Artigo Anais VII CONEDU - Edição Online

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 224
BULLYING ESCOLAR E A INFÂNCIA: REFLEXÕES SOBRE A AGRESSIVIDADE EM CRIANÇAS

Palavra-chaves: BULLYING ESCOLAR, INFÂNCIA, AGRESSIVIDADE, ESCOLA, Comunicação Oral (CO) GT 09 - Educação Infantil Publicado em 04 de novembro de 2020

Resumo

ESTE ARTIGO TEVE POR OBJETIVO FAVORECER DISCUSS?ES SOBRE SE (E COMO) APARECEM IND?CIOS DE BULLYING NA INF?NCIA, CONSIDERANDO OS ESTADOS DE AGRESSIVIDADE. O BULLYING ESCOLAR REFERE-SE A COMPORTAMENTOS INTENCIONAIS E REPETITIVOS DE CAR?TER AGRESSIVO, OPRESSOR OU AMEA?ADOR NA RELA??O ENTRE PARES, DENTRO DO CONTEXTO ESCOLAR. INSTAURA-SE UM DESEQUIL?BRIO DE FOR?AS, ONDE A V?TIMA N?O POSSUI RECURSOS PARA SE DEFENDER. DEVIDO ?S TRANSFORMA??ES HORMONAIS, SOCIAIS, PSICOL?GICAS E EMOCIONAIS T?PICAS DA ADOLESC?NCIA, OS ADOLESCENTES EST?O MAIS SUSCET?VEIS A SE ENGAJAREM EM SITUA??ES DE BULLYING, ENT?O, ? NESTE PER?ODO QUE SE CONCENTRAM AS PESQUISAS SOBRE BULLYING, ESPECIALMENTE NO BRASIL. NO ENTANTO, O QUE ACONTECE NA INF?NCIA? N?O EXISTE BULLYING? DESSE MODO, A PROPOSTA DO ARTIGO SURGE DA CONSTATA??O DE LACUNAS DE ESTUDOS SOBRE BULLYING ESCOLAR NA INF?NCIA, E PROCUROU SE DEBRU?AR SOBRE O BULLYING NESTE PER?ODO, ARTICULANDO COM ESTUDOS SOBRE AGRESSIVIDADE, NA PERSPECTIVA DO DESENVOLVIMENTO MORAL E COGNITIVO NUMA PESQUISA BIBLIOGR?FICA CONCLUI-SE QUE NA PRIMEIRA INF?NCIA MESMO SEM A CONSCI?NCIA DAS CONSEQU?NCIAS DOS COMPORTAMENTOS AGRESSIVOS, COMUNS DO DESENVOLVIMENTO MORAL E COGNITIVO DAS CRIAN?AS, AINDA ASSIM, ? POSS?VEL IDENTIFICAR PR?TICAS DE BULLYING NA INF?NCIA, EXATAMENTE PELO SOFRIMENTO QUE GERAM, PELA REPETI??O, O CAR?TER AGRESSIVO E HUMILHANTE DOS COMPORTAMENTOS, SOMADO A DIFICULDADE DAS CRIAN?AS-V?TIMAS DE SE DEFENDEREM. PORTANTO, BUSCOU-SE FOMENTAR REFLEX?ES QUE LEVEM ? G?NESE DE COMPORTAMENTOS DE BULLYING, TOMANDO A AGRESSIVIDADE COMO UM PREDITOR. ASSIM COMO, APONTA-SE A NECESSIDADE DE OLHAR PARA O UNIVERSO INFANTIL COM ESTRAT?GIAS DE PREVEN??O, ANTES DE O FEN?MENO SER INSTAURADO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.