de 2019, os direcionamentos que implicados nos processos de avaliação em diferentes segmentos da Educação."
        "pasta" => "ebooks/conedu/2019/ebook2"
        "logo" => null
        "capa" => "5efa4e856d055_29062020172645.jpg"
        "timbrado" => null
        "periodicidade" => "Anual"
        "idiomas" => "Português"
        "pais" => "Brasil"
        "inicio_evento" => "2019-10-24"
        "final_evento" => "2019-10-26"
        "ano_publicacao" => 2020
        "data_publicacao" => null
        "autor_corporativo" => "Realize Eventos Científicos & Editora"
        "visualizar_artigo" => 1
        "created_at" => "2020-06-12 14:42:08"
        "updated_at" => "2020-07-22 10:48:16"
        "ativo" => 1
      ]
      #original: array:24 [
        "id" => 126
        "publicacao_id" => 26
        "volume" => 1
        "numero" => 1
        "url" => "e-book-2--vi-conedu"
        "nome" => "E-book 2: VI CONEDU"
        "nome_evento" => "VI Congresso Nacional de Educação"
        "descricao" => "A temática da sexta edição do CONEDU “Avaliação: Processos e Políticas” pautará a discussão sobre os aspectos relacionados à avaliação da educação passando pela educação básica, o ensino superior e a pós-graduação. Como elaborar processos avaliativos que valorize as aprendizagens? Os índices educacionais (brasileiros e internacionais) comprovam que, apesar dos esforços em assegurar equidade e qualidade aos processos educacionais, há ainda muito que se fazer para além de manter crianças nas escolas. Estar presente na sala de aula sem que seja criado um espaço de aprendizagem implica somente numa presença física onde o aluno não vê sentido no fazer pedagógico. Destacam-se na temática do CONEDU de 2019, os direcionamentos que implicados nos processos de avaliação em diferentes segmentos da Educação."
        "pasta" => "ebooks/conedu/2019/ebook2"
        "logo" => null
        "capa" => "5efa4e856d055_29062020172645.jpg"
        "timbrado" => null
        "periodicidade" => "Anual"
        "idiomas" => "Português"
        "pais" => "Brasil"
        "inicio_evento" => "2019-10-24"
        "final_evento" => "2019-10-26"
        "ano_publicacao" => 2020
        "data_publicacao" => null
        "autor_corporativo" => "Realize Eventos Científicos & Editora"
        "visualizar_artigo" => 1
        "created_at" => "2020-06-12 14:42:08"
        "updated_at" => "2020-07-22 10:48:16"
        "ativo" => 1
      ]
      #changes: []
      #classCastCache: []
      #dates: []
      #dateFormat: null
      #appends: []
      #dispatchesEvents: []
      #observables: []
      #relations: array:1 [
        "fkEdicaoEbook" => Illuminate\Database\Eloquent\Collection {#1642
          #items: array:1 [
            0 => App\Base\Administrativo\Model\EdicaoEbook {#1641
              +table: "edicao_ebook"
              +timestamps: false
              +fillable: array:16 [
                0 => "edicao_id"
                1 => "codigo"
                2 => "capa"
                3 => "titulo"
                4 => "descricao"
                5 => "prefacio"
                6 => "apresentacao"
                7 => "organizadores"
                8 => "conselho_editorial"
                9 => "ficha_catalografica"
                10 => "arquivo"
                11 => "arquivo_alterado"
                12 => "ano_publicacao"
                13 => "created_at"
                14 => "updated_at"
                15 => "ativo"
              ]
              #casts: array:16 [
                "id" => "integer"
                "edicao_id" => "integer"
                "codigo" => "string"
