Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 237
A MATEMÁTICA NO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA ANÁLISE DE ERROS COM ALUNOS DO 7º ANO NA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS COM OPERAÇÕES BÁSICAS

Palavra-chaves: ESTUDANTES, PROBLEMAS MATEMÁTICOS, APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA, ENSINO DE MATEMÁTICA Pôster (PO) GT 13 - Educação Matemática Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

A resolução de problemas se constitui como sendo parte fundamental para o desenvolvimento do raciocínio lógico, bem como tal raciocínio é de fundamental importância para saber identificar tudo o que o problema propõe e consequentemente obter êxito em sua resolução. Em decorrência disso, o presente trabalho teve por objetivo investigar a compreensão dos estudantes do 7º ano na resolução de problemas matemáticos envolvendo operações básicas. A pesquisa foi realizada com estudantes de duas escolas públicas do município de Surubim, localizado no agreste de Pernambuco. Este trabalho surgiu com o intuito de obter respostas concretas acerca da capacidade cognitiva de determinados estudantes em raciocinar, interpretar e consequentemente solucionar problemas matemáticos. Um questionário contendo cinco questões problemas envolvendo operações básicas foi aplicado em duas turmas do 7º ano de duas escolas distintas, os resultados obtidos foram dispostos e consequentemente analisados. Os alunos obtiveram um bom resultado em quatro das cinco questões dispostas no questionário, alcançando níveis de acertos satisfatórios, contudo particularmente em uma determinada questão o nível de acerto foi consideravelmente inferior, mostrando que, mesmo as questões estando a nível de 5º ano, não foram obtidos resultados satisfatórios, bem como pode ser identificado que há uma má interpretação, ou até mesmo a não interpretação, de determinado problema proposto. A resolução de problemas é frequentemente adotada em todas as séries no decorrer da formação do discente, contudo, é necessário que a mesma seja inserida corretamente por meio de uma didática adequada, para que assim possa desenvolver o raciocínio, não a curto prazo, mas sim de forma significativa, acompanhando o estudante não apenas em sua trajetória escolar, mas também no seu cotidiano. É de fundamental importância que os professores utilizem de abordagens que diferenciem resolução de problemas com a resolução de exercícios, quebrando esse ato mecânico facilmente visto de decorar formulas e aplicá-las. O aluno deve ser impulsionado a pensar e consequentemente raciocinar, para que assim haja uma melhoraria na aprendizagem matemática, onde os mesmos construam um conhecimento significativo.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.