Artigo Anais ABRALIC Internacional

ANAIS de Evento

ISSN: 2317-157X

Visualizações: 250
O ENTRE-LUGAR E OS CONFLITOS IDEOLÓGICOS NAS NARRATIVAS DE CHINUA ACHEBE E PAULINA CHIZIANE

Publicado em 12 de julho de 2013

Resumo

“A paz dura pouco”, do escritor nigeriano Chinua Achebe, narra a saga de Obi Okonkwo, nascido em uma aldeia de etnia ibo, na Nigéria, que é contemplado com uma bolsa de estudos para cursar Direito na Inglaterra. Obi passa por problemas de ordem sentimental e financeiro, seduzindo-se pelo poder do dinheiro, recorre a vários meios ilícitos, é acusado e levado ao tribunal de justiça e à iminente condenação. “O sétimo juramento”, da moçambicana Paulina Chiziane, narra o ritual de iniciação de David, que recorre à feitiçaria para ascender ao poder político, com a ajuda de um nynaga, um feiticeiro que em troca almeja o poder sobre a família de David. Os dois romances tratam do desejo de emancipação de dois homens, aprisionados pelos costumes ancestrais e submersos em conflitos ideológicos e éticos. O escopo desse trabalho busca analisar a compreensão do entre-lugar (BHABHA, 2010) nessas narrativas africanas de países distintos: entre a cultura africana tradicional e a europeia, entre a cultura urbana e a rural

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.