                "capa" => "string"
                "titulo" => "string"
                "prefacio" => "string"
                "apresentacao" => "string"
                "organizadores" => "string"
                "conselho_editorial" => "string"
                "ficha_catalografica" => "string"
                "arquivo" => "string"
                "arquivo_alterado" => "boolean"
                "ano_publicacao" => "integer"
                "created_at" => "datetime"
                "updated_at" => "datetime"
                "ativo" => "boolean"
              ]
              #connection: "mysql"
              #primaryKey: "id"
              #keyType: "int"
              +incrementing: true
              #with: []
              #withCount: []
              #perPage: 15
              +exists: true
              +wasRecentlyCreated: false
              #attributes: array:16 [
                "id" => 55
                "edicao_id" => 126
                "codigo" => "978-65-86901-09-2"
                "capa" => "5ef5f5b70d278_26062020101847.jpg"
                "titulo" => "Avaliação: Processos e Políticas – Volume 02"
                "prefacio" => """
                  <strong>Avalia&ccedil;&atilde;o: Processos e Pol&iacute;ticas<br />\r\n
                  <br />\r\n
                  Pref&aacute;cio</strong><br />\r\n
                  <br />\r\n
                  &nbsp; &nbsp; A colet&acirc;nea &ldquo;Avalia&ccedil;&atilde;o: Processos e Pol&iacute;ticas&rdquo;, publicada em 3 volumes, re&uacute;ne artigos vinculados &agrave;s tem&aacute;ticas dos grupos de trabalho do Congresso Nacional de Educa&ccedil;&atilde;o. A publica&ccedil;&atilde;o est&aacute; pautada na discuss&atilde;o sobre os aspectos relacionados &agrave; avalia&ccedil;&atilde;o da educa&ccedil;&atilde;o passando pela educa&ccedil;&atilde;o b&aacute;sica, o ensino superior e a p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o.&nbsp;<br />\r\n
                  &nbsp; &nbsp; Os &iacute;ndices educacionais (brasileiros) comprovam que, apesar dos esfor&ccedil;os em assegurar equidade e qualidade aos processos educacionais, h&aacute; ainda muito que se fazer para al&eacute;m de manter as crian&ccedil;as nas escolas. Estar presente na sala de aula, sem que seja criado um espa&ccedil;o de aprendizagem, implica somente numa presen&ccedil;a f&iacute;sica, onde o aluno n&atilde;o v&ecirc; sentido no fazer pedag&oacute;gico. Neste cen&aacute;rio, destacam-se, ainda, os direcionamentos implicados nos processos de avalia&ccedil;&atilde;o em diferentes segmentos da Educa&ccedil;&atilde;o.<br />\r\n
                  &nbsp; &nbsp; &nbsp;A avalia&ccedil;&atilde;o envolve os processos de ensino e aprendizagem na escola de educa&ccedil;&atilde;o b&aacute;sica, os par&acirc;metros das avalia&ccedil;&otilde;es em larga escala, o acesso ao ensino superior e a avalia&ccedil;&atilde;o qualificada da p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o direcionando a produ&ccedil;&atilde;o do conhecimento. As discuss&otilde;es est&atilde;o situadas em torno dos instrumentos, processos e implica&ccedil;&otilde;es que a avalia&ccedil;&atilde;o tem para os sujeitos, os &iacute;ndices e a produ&ccedil;&atilde;o do conhecimento. Observa-se que, na maioria das vezes, a avalia&ccedil;&atilde;o serve para apontar a insufici&ecirc;ncia de rendimentos dos alunos, em que a qualidade fica expressa nos indicadores educacionais. Por esse modelo, os instrumentos avaliativos s&atilde;o postos a servi&ccedil;o de apontar a n&atilde;o-qualidade educacional, a partir de seus resultados num&eacute;ricos.&nbsp;<br />\r\n
