Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 251
PRÁTICAS PIBID: O TRABALHO COM O TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO EM SALA DE AULA

Palavra-chaves: TEXTO DISSERTATIVO-ARGUMENTATIVO, PRODUÇÃO TEXTUAL EM SALA DE AULA, ENEM Comunicação Oral (CO) ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

O presente trabalho relata a experiência vivenciada pela equipe do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), Subprojeto de Língua Portuguesa (LP) – UEPB – Campus III, Guarabira, na Escola Estadual Monsenhor Emiliano de Cristo, localizada em Guarabira - PB. Consiste na percepção das dificuldades encontradas pelos discentes que cursam o 3° ano do ensino médio no tocante à produção textual, principalmente os argumentativos. Embasadas nos estudos sobre sequência didática de Dolz e Scheneuwly (2004), nas reflexões de Marcuschi (2008) e nas orientações de oficinas presentes nas Olimpíadas de Língua Portuguesa “Escrevendo o Futuro” (2012, 2014), originou-se o projeto de trabalho com o texto dissertativo-argumentativo. Para desenvolver o trabalho, foram selecionados temas para a produção de textos, cujos avanços ocorreram gradativamente, sempre focando nesse tipo textual, pois contempla a língua em diversas realizações e também favorecem a reflexão crítica e o exercício de formas de pensamento mais elaborado. Assim, buscou-se atender os seguintes objetivos: 1)verificar o conhecimento do aluno sobre as características e o processo de produção de texto dissertativo-argumentativo; 2)contextualizar, caracterizar e exemplificar o texto dissertativo-argumentativo; 3)compreender e desenvolver as competências utilizadas na avaliação do texto dissertativo argumentativo no ENEM; 4) fazer a revisão de texto como processo para o aperfeiçoamento da escrita. Dessa forma, o trabalho constituiu-se da apresentação do gênero para a apropriação das características. Em seguida a produção por parte dos alunos. Depois as avaliações, correções e discussões das produções entre as alunas PIBID e a supervisora professora Maria Elizabete Sales. E por fim, comentários com a turma para a reescrita e produção final por parte dos alunos. Ao término, foram analisadas as diferenças entre a primeira produção e a produção final, levando em consideração a organização, uso da linguagem, clareza dos argumentos e a conclusão. Vencidas as etapas e com resultados favoráveis, espera-se que os alunos estejam aptos para aprimorar-se como produtores desse gênero textual, tendo em vista a preparação dos alunos para o ENEM e para a sociedade.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.