Artigo Anais IV ENID / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

A IMPORTÂNCIA DA BACIA SEDIMENTAR DO ARARIPE PARA O ENSINO DE GEOGRAFIA FíSICA NO CARIRI CEARENSE

Palavra-chaves: BACIA SEDIMENTAR DO ARARIPE, ENSINO NO CARIRI, GEOGRAFIA FÍSICA Comunicação Oral (CO) Reflexões sobre a formação em Geografia, metodologias e recursos didáticos no ensino
"2014-11-22 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 10197
    "edicao_id" => 27
    "trabalho_id" => 2
    "inscrito_id" => 151
    "titulo" => "A IMPORTÂNCIA DA BACIA SEDIMENTAR DO ARARIPE PARA O ENSINO DE GEOGRAFIA FíSICA NO CARIRI CEARENSE"
    "resumo" => "A Bacia Sedimentar do Araripe no Cariri cearense vem consolidar essa região como um importante eixo para a economia do Nordeste e uma referência para pesquisadores no cenário nacional e internacional. A razão para justificar essa posição de destaque são as formações geológicas e achados fósseis singulares. Além disso, uma parte dos municípios da região se localiza no entorno da Chapada do Araripe, onde se encontra a exuberante Floresta Nacional do Araripe (FLONA). O Cariri possui também, vestígios do homem primitivo e um conjunto de manifestações culturais peculiares. Sem dúvida, a proposta da Bacia Sedimentar do Araripe se constitui um campo de interesse para pesquisa em Geografia. Sendo assim, o objetivo desse artigo é realizar uma análise a respeito de como se processa o trabalho de campo no ensino de Geografia na segunda fase do Ensino Fundamental no Instituto José Bernardino, discutindo a eficácia deste instrumento de ensino para dinamizar as aulas de Geografia e programar a relação teoria e prática complementando assim o ensino de Geografia Física com base na Bacia Sedimentar do Araripe. Por meio de aulas de campo, foi possível mostrar as potencialidades e problemáticas encontradas na Bacia Sedimentar do Araripe. No nosso caso, seria incoerente ensinar geografia para os alunos da referida escola, sem mencionar o valor da biodiversidade da Bacia Sedimentar do Araripe ou sem questionar a problemática ambiental que envolve as cidades, uma vez que a cidade de Barbalha encontra-se inserida na mencionada Bacia. Assim, a proposta deste trabalho é contribuir para a superação das dificuldades no ensino de uma Geografia em constante movimento e que contribua para o entendimento mais crítico do espaço, das sociedades e do ambiente, reconhecendo e compreendendo o papel da dinâmica da natureza, através de conceitos e categorias geográficas que possibilitem uma aproximação dos alunos à realidade vivida."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "Reflexões sobre a formação em Geografia, metodologias e recursos didáticos no ensino"
    "palavra_chave" => "BACIA SEDIMENTAR DO ARARIPE, ENSINO NO CARIRI, GEOGRAFIA FÍSICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_20_09_2014_19_41_06_idinscrito_151_f2e519f2544fc8d69ff4fc18e85d206d.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:19:16"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "WESLEY DE SOUSA LIMA"
    "autor_nome_curto" => "WESLEY SOUSA"
    "autor_email" => "wesleytecdesign@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-enid---uepb"
    "edicao_nome" => "Anais IV ENID / UEPB"
    "edicao_evento" => "IV Encontro de Iniciação à Docência da UEPB / UEPB"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/enid/2014"
    "edicao_logo" => "5e4d80132b22c_19022020153603.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1855cb47e5f_22072020120547.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-11-22 00:00:00"
    "publicacao_id" => 13
    "publicacao_nome" => "Revista ENID UEPB"
    "publicacao_codigo" => "2318-7379"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 10197
    "edicao_id" => 27
    "trabalho_id" => 2
    "inscrito_id" => 151
    "titulo" => "A IMPORTÂNCIA DA BACIA SEDIMENTAR DO ARARIPE PARA O ENSINO DE GEOGRAFIA FíSICA NO CARIRI CEARENSE"
    "resumo" => "A Bacia Sedimentar do Araripe no Cariri cearense vem consolidar essa região como um importante eixo para a economia do Nordeste e uma referência para pesquisadores no cenário nacional e internacional. A razão para justificar essa posição de destaque são as formações geológicas e achados fósseis singulares. Além disso, uma parte dos municípios da região se localiza no entorno da Chapada do Araripe, onde se encontra a exuberante Floresta Nacional do Araripe (FLONA). O Cariri possui também, vestígios do homem primitivo e um conjunto de manifestações culturais peculiares. Sem dúvida, a proposta da Bacia Sedimentar do Araripe se constitui um campo de interesse para pesquisa em Geografia. Sendo assim, o objetivo desse artigo é realizar uma análise a respeito de como se processa o trabalho de campo no ensino de Geografia na segunda fase do Ensino Fundamental no Instituto José Bernardino, discutindo a eficácia deste instrumento de ensino para dinamizar as aulas de Geografia e programar a relação teoria e prática complementando assim o ensino de Geografia Física com base na Bacia Sedimentar do Araripe. Por meio de aulas de campo, foi possível mostrar as potencialidades e problemáticas encontradas na Bacia Sedimentar do Araripe. No nosso caso, seria incoerente ensinar geografia para os alunos da referida escola, sem mencionar o valor da biodiversidade da Bacia Sedimentar do Araripe ou sem questionar a problemática ambiental que envolve as cidades, uma vez que a cidade de Barbalha encontra-se inserida na mencionada Bacia. Assim, a proposta deste trabalho é contribuir para a superação das dificuldades no ensino de uma Geografia em constante movimento e que contribua para o entendimento mais crítico do espaço, das sociedades e do ambiente, reconhecendo e compreendendo o papel da dinâmica da natureza, através de conceitos e categorias geográficas que possibilitem uma aproximação dos alunos à realidade vivida."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "Reflexões sobre a formação em Geografia, metodologias e recursos didáticos no ensino"
    "palavra_chave" => "BACIA SEDIMENTAR DO ARARIPE, ENSINO NO CARIRI, GEOGRAFIA FÍSICA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_20_09_2014_19_41_06_idinscrito_151_f2e519f2544fc8d69ff4fc18e85d206d.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:19:16"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "WESLEY DE SOUSA LIMA"
    "autor_nome_curto" => "WESLEY SOUSA"
    "autor_email" => "wesleytecdesign@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-enid---uepb"
    "edicao_nome" => "Anais IV ENID / UEPB"
    "edicao_evento" => "IV Encontro de Iniciação à Docência da UEPB / UEPB"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/enid/2014"
    "edicao_logo" => "5e4d80132b22c_19022020153603.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1855cb47e5f_22072020120547.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-11-22 00:00:00"
    "publicacao_id" => 13
    "publicacao_nome" => "Revista ENID UEPB"
    "publicacao_codigo" => "2318-7379"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 22 de novembro de 2014