                  &nbsp; &nbsp; Novos direcionamentos para pensar a avalia&ccedil;&atilde;o podem pautar-se, por exemplo, em estrat&eacute;gias colaborativas em que a qualidade n&atilde;o esteja expressa exclusivamente em n&uacute;meros, mas em um sistema formativo que envolva as diferentes etapas dos processos de ensino e aprendizagem at&eacute; a chegada &agrave; avalia&ccedil;&atilde;o. &Eacute; igualmente necess&aacute;rio, pensar em sistema que direcione as pr&aacute;ticas docentes para um fazer pedag&oacute;gico, que assuma um compromisso com a revis&atilde;o de processos e sistemas formativos, a partir das demandas observadas no cotidiano das intera&ccedil;&otilde;es entre os sujeitos escolares.<br />\r\n
                  &nbsp;&nbsp; &nbsp;As m&uacute;ltiplas possibilidades, de alinharmos avalia&ccedil;&atilde;o e fazer docente, s&atilde;o apresentadas nos tr&ecirc;s volumes que comp&otilde;em a colet&acirc;nea, origin&aacute;ria das contribui&ccedil;&otilde;es dos autores vinculadas aos grupos de trabalho do CONEDU. O volume 1 traz as contribui&ccedil;&otilde;es dos grupos de trabalho Forma&ccedil;&atilde;o de Professores; Did&aacute;tica e Curr&iacute;culo; Movimentos Sociais, Sujeitos e Processos Educativos; Educa&ccedil;&atilde;o e Rela&ccedil;&otilde;es &Eacute;tnico-Raciais; G&ecirc;nero, Sexualidade e Educa&ccedil;&atilde;o; Inclus&atilde;o, Direitos Humanos e Interculturalidade e Educa&ccedil;&atilde;o de Pessoas Jovens, Adultas e Idosas. O volume 2 &eacute; composto pelas contribui&ccedil;&otilde;es dos grupos de trabalho Hist&oacute;ria da Educa&ccedil;&atilde;o; Fundamentos da Educa&ccedil;&atilde;o; Educa&ccedil;&atilde;o Matem&aacute;tica; Ensino de l&iacute;nguas; Linguagens, Letramento e Alfabetiza&ccedil;&atilde;o; Educa&ccedil;&atilde;o Infantil e Educa&ccedil;&atilde;o Especial. O terceiro volume traz os artigos pautados nas tem&aacute;ticas dos grupos de trabalho Educa&ccedil;&atilde;o Ambiental; Ensino de Ci&ecirc;ncias; Ensino e suas intersec&ccedil;&otilde;es; Educa&ccedil;&atilde;o Emocional; Tecnologias e Educa&ccedil;&atilde;o e Educa&ccedil;&atilde;o Profissional e Tecnol&oacute;gica.&nbsp;<br />\r\n
                  &nbsp;&nbsp; &nbsp;Os artigos que comp&otilde;em cada volume destacam, tamb&eacute;m, a import&acirc;ncia do protagonismo docente para a melhoria das pr&aacute;ticas e, consequentemente, resultados educacionais. Entendemos que &eacute; pela forma&ccedil;&atilde;o de recursos humanos, com vis&atilde;o cr&iacute;tica e reflexiva, que poderemos alcan&ccedil;ar diferentes realidades com suas especificidades educativas. Somado a isso, esperamos que essa publica&ccedil;&atilde;o aproxime as produ&ccedil;&otilde;es de profissionais de diferentes institui&ccedil;&otilde;es do pa&iacute;s e do Mercosul, amplie as redes de conhecimento e trocas interinstitucionais.<br />\r\n
                  <br />\r\n
                  <br />\r\n
                  <strong>Paula Almeida de Castro<br />\r\n
                  Coordenadora do Congresso Nacional de Educa&ccedil;&atilde;o</strong>
                  """
                "apresentacao" => null
                "organizadores" => "Paula Almeida de Castro"
                "conselho_editorial" => """
                  Abigail Fregni Lins - UEPB<br />\r\n
                  Eduardo Gomes Onofre - UEPB<br />\r\n
                  Francisca Geny Lustosa - UFCE<br />\r\n
                  Juarez Nogueira Lins - UEPB<br />\r\n
                  La&eacute;rcia Maria Bertulino de Medeiros - UEPB<br />\r\n
