Artigo Anais VII CONEDU - Edição Online

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 163
EDUCAÇÃO EM TEMPOS DE NEOLIBERALISMO: REFLEXÕES SOBRE A INSTITUCIONALIZAÇÃO ESCOLAR FRENTE AO CAPITALISMO

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO, NEOLIBERALISMO, CAPITALISMO, , Comunicação Oral (CO) GT 03 - História da Educação Publicado em 04 de novembro de 2020

Resumo

O PRESENTE TRABALHO DE CUNHO TEÓRICO E CRÍTICO BUSCA TECER SUBSÍDIOS PARA AS DISCUSSÕES DAS TRANSFORMAÇÕES SOCIAIS DO CAPITALISMO, TRABALHO E DA EDUCAÇÃO, BUSCANDO-SE REFLETIR, DE MODO MAIS ESPECÍFICO, SOBRE A EDUCAÇÃO DIANTE DO NEOLIBERALISMO, EM ATENÇÃO PARA OS IMPACTOS DESTE NAS NA ESCOLA E NOS PROCESSOS EDUCATIVOS. TRATA-SE DE UM TRABALHO COM METODOLOGIA DE ABORDAGEM QUALITATIVA GUIADO PELA ANÁLISE BIBLIOGRÁFICA. DE ACORDO COM OS RESULTADOS OBTIDOS, COMPREENDE-SE QUE A EDUCAÇÃO NA PERSPECTIVA NEOLIBERAL BUSCA SE ORGANIZAR A PARTIR DAS NECESSIDADES, DEVERES E COAÇÕES DO TRABALHO PRODUTIVO, DEMARCANDO, CONTUDO, QUE A ESCOLA É ARTICULADA E PENSADA PARA ATENDER AS DEMANDAS FUNDAMENTALMENTE ATRAVESSADAS PELO CAPITAL. COMO DECORRÊNCIA DESSA COMPLEXA ARTIMANHA ECONÔMICA, ADVERTE-SE QUANTO AOS PERIGOS DESSA LÓGICA DE MERCADO, IMPOSSIBILITANDO PROFESSORES, ALUNOS E GESTORES ELABORAREM UMA DISCUSSÃO CRÍTICA QUE TORNA A ESCOLA UM LUGAR DE DESIGUALDADES, EXCLUSÃO E NATURALIZAÇÃO DA EXPLORAÇÃO DO TRABALHO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.