Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 193
HISTÓRICO DOS DIREITOS HUMANOS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO INFANTIL OS DOCUMENTOS OFICIAIS

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO INFANTIL, CIDADANIA, DIREITOS HUMANOS Comunicação Oral (CO) INCLUSÃO, DIREITOS HUMANOS E INTERCULTURALIDADE Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

HISTÓRICO DOS DIREITOS HUMANOS NUMA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO INFANTIL: Os documentos oficiais1. Valdinélia Virgulino de Souza – UFPB val_nelha@hotmail.com2. Ana Luisa Nogueira de Amorim - UFPB analuisaamorim@hotmail.com3. Genilson José da Silva – UFPB Genilsonjos27@gmail.comRESUMOEsse trabalho objetiva analisar as concepções e evoluções de uma formação para a cidadania na Educação Básica, com foco na Educação Infantil, a luz de alguns documentos nacionais como Constituição Federal (CF/1988), Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA/1990), Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDBEN/1996), Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil (RCNEI/1998); Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil (DCNEI/2009); Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos (PNEDH/2003), entre outros. Através destes buscamos demonstrar que a formação para a cidadania deve ser trabalhado a partir da Educação Infantil. A analise desses documentos apontam que nos últimos anos tem havido mudanças significativas nas concepções e práticas de formação para a cidadania na Educação Básica, desde a primeira infância. A Educação Infantil, como primeira etapa da Educação Básica. É notória a percepção que a mediação das interações entre as crianças não deve ser conturbada e, nem tão pouco, agressiva, sendo preferível, e recomendado, o uso do diálogo, sendo este, condição básica para pregar o respeito mútuo, o pleno desenvolvimento de sua pessoa, visando o preparo para o exercício da cidadania. Assim, a Educação Infantil pode ser considerada os primeiros passos para uma educação em Direitos Humanos no âmbito escolar, visto que uma formação para a cidadania é um dos eixos mais exigidos pela sociedade contemporânea, objetivando, desde a primeira infância, formar pessoas com um compromisso social, crítico, livre de preconceitos, valorizando as mais diversas culturas e respeitando o próximo. Desse modo, acreditamos na formação de uma cidadania ativa, em que o debate sobre os direitos sociais constitui uma estratégia pedagógica e política de luta pelo reconhecimento de direitos e garantias individuais e coletivas, vinculada de forma orgânica aos interesses e necessidades dos setores majoritários da sociedade.PALAVRAS CHAVE: Educação Infantil; Cidadania; Direitos Humanos. 1. Graduada em Pedagogia pela UFPB – CE. Campus João Pessoa 2. Professora Dra. do Departamento de Habilitações Pedagógicas – CE – UFPB 3. Graduado em Pedagogia pela UFPB – CE. Campus João Pessoa

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.