Artigo Anais IV ENID / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

UMA ANÁLISE ETNOGRÁFICA DO ESPAÇO PÚBLICO NA ESCOLA MUNICIPAL ANÉSIO LEÃO (CAMPINA GRANDE – PB)

Palavra-chaves: ESPAÇO PÚBLICO;, PÁTIO ESCOLAR;, ETNOGRAFIA Comunicação Oral (CO) O exercício da Pedagogia: possibilidades participativas na Educação Básica
"2014-11-22 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1638
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 9840
    "edicao_id" => 27
    "trabalho_id" => 292
    "inscrito_id" => 1256
    "titulo" => "UMA ANÁLISE ETNOGRÁFICA DO ESPAÇO PÚBLICO NA ESCOLA MUNICIPAL ANÉSIO LEÃO (CAMPINA GRANDE – PB)"
    "resumo" => "O presente artigo discute a importância da utilização do pátio escolar, em uma análise que envolve a escola e a dimensão das sociabilidades apontadas através da relação com o espaço público. A escola escolhida foi a Escola Municipal Anésio Leão, situada no bairro do Monte Castelo, em Campina Grande – PB. Deste modo, buscamos pensar a apropriação de sentidos que são dados ao pátio escolar por professores, funcionários, alunos e comunidade do entorno da escola, otimizando o uso do espaço público como processo de socialização da criança na escola. Teve-se por perspectiva trabalhar a partir do uso do pátio escolar;de como as crianças se sentem quando lá estão, dentre outros, o que assim também nos possibilitou perceber de que forma as áreas livres da escola são aproveitadas. O pátio e as áreas de recreação são de fundamental importância no ambiente escolar, tanto para as crianças, quanto para os professores, pois são nesses locais que são realizadas as atividades lúdicas, ou seja, as brincadeiras, as quais trabalham todos os aspectos da criança, o motor, o cognitivo, o psicológico, sem falar nas habilidades que são desenvolvidas no decorrer desses exercícios.Observa-se que, contemporaneamente, estes espaços públicos estão cada vez mais reduzidos ou até mesmo eliminados, pois ainda existem escolas adeptas da educação tradicional que têm a visão de que a criança só aprende dentro de uma sala de aula. Então, para elas, quanto mais salas de aula, melhores serão os resultados de ensino-aprendizagem dos sujeitos que estão envolvidos neste sistema. Como Metodologia, o presente trabalho recorreu ao uso da pesquisa etnográfica e da abordagem qualitativa, utilizando a técnica da entrevista semidireta, a observação participante e o uso da imagem como ferramenta de pesquisa, tais como: documentos, fotos e desenhos produzidos pelos próprios alunos. A etnografia nos levou ao trabalho de observação, descrição e análise do cotidiano escolar e, neste sentido, visa contribuir para redimensionar a aprendizagem cotidiana da pesquisa em educação."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "O exercício da Pedagogia: possibilidades participativas na Educação Básica"
    "palavra_chave" => "ESPAÇO PÚBLICO;, PÁTIO ESCOLAR;, ETNOGRAFIA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_22_10_2014_18_52_26_idinscrito_1256_3f79d924d9c2ad7c2a442f4330ebc4ce.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:19:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "EMANUELA FARIAS CAMPOS"
    "autor_nome_curto" => "MANU FARIAS"
    "autor_email" => "manufarias_05@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-enid---uepb"
    "edicao_nome" => "Anais IV ENID / UEPB"
    "edicao_evento" => "IV Encontro de Iniciação à Docência da UEPB / UEPB"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/enid/2014"
    "edicao_logo" => "5e4d80132b22c_19022020153603.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1855cb47e5f_22072020120547.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-11-22 00:00:00"
    "publicacao_id" => 13
    "publicacao_nome" => "Revista ENID UEPB"
    "publicacao_codigo" => "2318-7379"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 9840
    "edicao_id" => 27
    "trabalho_id" => 292
    "inscrito_id" => 1256
    "titulo" => "UMA ANÁLISE ETNOGRÁFICA DO ESPAÇO PÚBLICO NA ESCOLA MUNICIPAL ANÉSIO LEÃO (CAMPINA GRANDE – PB)"
    "resumo" => "O presente artigo discute a importância da utilização do pátio escolar, em uma análise que envolve a escola e a dimensão das sociabilidades apontadas através da relação com o espaço público. A escola escolhida foi a Escola Municipal Anésio Leão, situada no bairro do Monte Castelo, em Campina Grande – PB. Deste modo, buscamos pensar a apropriação de sentidos que são dados ao pátio escolar por professores, funcionários, alunos e comunidade do entorno da escola, otimizando o uso do espaço público como processo de socialização da criança na escola. Teve-se por perspectiva trabalhar a partir do uso do pátio escolar;de como as crianças se sentem quando lá estão, dentre outros, o que assim também nos possibilitou perceber de que forma as áreas livres da escola são aproveitadas. O pátio e as áreas de recreação são de fundamental importância no ambiente escolar, tanto para as crianças, quanto para os professores, pois são nesses locais que são realizadas as atividades lúdicas, ou seja, as brincadeiras, as quais trabalham todos os aspectos da criança, o motor, o cognitivo, o psicológico, sem falar nas habilidades que são desenvolvidas no decorrer desses exercícios.Observa-se que, contemporaneamente, estes espaços públicos estão cada vez mais reduzidos ou até mesmo eliminados, pois ainda existem escolas adeptas da educação tradicional que têm a visão de que a criança só aprende dentro de uma sala de aula. Então, para elas, quanto mais salas de aula, melhores serão os resultados de ensino-aprendizagem dos sujeitos que estão envolvidos neste sistema. Como Metodologia, o presente trabalho recorreu ao uso da pesquisa etnográfica e da abordagem qualitativa, utilizando a técnica da entrevista semidireta, a observação participante e o uso da imagem como ferramenta de pesquisa, tais como: documentos, fotos e desenhos produzidos pelos próprios alunos. A etnografia nos levou ao trabalho de observação, descrição e análise do cotidiano escolar e, neste sentido, visa contribuir para redimensionar a aprendizagem cotidiana da pesquisa em educação."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "O exercício da Pedagogia: possibilidades participativas na Educação Básica"
    "palavra_chave" => "ESPAÇO PÚBLICO;, PÁTIO ESCOLAR;, ETNOGRAFIA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_22_10_2014_18_52_26_idinscrito_1256_3f79d924d9c2ad7c2a442f4330ebc4ce.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:56"
    "updated_at" => "2020-06-10 12:19:14"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "EMANUELA FARIAS CAMPOS"
    "autor_nome_curto" => "MANU FARIAS"
    "autor_email" => "manufarias_05@hotmail.com"
    "autor_ies" => "UEPB"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-enid---uepb"
    "edicao_nome" => "Anais IV ENID / UEPB"
    "edicao_evento" => "IV Encontro de Iniciação à Docência da UEPB / UEPB"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/enid/2014"
    "edicao_logo" => "5e4d80132b22c_19022020153603.jpg"
    "edicao_capa" => "5f1855cb47e5f_22072020120547.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-11-22 00:00:00"
    "publicacao_id" => 13
    "publicacao_nome" => "Revista ENID UEPB"
    "publicacao_codigo" => "2318-7379"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 22 de novembro de 2014

