Artigo Anais V FIPED

ANAIS de Evento

ISSN: 2316-1086

OMNILATERALIDADE E EMANCIPAÇÃO HUMANA

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO, TRABALHO, EMANCIPAÇÃO HUMANA Comunicação Oral(CO) GT 21 - TRABALHO, EDUCAÇÃO E EMANCIPAÇÃO HUMANA Publicado em 26 de junho de 2013

Resumo

Nossa pesquisa está dividida em dois momentos: primeiramente, discutimos o equivoco entre a concepção de emancipação política e emancipação humana para, posteriormente nos debruçarmos de forma mais direta nos escritos de MARX e ENGELS (1985, 2006, 2008, 2010, 2011, 2012), na busca dos alicerces de uma educação omnilateral. Para melhor delinearmos essa filosofia educacional, tomaremos alguns autores que estudam as obras dos autores supracitados, dentre eles: ENGUITA (1985), LESSA & TONET (2008), TONET (2005, 2007), VÁZQUEZ (2008), tentando vincular ensino com produção material. Caracterizamos nosso estudo como de cunho bibliográfico. Chegamos, ao fim de nossa análise, à conclusão de que do arcabouço conceitual de Marx e Engels, poderemos extrair elementos relevantes para uma filosofia da educação. Algo mais abrangente do que métodos de ensino, por exemplo.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.