Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 242
A LITERATURA NORTE-AMERICANA NAS AULAS DE LÍNGUA INGLESA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

Palavra-chaves: PIBID, ENSINO DE LÍNGUA INGLESA, LITERATURA NORTE-AMERICANA Pôster (PO) LINGUAGENS, LETRAMENTO E ALFABETIZAÇÃO Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

INTRODUÇÃOO ensino de língua inglesa na rede pública enfrenta muitas dificuldades para a efetivação da aprendizagem do idioma: professores não formados na área, mas que lecionam a disciplina, os chamados professores postiços (SIQUEIRA, 2011), o desinteresse dos alunos, a falta de recursos didáticos nas escolas, a carga horária escassa, dentre outros obstáculos.Observa-se um jogo de criação de bodes expiatórios (LEFFA, 2011) onde a tríade governo x aluno x professor, revezam a provável culpa pela falta de êxito no ensino/aprendizagem da língua. Poucos são os chamados “professores reflexivos” (SIQUEIRA, 2011) que não se acomodam com tal situação e buscam estar se atualizando, participando de congressos, eventos e projetos, como o Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), projeto este, que além de proporcionar uma vasta troca de experiência entre pesquisadores e seus supervisores, serve como uma ponte entre os alunos de graduação e a realidade da escola pública.OBJETIVO Como objetivo, o PIBID/Inglês visa proporcionar ao alunado, através das atividades de seus pesquisadores, uma aprendizagem mais efetiva e dinâmica através de novas alternativas e olhares em relação ao ensino da língua inglesa.Como proposta para o I CONEDU – Congresso Nacional de Educação, optamos por desenvolver atividades relacionadas ao ensino de literatura norte-americana, mais especificamente, as obras datadas por volta dos anos 1850.METODOLOGIAForam desenvolvidas duas atividades em sala, consistindo na distribuição de trechos de um resumo em inglês, com seu respectivo vocabulário, a grupos de 4-5 alunos, onde os mesmos, após o traduzirem, liam em voz alta e assim, através da socialização da leitura, acompanharem o desenvolvimento do enredo.Em nossa primeira atividade trabalhamos o conto “The Black Cat” de Edgar Allan Poe, onde os alunos mostraram-se interessados, devido a seu mistério, obscuridade e morbidez, e além de criticarem o dono do gato Pluto, tido como louco ou possesso, mostraram o sentimento de compaixão, para com o personagem Pluto. Após a tradução, foi exibido um vídeo do conto, em formato de cinema mudo, como alternativa de ilustrar o enredo trabalhado.A segunda atividade consistiu na tradução do resumo do romance “Moby Dick” de Herman Melville, onde trabalhamos também, o contexto histórico, quando era comum a caça baleeira, embora apenas uma pequena parte do imenso animal fosse aproveitada na alimentação. Após a socialização da leitura, exibimos o episódio “Dopey Dick”, do desenho animado Woody Woodpecker (Pica-Pau), uma paródia do romance de Melville. RESULTADOSComo resultado, pudemos observar um bom desempenho da maioria dos alunos em relação à tradução, infelizmente alguns preferiram manter a indiferença em relação à atividade, fato este que não chegou a atrapalhar o desenvolvimento. A maioria dos alunos até então não conheciam nada sobre literatura em língua inglesa e se mostraram muito participativos nas atividades.CONCLUSÃOSabemos das inúmeras dificuldades em se trabalhar a língua inglesa, porém através de nossa atividade proposta, mostramos que pode não ser fácil trabalhar-se um tema tão extenso quanto a literatura em sala, mas os resultados podem mostrar-se bastante proveitosos por ambas as partes, professor e alunos.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.