Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 222
UMA ANÁLISE DA APRENDIZAGEM DA LÍNGUA INGLESA NA INFÂNCIA A PARTIR DO USO DA SEMIÓTICA PEIRCEANA

Palavra-chaves: APRENDIZAGEM NA INFÂNCIA, LÍNGUA INGLESA, SIGNOS PEIRCEANOS Comunicação Oral (CO) GT 15 – Ensino de línguas Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

ESTE ARTIGO TRAZ UMA ANÁLISE ACERCA DA APRENDIZAGEM DE LÍNGUA INGLESA NA INFÂNCIA A PARTIR DO USO DOS SIGNOS PEIRCEANOS NA ESFERA ESCOLAR. PARA EFETUAR NOSSA ANÁLISE, DETALHAMOS OS CONCEITOS DE SIGNO, SUA RELAÇÃO COM O OBJETO E O INTERPRETANTE, BEM COMO SUA ATUAÇÃO NA SEMIOSE. DESTACAMOS QUE TAIS CONCEITOS VERSAM SOBRE A APRENDIZAGEM ATRAVÉS DOS SIGNOS SOB UMA ABORDAGEM QUE NOS PERMITE DELIBERAR ALTERNATIVAS PARA UMA MELHOR PERSPECTIVA DE ENSINO DE LÍNGUA INGLESA NA INFÂNCIA, POR DESTACAR O PROCESSO DE APRENDIZADO A PARTIR DAS RELAÇÕES SIMBÓLICAS QUE A IMAGEM PROPORCIONA AO APRENDIZ ATRAVÉS DOS SIGNOS NÃO VERBAIS. TAMBÉM DEMONSTRAMOS QUE O TRABALHO DOCENTE TEM GRANDE INFLUÊNCIA DURANTE ESSA FASE DA APRENDIZAGEM, POIS OS MÉTODOS DE ENSINO CONTRIBUEM DE MANEIRA SIGNIFICATIVA PARA O ENVOLVIMENTO DOS EDUCANDOS DURANTE AS AULAS, REFLETINDO ASSIM NA APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA. PARA ISSO, APRESENTAREMOS TEORIAS QUE COMPROVAM QUE A INFÂNCIA É UMA DAS MELHORES FASES PARA QUE A APRENDIZAGEM DE UM SEGUNDO IDIOMA SEJA ESTIMULADA, POIS AS CRIANÇAS, NA FASE INICIAL DA EDUCAÇÃO ESCOLAR, ESTÃO BEM MAIS PREDISPOSTAS A APRENDER “O NOVO”, POIS A CURIOSIDADE E A VONTADE DE SABER MAIS FAZ COM QUE A CRIANÇA CONSOLIDE O CONHECIMENTO ADQUIRIDO E O INSIRA EM SEU COTIDIANO

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.