Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

UMA VISÃO INTERATIVA E REFLEXIVA NA PRÁTICA PEDAGÓGICA DOS PROFESSORES DE LÍNGUA PORTUGUESA NORTEADA POR VYGOTSKY E HABERMAS

Palavra-chaves: APRENDIZAGEM, REFLEXÃO, INTERAÇÃO Pôster (PO) FORMAÇÃO DE PROFESSORES Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

O presente artigo faz uma abordagem referente a forma como os professores de Língua Portuguesa do 3º ano do Ensino Médio da Escola Professora Jandira de Andrade Lima do município de Limoeiro, Pernambuco, aplicam a teoria interacionista de Vygotsky e reflexiva de Habermas em suas ações pedagógicas.É importante destacar que esta pesquisa está situada no contexto institucional de uma escola pública. Este trabalho tem como objetivo verificar como o professor de Língua Portuguesa utiliza as ações pedagógicas de interação e reflexão como melhoria no processo de ensino aprendizagem.Dentro deste contexto, a pesquisa pretende identificar quais professores de Língua Portuguesa possuem ações iniciais de interação e reflexão em sua prática em sala de aula, observando e analisando as ações destes professores, comparando-as com as ações descritas pelos alunos. A análise dos dados procurou responder às seguintes perguntas: 1) Quais professores conhecem as ações pedagógicas de interação e reflexão como forma de melhoria de aprendizagem? 2) Quais as ações pedagógicas mais utilizadas pelos professores de Língua Portuguesa, em busca de garantir o melhor aprendizado do aluno? 3) Quais professores aplicam as ações pedagógicas de interação e reflexão em sala de aula?Dessa forma, utilizou-se como fundamentação da pesquisa os pressupostos de Vygotsky e Habermas na identificação das diversas atividades dos professores em sala de aula de Língua Portuguesa.O método adotado foi o estudo de caso, com abordagem qualitativa e quantitativa. Para tanto, foi aplicado questionários abertos com uma população de 180 (cento e oitenta) alunos, e 6 ( seis) professores de Língua Portuguesa. Os resultados indicaram que o professor selecionado para o estudo de caso utilizava em sua prática ações que promoveram a reflexão e interação na melhoria da aprendizagem de seus alunos. Diante de suas ações pedagógicas procurando sempre refletir para melhorar sua práxis. O estudo permitiu verificar que houve mudanças nas ações dos professores, como instrumentos que podem desenvolver um processo de reconstrução da prática, por meio de uma autorreflexão de sua prática em sala de aula. A linguagem passou a ser vista de forma dialógica, produto da interação de indivíduos socialmente organizados. Assim, esta pesquisa envolve as ações de interação e reflexão como instrumentos de construção para novas ações que favoreçam uma aprendizagem significativa.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.