Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 163
DIVERSIDADE DE GÊNERO: UMA ANÁLISE DOS NOVOS MODELOS DE ESTRUTURAS FAMILIARES NO ÂMBITO ESCOLAR.

Palavra-chaves: FAMÍLIA, ESCOLA, DIVERSIDADE Pôster (PO) GÊNERO, SEXUALIDADE E EDUCAÇÃO

Resumo

O estudo tem como abordagem, analisar o posicionamento da escola em relação ao surgimento de novos modelos de família. Escola e família, uma parceria fundamental para que o processo de aprendizagem do aluno seja realizado com sucesso. Nesta perspectiva, destacaremos a importância do posicionamento da escola em compreender as diferentes formações de estruturas familiares constituídas na sociedade moderna. Mediante o interesse de nos aprofundarmos sobre essa temática, procuramos através de pesquisas bibliográficas, como LOURO (2008), SANTOS (2000), PAROLIN (2007), XAVIER (2002), um melhor entendimento para que o estudo seja concluído com satisfação e clareza. A partir das leituras realizadas, observamos o quanto é importante à existência das práticas educativas e como o currículo escolar deve priorizar os princípios da abordagem da sexualidade e diversidade de gênero. As escolas e os profissionais devem ser preparados e capacitados para situações que envolvam devidas abordagens. Um exemplo que temos é a temática da sexualidade, que está presente em meios de comunicação, músicas, nas relações familiares e discussões sociais. Cabendo a escola o compromisso de promover uma educação democrática e inclusiva, sem preconceitos nem discriminações. A relação escola/família é um assunto que deve ser tratados pelos educadores com sua devida importância, pois, trata-se da educação de crianças e jovens. Apesar de ser uma questão delicada o referencial de núcleo familiar possui uma configuração amplamente diversificada, portanto, hoje, o termo família é constituído por vários conceitos aos quais devem ser respeitados, deixando de lado a visão de que a família continua tendo a configuração do antigo modelo nuclear, passando então a direcionar o olhar para a realidade em que, família é constituída por sistemas de relações sem paradigmas. Independente da estrutura familiar, a escola deverá sempre proporcionar aos seus alunos um ambiente de respeito mútuo, aceitando e respeitando as suas particularidades. Sabendo-se que escola e família possuem os mesmos objetivos que é proporcionar ao educando o seu desenvolvimento em todos os aspectos e sucesso na sua aprendizagem.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.