Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

O TRABALHO DOCENTE E OS CAMINHOS PARA MINIMIZAR AS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM MATEMÁTICA NAS SÉRIES FINAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL

Palavra-chaves: PRÁTICA DOCENTE, ENSINO, APRENDIZAGEM MATEMÁTICA Pôster (PO) EDUCAÇÃO MATEMÁTICA Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

IntroduçãoO ensino de matemática vem sofrendo ao longo da história diversas reestruturações que influenciam diretamente a forma como os professores constroem sua prática. Para Souza (2007) o trabalho docente é a prática própria do professor, que em conjunto com a prática discente, a prática gestora e a prática gnosiológica-epistemológica, constituem o trabalho pedagógico. De acordo com Freire (2002) essa prática deve ser compreendida como práxis, ou seja, a ação- reflexão da realidade, portanto distante da educação bancária na qual o aluno não é considerado como sujeito ativo no processo de ensino-aprendizagem. ObjetivoEste trabalho tem por objetivo geral analisar como a prática docente pode contribuir para minimizar as dificuldades de aprendizagem matemática nas séries finais do Ensino Fundamental. Desse objetivo emergem pontos específicos como: Investigar as implicações da formação inicial dos professores de matemática para a prática docente dos mesmos; Identificar quais as práticas utilizadas pelos professores que podem facilitar a aprendizagem matemática; verificar se as dificuldades de aprendizagem matemática estão relacionadas com a prática docente. MetodologiaA pesquisa foi realizada com quatro professores de matemática de uma escola pública do município de Paudalho-PE, os quais atuam nas séries finais do Ensino Fundamental, os professores foram nomeados de P1, P2, P3 e P4. Utilizamos uma abordagem qualitativa no âmbito da pesquisa de campo, tendo como instrumento de coleta de dados entrevistas com questões abertas (OLIVEIRA, 2007). E a análise de conteúdo de Bardin (2009) como procedimento de organização, interpretação e análise dos dados coletados.ResultadosOs resultados apontam que os professores conhecem e utilizam alternativas para facilitar a aprendizagem dos alunos, tais como a contextualização e o uso de situações problema. Os professores entrevistados atribuem às dificuldades de aprendizagem matemática aos alunos e aos professores das séries iniciais. Entretanto, ao apontar as dificuldades de aprendizagem de seus alunos, bem como soluções para minimizá-las, os professores demonstram que conhecem o aluno, o que reflete um despertar dos docentes para uma investigação sobre o processo de ensino e aprendizagem. Esse despertar é ponto de partida para o processo de reflexão na e sobre a prática.ConclusãoConcluímos que os caminhos para minimizar as dificuldades de aprendizagem matemática surgem a partir das reflexões dos professores sobre suas práticas.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.