                  Luis Paulo Cruz Borges - UERJ<br />\r\n
                  Marcelo Gomes Germano - UEPB<br />\r\n
                  Margareth Maria de Melo - UEPB<br />\r\n
                  Paula Almeida de Castro - UEPB<br />\r\n
                  Roberto Kennedy Gomes Franco - UNILAB<br />\r\n
                  Sandra Maciel de Almeida - UFF<br />\r\n
                  T&acirc;nia Serra Azul Machado Bezerra - UECE<br />\r\n
                  Thiago Luiz Alves dos Santos - UERJ<br />\r\n
                  Walc&eacute;a Barreto Alves - UFF
                  """
                "ficha_catalografica" => "5efb12ad871bf_30062020072341.pdf"
                "arquivo" => "150720201648_E-BOOK-2--VI-CONEDU.pdf"
                "arquivo_alterado" => 0
                "ano_publicacao" => 2020
                "created_at" => "2020-06-15 12:59:35"
                "updated_at" => "2020-07-15 16:35:54"
                "ativo" => 1
              ]
              #original: array:16 [
                "id" => 55
                "edicao_id" => 126
                "codigo" => "978-65-86901-09-2"
                "capa" => "5ef5f5b70d278_26062020101847.jpg"
                "titulo" => "Avaliação: Processos e Políticas – Volume 02"
                "prefacio" => """
                  <strong>Avalia&ccedil;&atilde;o: Processos e Pol&iacute;ticas<br />\r\n
                  <br />\r\n
                  Pref&aacute;cio</strong><br />\r\n
                  <br />\r\n
                  &nbsp; &nbsp; A colet&acirc;nea &ldquo;Avalia&ccedil;&atilde;o: Processos e Pol&iacute;ticas&rdquo;, publicada em 3 volumes, re&uacute;ne artigos vinculados &agrave;s tem&aacute;ticas dos grupos de trabalho do Congresso Nacional de Educa&ccedil;&atilde;o. A publica&ccedil;&atilde;o est&aacute; pautada na discuss&atilde;o sobre os aspectos relacionados &agrave; avalia&ccedil;&atilde;o da educa&ccedil;&atilde;o passando pela educa&ccedil;&atilde;o b&aacute;sica, o ensino superior e a p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o.&nbsp;<br />\r\n
                  &nbsp; &nbsp; Os &iacute;ndices educacionais (brasileiros) comprovam que, apesar dos esfor&ccedil;os em assegurar equidade e qualidade aos processos educacionais, h&aacute; ainda muito que se fazer para al&eacute;m de manter as crian&ccedil;as nas escolas. Estar presente na sala de aula, sem que seja criado um espa&ccedil;o de aprendizagem, implica somente numa presen&ccedil;a f&iacute;sica, onde o aluno n&atilde;o v&ecirc; sentido no fazer pedag&oacute;gico. Neste cen&aacute;rio, destacam-se, ainda, os direcionamentos implicados nos processos de avalia&ccedil;&atilde;o em diferentes segmentos da Educa&ccedil;&atilde;o.<br />\r\n
                  &nbsp; &nbsp; &nbsp;A avalia&ccedil;&atilde;o envolve os processos de ensino e aprendizagem na escola de educa&ccedil;&atilde;o b&aacute;sica, os par&acirc;metros das avalia&ccedil;&otilde;es em larga escala, o acesso ao ensino superior e a avalia&ccedil;&atilde;o qualificada da p&oacute;s-gradua&ccedil;&atilde;o direcionando a produ&ccedil;&atilde;o do conhecimento. As discuss&otilde;es est&atilde;o situadas em torno dos instrumentos, processos e implica&ccedil;&otilde;es que a avalia&ccedil;&atilde;o tem para os sujeitos, os &iacute;ndices e a produ&ccedil;&atilde;o do conhecimento. Observa-se que, na maioria das vezes, a avalia&ccedil;&atilde;o serve para apontar a insufici&ecirc;ncia de rendimentos dos alunos, em que a qualidade fica expressa nos indicadores educacionais. Por esse modelo, os instrumentos avaliativos s&atilde;o postos a servi&ccedil;o de apontar a n&atilde;o-qualidade educacional, a partir de seus resultados num&eacute;ricos.&nbsp;<br />\r\n
