Artigo Anais do V CONAPESC

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

FAUNA AMEAÇADA DE EXTINÇÃO PROTEGIDA PELA UNIDADE DE CONSERVAÇÃO APA COSTA DOS CORAIS EM ALAGOAS E PERNAMBUCO NO LITORAL DO NORDESTE BRASILEIRO

Palavra-chaves: APA COSTA DOS CORAIS, FAUNA, LIVRO VERMELHO, PESQUISA, UNIDADES DE CONSERVAÇÃO Comunicação Oral (Artigo Completo) AT 10: Ciência Ambiental: No Ensino e na Pesquisa Publicado em 10 de dezembro de 2020

Resumo

EM 2018, O MINIST?RIO DO MEIO AMBIENTE POR MEIO DO INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVA??O DA BIODIVERSIDADE ? ICMBIO/MMA PUBLICOU O LIVRO VERMELHO DA FAUNA BRASILEIRA AMEA?ADA DE EXTIN??O, APRESENTANDO A LISTA E OBRA NACIONAL MAIS RECENTE SOBRE O TEMA. ESTE TRABALHO TRATA-SE DE UMA PESQUISA BIBLIOGR?FICA SOBRE A FAUNA VERMELHA PRESENTE NA MAIOR UNIDADE DE CONSERVA??O FEDERAL MARINHA ENTRE OS ESTADOS DE ALAGOAS E PERNAMBUCO. O ESTUDO REALIZADO ? LUZ DA CONSTITUI??O FEDERAL, DAS POL?TICAS NACIONAIS DE MEIO AMBIENTE (PNMA) E DE EDUCA??O AMBIENTAL (PNEA) E DO SISTEMA NACIONAL DE UNIDADES DE CONSERVA??O (SNUC) IDENTIFICOU 21 ESP?CIES NA ?REA DE PROTE??O AMBIENTAL COSTA DOS CORAIS (APACC), ENTRE MAM?FEROS, R?PTEIS, PEIXES E INVERTEBRADOS. DESSES, 14% EST?O EM RISCO EXTREMAMENTE ALTO DE EXTIN??O, 24% EM RISCO MUITO ALTO E 62% EM ALTO RISCO, SENDO RESPECTIVAMENTE SEUS ESTADOS DE CONSERVA??O CATEGORIZADOS EM CRITICAMENTE EM PERIGO (CR), EM PERIGO (EN) E VULNER?VEL (VU), DE ACORDO COM AS DEFINI??ES E CRIT?RIOS DA UNI?O INTERNACIONAL PARA CONSERVA??O DA NATUREZA (UICN), ADOTADOS PELO PROGRAMA NACIONAL DE CONSERVA??O DAS ESP?CIES AMEA?ADAS DE EXTIN??O ? PR?-ESP?CIES. CONCLUIU-SE QUE EXISTE UMA URGENTE NECESSIDADE DE AMPLIAR OS HORIZONTES PARA O COMBATE ?S AMEA?AS DE EXTIN??O NA ?REA OBJETO DE ESTUDO, INVESTINDO-SE EM POL?TICAS P?BLICAS, EM PARTICULAR EM A??ES DE EDUCA??O AMBIENTAL, INTEGRADAS COM AS DEMAIS UNIDADES DE CONSERVA??O DENTRO E NO ENTORNO DA APACC, ENVOLVENDO A COMUNIDADE CIENT?FICA E ESCOLAR, E SENSIBILIZANDO AS SOCIEDADES PARA ATUAR NA CONSERVA??O DAS ESP?CIES.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.