Artigo Anais IV ENID / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

Visualizações: 234
FONTES HISTÓRICAS DO ESPORTE RECREATIVO PARAIBANO

Palavra-chaves: ESPORTE RECREATIVO, FONTES HISTÓRICAS, MEMÓRIA INSTITUCIONAL Pôster (PO) A Educação Física no cenário brasileiro: desafios e avanços na formação de professores Publicado em 22 de novembro de 2014

Resumo

Fontes históricas do esporte recreativo paraibanoInúmeros desafios são colocados à memória e a história do esporte moderno no Brasil e na América Latina, por pesquisadores que vêm destacando a potencialidade dos acervos esportivos se constituírem em locais de memória que desenvolvam projetos educativos para a população. Dentre as ações mais urgentes apontadas por esses pesquisadores, encontram-se: o mapeamento dos acervos particulares e públicos; a identificação de acervos particulares e a tentativa de que sejam cedidos/vendidos para instituições cujo acesso seja público; a organização de bancos de dados acerca da história esportiva nacional e sua disponibilização através de recursos computacionais; a criação de home-pages, publicações on-line, CD Roms, etc, além da organização de acervos de depoimentos com pessoas que tiveram e tem significativa importância na construção/consolidação da história esportiva. Tendo em vista essa agenda de prioridades para o desenvolvimento da pesquisa histórica na Educação Física, Esporte, Lazer e Dança nos próximos anos, nos questionamos sobre o esporte recreativo paraibano e suas fontes históricas. A presente pesquisa tem como objetivos: a) reconhecer e analisar a gestão da memória do esporte recreativo em instituições que o promoveram na cidade de Campina Grande-PB, apontando possibilidades de intervenção profissional nesta área; b) identificar e classificar os diversos tipos de fontes históricas existentes nas instituições investigadas, levando em conta a quantidade e qualidade dos documentos encontrados; c) constituir acervos documentais do esporte recreativo nas instituições investigadas, projetando formas de divulgação pública. Enquanto meta, pretende constituir um acervo documental dos documentos coletados, em cada instituição investigada. A pesquisa caracteriza-se como documental, iniciando-se a partir da História Oral Temática, método que privilegia as entrevistas, tendo nos testemunhos produzidos o ponto fundamental e básico das análises. Num primeiro momento, os planos de trabalho da pesquisa abrangerão instituições educativas, clubes recreativos, associações comunitárias e equipamentos específicos e não-específicos de lazer da cidade de Campina Grande.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.