                  &nbsp; &nbsp; Novos direcionamentos para pensar a avalia&ccedil;&atilde;o podem pautar-se, por exemplo, em estrat&eacute;gias colaborativas em que a qualidade n&atilde;o esteja expressa exclusivamente em n&uacute;meros, mas em um sistema formativo que envolva as diferentes etapas dos processos de ensino e aprendizagem at&eacute; a chegada &agrave; avalia&ccedil;&atilde;o. &Eacute; igualmente necess&aacute;rio, pensar em sistema que direcione as pr&aacute;ticas docentes para um fazer pedag&oacute;gico, que assuma um compromisso com a revis&atilde;o de processos e sistemas formativos, a partir das demandas observadas no cotidiano das intera&ccedil;&otilde;es entre os sujeitos escolares.<br />\r\n
                  &nbsp;&nbsp; &nbsp;As m&uacute;ltiplas possibilidades, de alinharmos avalia&ccedil;&atilde;o e fazer docente, s&atilde;o apresentadas nos tr&ecirc;s volumes que comp&otilde;em a colet&acirc;nea, origin&aacute;ria das contribui&ccedil;&otilde;es dos autores vinculadas aos grupos de trabalho do CONEDU. O volume 1 traz as contribui&ccedil;&otilde;es dos grupos de trabalho Forma&ccedil;&atilde;o de Professores; Did&aacute;tica e Curr&iacute;culo; Movimentos Sociais, Sujeitos e Processos Educativos; Educa&ccedil;&atilde;o e Rela&ccedil;&otilde;es &Eacute;tnico-Raciais; G&ecirc;nero, Sexualidade e Educa&ccedil;&atilde;o; Inclus&atilde;o, Direitos Humanos e Interculturalidade e Educa&ccedil;&atilde;o de Pessoas Jovens, Adultas e Idosas. O volume 2 &eacute; composto pelas contribui&ccedil;&otilde;es dos grupos de trabalho Hist&oacute;ria da Educa&ccedil;&atilde;o; Fundamentos da Educa&ccedil;&atilde;o; Educa&ccedil;&atilde;o Matem&aacute;tica; Ensino de l&iacute;nguas; Linguagens, Letramento e Alfabetiza&ccedil;&atilde;o; Educa&ccedil;&atilde;o Infantil e Educa&ccedil;&atilde;o Especial. O terceiro volume traz os artigos pautados nas tem&aacute;ticas dos grupos de trabalho Educa&ccedil;&atilde;o Ambiental; Ensino de Ci&ecirc;ncias; Ensino e suas intersec&ccedil;&otilde;es; Educa&ccedil;&atilde;o Emocional; Tecnologias e Educa&ccedil;&atilde;o e Educa&ccedil;&atilde;o Profissional e Tecnol&oacute;gica.&nbsp;<br />\r\n
                  &nbsp;&nbsp; &nbsp;Os artigos que comp&otilde;em cada volume destacam, tamb&eacute;m, a import&acirc;ncia do protagonismo docente para a melhoria das pr&aacute;ticas e, consequentemente, resultados educacionais. Entendemos que &eacute; pela forma&ccedil;&atilde;o de recursos humanos, com vis&atilde;o cr&iacute;tica e reflexiva, que poderemos alcan&ccedil;ar diferentes realidades com suas especificidades educativas. Somado a isso, esperamos que essa publica&ccedil;&atilde;o aproxime as produ&ccedil;&otilde;es de profissionais de diferentes institui&ccedil;&otilde;es do pa&iacute;s e do Mercosul, amplie as redes de conhecimento e trocas interinstitucionais.<br />\r\n
                  <br />\r\n
                  <br />\r\n
                  <strong>Paula Almeida de Castro<br />\r\n
                  Coordenadora do Congresso Nacional de Educa&ccedil;&atilde;o</strong>
                  """
                "apresentacao" => null
                "organizadores" => "Paula Almeida de Castro"
                "conselho_editorial" => """
                  Abigail Fregni Lins - UEPB<br />\r\n
                  Eduardo Gomes Onofre - UEPB<br />\r\n
                  Francisca Geny Lustosa - UFCE<br />\r\n
                  Juarez Nogueira Lins - UEPB<br />\r\n
                  La&eacute;rcia Maria Bertulino de Medeiros - UEPB<br />\r\n
