Artigo Anais I CNEH

ANAIS de Evento

ISSN: 2526-1908

Visualizações: 184
RELATOS DE EXPERIÊNCIAS DO PROJETO DE EXTENSÃO SAÚDE E CIDADANIA NA MELHOR IDADE – PROEX-IFRN: ENVELHECENDO COM QUALIDADE DE VIDA

Palavra-chaves: O PROCESSO DE ENVELHECIMENTO HUMANO, TERCEIRA IDADE, PRÁTICA DE ATIVIDADES FÍSICAS, QUALIDADE DE VIDA Pôster (PO) / Poster Submission AT 7: ENVELHECIMENTO ATIVO E QUALIDADE DE VIDA Publicado em 23 de novembro de 2016

Resumo

O presente relato aborda a questão do envelhecimento, o qual é um processo inerente ao ser humano, todos nós vamos envelhecer um dia, no entanto é necessário o despertar da conscientização pela busca da qualidade de vida, adotando hábitos saudáveis. Nessa perspectiva, a relação entre idade cronológica e o estabelecimento da velhice, depende de fatores individuais morfológicos, psicológicos, hereditários, culturais, intelectuais e raciais. Quando afetados por esses fatores, os indivíduos sofrem um decréscimo funcional em seu organismo, fato que requer adaptações sociais, psicológicas e físicas. Enfoca que esses fatores como sendo hoje é uma questão prioritária e que vem mobilizando a sociedade brasileira, uma vez que as demandas geradas por essa nova realidade trazem consigo enormes desafios e implicações sociais complexas que já se fazem sentir no cotidiano das sociedades. Analisa que a educação, o acesso a informação e os espaços comunitários voltados para essa faixa etária, tornam assim, uma via por excelência para amenizar as expressões do preconceito etário e garantir a continuidade do desenvolvimento daqueles que envelhecem, tendo em vista que estimulam a socialização e a vivencia de atividades físicas, proporcionam suporte social, promovem a aquisição de conhecimentos, facilita a expressão das emoções e a troca de experiências, exercendo, desta forma, uma contribuição para a continuidade dos papéis das pessoas idosas junto à sociedade. Enfatiza algumas prerrogativas brasileiras mencionadas no Estatuto do Idoso, cap. V, art. 20, o qual afirma que a pessoa idosa tem direito a educação, a cultura, esporte, lazer, diversões, espetáculos, produtos e serviços que respeitem sua peculiar condição de idade. Já o Cap. V, art. 21, preconiza que o poder público criará oportunidades de acesso a pessoa idosa, a educação adequando currículos metodologias e material didático aos programas educacionais a ele destinados. Nessa conjectura, o projeto de Extensão Saúde e Cidadania na Melhor Idade, vinculado a PROEX-CNAT-IFRN, oferecem diversas atividades voltadas ao público idoso: Arte Educação, Dança, Francês, Ginástica, Hidroginástica, Inclusão Digital, Karatê, Musculação, Natação, Pilates e Psicologia, com o intuito de promover o bem estar social, cultural e educacional dos participantes idosos, como forma de responsabilidade social institucional.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.