Resumo

A Bacia Sedimentar do Araripe no Cariri cearense vem consolidar essa região como um importante eixo para a economia do Nordeste e uma referência para pesquisadores no cenário nacional e internacional. A razão para justificar essa posição de destaque são as formações geológicas e achados fósseis singulares. Além disso, uma parte dos municípios da região se localiza no entorno da Chapada do Araripe, onde se encontra a exuberante Floresta Nacional do Araripe (FLONA). O Cariri possui também, vestígios do homem primitivo e um conjunto de manifestações culturais peculiares. Sem dúvida, a proposta da Bacia Sedimentar do Araripe se constitui um campo de interesse para pesquisa em Geografia. Sendo assim, o objetivo desse artigo é realizar uma análise a respeito de como se processa o trabalho de campo no ensino de Geografia na segunda fase do Ensino Fundamental no Instituto José Bernardino, discutindo a eficácia deste instrumento de ensino para dinamizar as aulas de Geografia e programar a relação teoria e prática complementando assim o ensino de Geografia Física com base na Bacia Sedimentar do Araripe. Por meio de aulas de campo, foi possível mostrar as potencialidades e problemáticas encontradas na Bacia Sedimentar do Araripe. No nosso caso, seria incoerente ensinar geografia para os alunos da referida escola, sem mencionar o valor da biodiversidade da Bacia Sedimentar do Araripe ou sem questionar a problemática ambiental que envolve as cidades, uma vez que a cidade de Barbalha encontra-se inserida na mencionada Bacia. Assim, a proposta deste trabalho é contribuir para a superação das dificuldades no ensino de uma Geografia em constante movimento e que contribua para o entendimento mais crítico do espaço, das sociedades e do ambiente, reconhecendo e compreendendo o papel da dinâmica da natureza, através de conceitos e categorias geográficas que possibilitem uma aproximação dos alunos à realidade vivida.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.