                  Luis Paulo Cruz Borges - UERJ<br />\r\n
                  Marcelo Gomes Germano - UEPB<br />\r\n
                  Margareth Maria de Melo - UEPB<br />\r\n
                  Paula Almeida de Castro - UEPB<br />\r\n
                  Roberto Kennedy Gomes Franco - UNILAB<br />\r\n
                  Sandra Maciel de Almeida - UFF<br />\r\n
                  T&acirc;nia Serra Azul Machado Bezerra - UECE<br />\r\n
                  Thiago Luiz Alves dos Santos - UERJ<br />\r\n
                  Walc&eacute;a Barreto Alves - UFF
                  """
                "ficha_catalografica" => "5efb12ad871bf_30062020072341.pdf"
                "arquivo" => "150720201648_E-BOOK-2--VI-CONEDU.pdf"
                "arquivo_alterado" => 0
                "ano_publicacao" => 2020
                "created_at" => "2020-06-15 12:59:35"
                "updated_at" => "2020-07-15 16:35:54"
                "ativo" => 1
              ]
              #changes: []
              #classCastCache: []
              #dates: []
              #dateFormat: null
              #appends: []
              #dispatchesEvents: []
              #observables: []
              #relations: []
              #touches: []
              #hidden: []
              #visible: []
              #guarded: array:1 [
                0 => "*"
              ]
            }
          ]
        }
      ]
      #touches: []
      #hidden: []
      #visible: []
      #guarded: array:1 [
        0 => "*"
      ]
    }
  ]
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 12 de junho de 2020

Resumo

O PRESENTE TRABALHO BUSCA CONCEBER A FORMAÇÃO LEITORA DOS SUJEITOS NO ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE E TEM COMO PRINCIPAL OBJETIVO TECER CONSIDERAÇÕES A RESPEITO DA FORMAÇÃO DO LEITOR MEDIADAS PELA PRÁTICA PEDAGÓGICA DO DOCENTE DE MÚSICA. ENTRE OS QUESTIONAMENTOS SUSCITADOS A RESPEITO DA NATUREZA DA FORMAÇÃO LEITORA DESSE SUJEITO NO ÂMBITO DA INCLUSÃO E EM CONCEBER A LEITURA ENQUANTO UMA ATIVIDADE DISCURSIVA DE PRÁTICA SOCIAL, PROCUROU-SE COMPREENDER ESSAS PRÁTICAS, ANALISAR E APRESENTAR AS ESTRATÉGIAS, E DISCUTIR A RESPEITO DA IMPORTÂNCIA DESTA FORMAÇÃO LEITORA. CONCEBEMOS AS CONTRIBUIÇÕES NUMA INVESTIGAÇÃO TEÓRICA QUE EMBASA ESSE TRABALHO SOB DOIS APORTES PRINCIPAIS: A FORMAÇÃO LEITORA E O ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE, QUE OBJETIVOU ESPECIFICAMENTE COMPREENDER AS PRÁTICAS DOCENTES EM MÚSICA PARA O ENSINO DA MUSICOGRAFIA BRAILLE NA FORMAÇÃO LEITORA DOS SUJEITOS. OS FUNDAMENTOS TEÓRICOS DO NOSSO ESTUDO FOI A CONCEPÇÃO DE EDUCAÇÃO DE FREIRE (1999), UMA CONCEPÇÃO DE LEITURA ENQUANTO PRÁTICA DE INTERAÇÃO SOCIAL ADOTADA POR FREIRE (1990), KLEIMAN (1995; 2001; 2002;2007) E ANTUNES (2014), BEM COMO DE DO ENSINO DE MUSICOGRAFIA BRAILLE TOMÉ (2010) E BONILHA (2010). PARA DISCUTIR A FORMAÇÃO DO LEITOR UTILIZAMOS COMO TÉCNICA PARA COLETA DE DADOS A ENTREVISTA SEMIESTRUTURADA. NAS ENTREVISTAS SEMIESTRUTURADAS, PROCUROU-SE CONHECER SUAS VIVÊNCIAS E PROCESSOS DE FORMAÇÃO LEITORA NO CAMPO DA MÚSICA. OS RESULTADOS APONTAM O PAPEL-CHAVE DE CONCEBER A LEITURA ENQUANTO UMA PRÁTICA SOCIAL, ALÉM DE MOSTRAR QUE FALTAM, AOS PROFESSORES DE MÚSICA, CONHECIMENTOS BÁSICOS SOBRE AS NECESSIDADES DO ALUNO COM CEGUEIRA. O ARTIGO PRETENDE EVIDENCIAR ESPECIFICIDADES DA APRENDIZAGEM MUSICAL DO ALUNO COM CEGUEIRA E SUBSIDIAR A PRÁTICA PROFISSIONAL, SERVINDO TAMBÉM PARA NORTEAR A FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE MÚSICA QUE POSSAM VIR A TER ALUNOS COM DEFICIÊNCIA VISUAL.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.