Artigo Anais IV ENID / UEPB

ANAIS de Evento

ISSN: 2318-7379

Visualizações: 271
O PIBID E A PRÁTICA EXPERIMENTAL: RELATO DE EXPERIÊNCIA SOBRE O LANÇAMENTO VERTICAL

Palavra-chaves: PRÁTICA EXPERIMENTAL, LANÇAMENTO VERTICAL, ENSINO DE FÍSICA Relato de Experiência (RE) Atividades nas aulas de Física: experiência da prática docente no Ensino Médio Publicado em 22 de novembro de 2014

Resumo

A prática docente no Brasil, principalmente no ensino de Física, é um grande desafio na atualidade, e programas como o PIBID (Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência), vêm contribuindo para incentivar e promover uma melhor formação para estes futuros professores. Com base nesses pressupostos, nas dificuldades enfrentadas e no desinteresse apresentado pelos alunos das escolas públicas, principalmente nas áreas das ciências exatas, o presente relato faz parte de uma pesquisa desenvolvida pelos bolsistas do PIBID de Física da UEPB Campus VII, em que trouxeram uma alternativa de forma a contribuir para a valorização e um melhor entendimento da disciplina de Física, com o intuito de reelaborar o processo de ensino e aprendizagem na Escola Estadual de Ensino fundamental e Médio Auzanir Lacerda. Tratou-se, de uma atividade de experimentação sobre o lançamento vertical, de forma problematizadora, com o intuito de despertar no aluno a busca pelo conhecimento científico através da experimentação. A atividade experimental foi realizada em três turmas do primeiro ano do ensino médio, onde foi confeccionado um foguete com materiais reutilizáveis, de modo a agregar ao tema do Projeto Político Pedagógico (PPP) da escola participante, sobre: “sustentabilidade, esgotabilidade e cidadania para o século XXI”, a relação do conteúdo físico, com o cotidiano dos discentes. Após a realização do experimento, foi aplicado um questionário avaliativo, e os resultados obtidos dessa alternativa didática, mostraram que a Física pode ser estudada, bem como os fenômenos físicos podem ser compreendidos de forma dinâmica, uma vez que, através do relato dos próprios alunos, os mesmos perceberam que a Física está presente em seu cotidiano, e não é apenas nos cálculos expostos pelos professores.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.