Resumo

O presente artigo discute a importância da utilização do pátio escolar, em uma análise que envolve a escola e a dimensão das sociabilidades apontadas através da relação com o espaço público. A escola escolhida foi a Escola Municipal Anésio Leão, situada no bairro do Monte Castelo, em Campina Grande – PB. Deste modo, buscamos pensar a apropriação de sentidos que são dados ao pátio escolar por professores, funcionários, alunos e comunidade do entorno da escola, otimizando o uso do espaço público como processo de socialização da criança na escola. Teve-se por perspectiva trabalhar a partir do uso do pátio escolar;de como as crianças se sentem quando lá estão, dentre outros, o que assim também nos possibilitou perceber de que forma as áreas livres da escola são aproveitadas. O pátio e as áreas de recreação são de fundamental importância no ambiente escolar, tanto para as crianças, quanto para os professores, pois são nesses locais que são realizadas as atividades lúdicas, ou seja, as brincadeiras, as quais trabalham todos os aspectos da criança, o motor, o cognitivo, o psicológico, sem falar nas habilidades que são desenvolvidas no decorrer desses exercícios.Observa-se que, contemporaneamente, estes espaços públicos estão cada vez mais reduzidos ou até mesmo eliminados, pois ainda existem escolas adeptas da educação tradicional que têm a visão de que a criança só aprende dentro de uma sala de aula. Então, para elas, quanto mais salas de aula, melhores serão os resultados de ensino-aprendizagem dos sujeitos que estão envolvidos neste sistema. Como Metodologia, o presente trabalho recorreu ao uso da pesquisa etnográfica e da abordagem qualitativa, utilizando a técnica da entrevista semidireta, a observação participante e o uso da imagem como ferramenta de pesquisa, tais como: documentos, fotos e desenhos produzidos pelos próprios alunos. A etnografia nos levou ao trabalho de observação, descrição e análise do cotidiano escolar e, neste sentido, visa contribuir para redimensionar a aprendizagem cotidiana da pesquisa em educação.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.