Artigo Anais IV ENID / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

Visualizações: 255
WEBQUEST NO ENSINO DE FÍSICA: UMA EXPERIÊNCIA EM TURMAS DA 3º SÉRIE DO ENSINO MÉDIO

Palavra-chaves: WEBQUEST, FÍSICA, COOPERAÇÃO Comunicação Oral (CO) Atividades nas aulas de Física: experiência da prática docente no Ensino Médio Publicado em 22 de novembro de 2014

Resumo

As transformações na educação passam pela promoção de um processo de ensino-aprendizagem de qualidade onde ocorram experiências de aprendizagem significativas que interfiram de modo concreto na vida do aprendiz. Neste sentido, como a Webquest pode ser uma metodologia que pode contribuir para um processo de ensino-aprendizagem significativo? Como esta metodologia tecnológica educacional tem a contribuir para uma formação científica sólida para alunos do ensino médio? Qual a mudança trazida pela Webquest quando inserida em um contexto de métodos tradicionalistas de transmissão de conhecimentos? A Webquest como tecnologia educacional tem sido amplamente utilizada no mundo educacional graças as suas contribuições para uma aprendizagem mais significativa, principalmente, de forma cooperativa e interativa. Sua eficiência em processos de aprendizagem a torna também utilizável não só no meio educacional, mas em outras áreas da sociedade como a administração, direito, engenharia, etc. O objetivo deste trabalho é analisar as contribuições da Webquest quando inserida no processo de ensino-aprendizagem da Física. Realizamos uma pesquisa de natureza qualitativa interpretativista sendo seu corpus constituído por três instrumentos: o diário de bordo do professor que registra o antes e o depois da inserção da metodologia no ensino de Física, as apresentações e o material produzido pelos alunos na culminância da utilização da metodologia e um questionário de avaliação aplicado aos alunos após o desenvolvimento da metodologia. Utilizamos como fundamento teórico para o processo de reflexão-inserção-reflexão da Webqquest os estudos sobre tecnologias educacionais de Moran (2007), Jarbas (2005), Barros (2005), Vrakking & Venn (2010), Menta (2005), além de utilizarmos o conceito de Perrenoud (2000) sobre competência profissional para os professores. Após a inserção e desenvolvimento da Webquest, analisamos os dados e estes revelaram a Webquest como uma metodologia que estimula ao aprendizado cooperativo aguçando o senso de responsabilidade dos alunos além de levá-los a um interesse maior no estudo dos conteúdos. A utilização da internet como principal ferramenta de pesquisa, segundo os resultados, propiciou aos alunos aprendizagens significativas que interferem de modo concreto em suas vidas. Concluímos que a metodologia também contribui para aproximar os alunos com os professores e estes com eles efetivando uma comunicação concreta e um processo de ensino-aprendizagem de caráter mediador. A utilização da tecnologia no meio educacional é uma forma efetiva de facilitação de aprendizagens significativas capazes de modificar a postura do professor e do aluno inaugurando novas formas de se ensinar e aprender.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.