Artigo Anais V CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

OS ESPAÇOS ESCOLARES E A PROMOÇÃO DA PRÁTICA INVESTIGATIVA NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO INFANTIL, ENSINO POR INVESTIGAÇÃO, ESPAÇOS ESCOLARES Pôster (PO) GT 09. Educação Infantil
"2018-10-17 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 48472
    "edicao_id" => 101
    "trabalho_id" => 4240
    "inscrito_id" => 11388
    "titulo" => "OS ESPAÇOS ESCOLARES E A PROMOÇÃO DA PRÁTICA INVESTIGATIVA NA EDUCAÇÃO INFANTIL"
    "resumo" => "Este estudo objetivou averiguar de que forma os professores de uma escola de Educação Infantil, instigam as crianças a investigarem os diferentes espaços os diferentes espaços proporcionados à elas pela instituição de ensino. Este trabalho considerou como espaço um local as crianças interagem com ele, o qual proporciona situações de aprendizagens. Já a investigação entende-se como uma prática cotidiana, no qual as crianças, desde muito pequenas, exploram o espaço à sua volta a fim de conhecer o mundo externo, criando hipóteses para situações que se originam no seu dia-a-dia. Para tanto, esta investigação seguiu a abordagem qualitativa de pesquisa, onde considerou como sujeitos uma turma do berçário, pertencente a uma escola de Educação Infantil da rede pública de ensino, de um município do Vale do Taquari/RS. Para a análise de dados, fez-se uma aproximação com a técnica Análise de Conteúdo, proposta por Bardin (2012). A partir da análise dos dados, foi possível observar que a instituição de ensino possibilita às crianças diferentes espaços para exploração, como os corredores da escola. Os espaços oportunizados foram pensados e potencializados com materiais que permitiram a manipulação e a experimentação das crianças, possibilitando às mesmas o desenvolvimento da autonomia, instigando a curiosidade das crianças e o desejo por descobrir o desconhecido."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "GT 09. Educação Infantil"
    "palavra_chave" => "EDUCAÇÃO INFANTIL, ENSINO POR INVESTIGAÇÃO, ESPAÇOS ESCOLARES"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV117_MD4_SA9_ID11388_17092018200336.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:32"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:33:59"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "VANESSA PEDERIVA"
    "autor_nome_curto" => "VANESSA"
    "autor_email" => "vpederiva@universo.univat"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE DO VALE DO TAQUARI - UNIVATES"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais V CONEDU"
    "edicao_evento" => "V Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2018"
    "edicao_logo" => "5e4a040030b34_17022020000952.jpg"
    "edicao_capa" => "5e4a040030246_17022020000952.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-10-17 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 48472
    "edicao_id" => 101
    "trabalho_id" => 4240
    "inscrito_id" => 11388
    "titulo" => "OS ESPAÇOS ESCOLARES E A PROMOÇÃO DA PRÁTICA INVESTIGATIVA NA EDUCAÇÃO INFANTIL"
    "resumo" => "Este estudo objetivou averiguar de que forma os professores de uma escola de Educação Infantil, instigam as crianças a investigarem os diferentes espaços os diferentes espaços proporcionados à elas pela instituição de ensino. Este trabalho considerou como espaço um local as crianças interagem com ele, o qual proporciona situações de aprendizagens. Já a investigação entende-se como uma prática cotidiana, no qual as crianças, desde muito pequenas, exploram o espaço à sua volta a fim de conhecer o mundo externo, criando hipóteses para situações que se originam no seu dia-a-dia. Para tanto, esta investigação seguiu a abordagem qualitativa de pesquisa, onde considerou como sujeitos uma turma do berçário, pertencente a uma escola de Educação Infantil da rede pública de ensino, de um município do Vale do Taquari/RS. Para a análise de dados, fez-se uma aproximação com a técnica Análise de Conteúdo, proposta por Bardin (2012). A partir da análise dos dados, foi possível observar que a instituição de ensino possibilita às crianças diferentes espaços para exploração, como os corredores da escola. Os espaços oportunizados foram pensados e potencializados com materiais que permitiram a manipulação e a experimentação das crianças, possibilitando às mesmas o desenvolvimento da autonomia, instigando a curiosidade das crianças e o desejo por descobrir o desconhecido."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "GT 09. Educação Infantil"
    "palavra_chave" => "EDUCAÇÃO INFANTIL, ENSINO POR INVESTIGAÇÃO, ESPAÇOS ESCOLARES"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV117_MD4_SA9_ID11388_17092018200336.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:32"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:33:59"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "VANESSA PEDERIVA"
    "autor_nome_curto" => "VANESSA"
    "autor_email" => "vpederiva@universo.univat"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE DO VALE DO TAQUARI - UNIVATES"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais V CONEDU"
    "edicao_evento" => "V Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2018"
    "edicao_logo" => "5e4a040030b34_17022020000952.jpg"
    "edicao_capa" => "5e4a040030246_17022020000952.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-10-17 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 17 de outubro de 2018

Resumo

Este estudo objetivou averiguar de que forma os professores de uma escola de Educação Infantil, instigam as crianças a investigarem os diferentes espaços os diferentes espaços proporcionados à elas pela instituição de ensino. Este trabalho considerou como espaço um local as crianças interagem com ele, o qual proporciona situações de aprendizagens. Já a investigação entende-se como uma prática cotidiana, no qual as crianças, desde muito pequenas, exploram o espaço à sua volta a fim de conhecer o mundo externo, criando hipóteses para situações que se originam no seu dia-a-dia. Para tanto, esta investigação seguiu a abordagem qualitativa de pesquisa, onde considerou como sujeitos uma turma do berçário, pertencente a uma escola de Educação Infantil da rede pública de ensino, de um município do Vale do Taquari/RS. Para a análise de dados, fez-se uma aproximação com a técnica Análise de Conteúdo, proposta por Bardin (2012). A partir da análise dos dados, foi possível observar que a instituição de ensino possibilita às crianças diferentes espaços para exploração, como os corredores da escola. Os espaços oportunizados foram pensados e potencializados com materiais que permitiram a manipulação e a experimentação das crianças, possibilitando às mesmas o desenvolvimento da autonomia, instigando a curiosidade das crianças e o desejo por descobrir o desconhecido.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.