Artigo Anais VII CONEDU - Edição Online

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

PREVALÊNCIA DA SÍNDROME DE BURNOUT EM PROFESSORES DURANTE O PERÍODO PANDÊMICO DE ISOLAMENTO SOCIAL

Palavra-chaves: SÍNDROME DE BURNOUT, PROFESSOR, SAÚDE MENTAL, ISOLAMENTO SOCIAL, PANDEMIA Comunicação Oral (CO) GT 18 - Educação Emocional Publicado em 04 de novembro de 2020

Resumo

O ESTUDO EM QUESTÃO OBJETIVA ANALISAR O ESTADO DE SAÚDE MENTAL DOS PROFESSORES ATRAVÉS DA ANÁLISE DA SÍNDROME DE BURNOUT DURANTE O PERÍODO PANDÊMICO EM QUE A SOCIEDADE SE ENCONTRA, PRINCIPALMENTE COM O ISOLAMENTO SOCIAL. QUANDO ANALISAMOS A QUALIDADE DE ENSINO É IDENTIFICADO O PAPEL DO DOCENTE COMO PEÇA CENTRAL DO PROCESSO, MAS QUE, DURANTE O PERÍODO INICIAL DO ISOLAMENTO SOCIAL FOI NEGLIGENCIADO O CUIDADO COM O PROFISSIONAL DESSA ÁREA. TRATA-SE DE UMA PESQUISAÇÃO EM QUE FOI MAPEADO INFORMAÇÕES COM DOCENTES DOS MAIS DIVERSOS NÍVEIS DE ENSINO VIA APLICAÇÃO DE QUESTIONÁRIO ONLINE. OS RESULTADOS PREOCUPAM, POIS DEMONSTRAM QUE MUITOS PROFESSORES ESTÃO COM A SÍNDROME DE BURNOUT, MAS QUE AINDA NÃO PERCEBERAM, AFETANDO GRANDEMENTE A SUA PERCEPÇÃO DE REALIZAÇÃO PROFISSIONAL.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.