Artigo Anais IV CONAPESC

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

VARIAÇÕES ONTOGENÉTICAS DA DIETA DE PEIXES EM RESERVATÓRIO DO SEMIÁRIDO PARAIBANO

Palavra-chaves: ECOLOGIA TRÓFICA, ONTOGÊNESE, MUDANÇAS DIETÉTICAS, PEIXES Comunicação Oral (CO) AT 07: Ciências da Natureza e suas abordagens
"2019-09-02 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 57335
    "edicao_id" => 110
    "trabalho_id" => 1051
    "inscrito_id" => 2711
    "titulo" => "VARIAÇÕES ONTOGENÉTICAS DA DIETA DE PEIXES EM RESERVATÓRIO DO SEMIÁRIDO PARAIBANO"
    "resumo" => "OS PEIXES APRESENTAM VARIAÇÕES ONTOGENÉTICAS NA DIETA AO LONGO DO SEU DESENVOLVIMENTO, EM DECORRÊNCIA DAS MUDANÇAS MORFOLÓGICAS E FISIOLÓGICAS COMO O DESENVOLVIMENTO DA BOCA E APARATO DIGESTÓRIO. PORTANTO, AS ESPÉCIES PODEM MUDAR O HÁBITO ALIMENTAR DIANTE DE OSCILAÇÕES NA ABUNDÂNCIA RELATIVA DO RECURSO ALIMENTAR EM USO. DIANTE DO EXPOSTO, ESTE TRABALHO OBJETIVOU ANALISAR AS VARIAÇÕES ONTOGENÉTICAS NA DIETA DE PEIXES NO RESERVATÓRIO POÇÕES, NO SEMIÁRIDO PARAIBANO. PARA ISSO, AS COLETAS FORAM REALIZADAS NO RESERVATÓRIO COM USO REDES DE ARRASTO, TARRAFA E REDE DE ESPERA DE DIFERENTES TAMANHOS. OS PEIXES FORAM ANESTESIADOS E SACRIFICADOS, ACONDICIONADOS EM GELO E LEVADOS PARA O LABORATÓRIO. EM LABORATÓRIO FORAM MEDIDOS, PESADOS E DISSECADOS PARA A REMOÇÃO DOS ESTÔMAGOS. O CONTEÚDO FOI ANALISADO SOB ESTEREOMICROSCÓPIO. OS INDIVÍDUOS FORAM DIVIDIDOS EM JUVENIS E ADULTOS PARA AS ANÁLISES ONTOGÊNICAS. A DIETA FOI ANALISADA POR MEIO DO ÍNDICE DE IMPORTÂNCIA ALIMENTAR, ANÁLISE DE SIMILARIDADE E AGRUPAMENTO DE CLUSTER. FORAM IDENTIFICADAS 11 ESPÉCIES PERTENCENTES A 4 ORDENS. APENAS HOPLIAS MALABARICUS, LEPORINUS PIAU, OREOCHROMIS NILOTICUS E CRENICICHLA MENEZESI APRESENTARAM INDIVÍDUOS NAS FASES JUVENIS E ADULTOS. FORAM IDENTIFICADOS 29 ITENS ALIMENTARES. A PARTIR DA ANÁLISE DE CLUSTER FORAM DELIMITADAS 4 GUILDAS TRÓFICAS: CARNÍVORA/INSETÍVORA, ONÍVORA, DETRTITÍVORA E LEPIDOFÁGICA. C. MENEZESI E H. MALABARICUS VARIARAM DE CARNÍVORO PARA LEPIDOFÁGICO. L. PIAU VAROU DE LEPIDOGÁGICO PARA ONÍVORO/GENERALISTAS. O. NILOTICUS NÃO VARIOU EM RELAÇÃO A GUILDA TRÓFICA, MAS, VARIOU NO CONSUMO DE PRESAS E NO NÚMERO DESTAS INGERIDAS. POR TANTO,  AS ESPÉCIES MUDARAM DE DIETA EM RESPOSTA AO DESENVOLVIMENTO ONTOGENÉTICO."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT 07: Ciências da Natureza  e suas abordagens"
    "palavra_chave" => "ECOLOGIA TRÓFICA, ONTOGÊNESE, MUDANÇAS DIETÉTICAS, PEIXES"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV126_MD1_SA7_ID2711_01082019230237.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:53"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:23:40"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "KLISMAN JOSÉ SANTOS DANTAS"
    "autor_nome_curto" => "KLISMAN DANTAS"
    "autor_email" => "klismanj51@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conapesc"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONAPESC"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em Ciências"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/conapesc/2019"
    "edicao_logo" => "5e49fc4622961_16022020233654.png"
    "edicao_capa" => "5f1841846340e_22072020103916.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-09-02 00:00:00"
    "publicacao_id" => 28
    "publicacao_nome" => "Anais do Conapesc"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 57335
    "edicao_id" => 110
    "trabalho_id" => 1051
    "inscrito_id" => 2711
    "titulo" => "VARIAÇÕES ONTOGENÉTICAS DA DIETA DE PEIXES EM RESERVATÓRIO DO SEMIÁRIDO PARAIBANO"
    "resumo" => "OS PEIXES APRESENTAM VARIAÇÕES ONTOGENÉTICAS NA DIETA AO LONGO DO SEU DESENVOLVIMENTO, EM DECORRÊNCIA DAS MUDANÇAS MORFOLÓGICAS E FISIOLÓGICAS COMO O DESENVOLVIMENTO DA BOCA E APARATO DIGESTÓRIO. PORTANTO, AS ESPÉCIES PODEM MUDAR O HÁBITO ALIMENTAR DIANTE DE OSCILAÇÕES NA ABUNDÂNCIA RELATIVA DO RECURSO ALIMENTAR EM USO. DIANTE DO EXPOSTO, ESTE TRABALHO OBJETIVOU ANALISAR AS VARIAÇÕES ONTOGENÉTICAS NA DIETA DE PEIXES NO RESERVATÓRIO POÇÕES, NO SEMIÁRIDO PARAIBANO. PARA ISSO, AS COLETAS FORAM REALIZADAS NO RESERVATÓRIO COM USO REDES DE ARRASTO, TARRAFA E REDE DE ESPERA DE DIFERENTES TAMANHOS. OS PEIXES FORAM ANESTESIADOS E SACRIFICADOS, ACONDICIONADOS EM GELO E LEVADOS PARA O LABORATÓRIO. EM LABORATÓRIO FORAM MEDIDOS, PESADOS E DISSECADOS PARA A REMOÇÃO DOS ESTÔMAGOS. O CONTEÚDO FOI ANALISADO SOB ESTEREOMICROSCÓPIO. OS INDIVÍDUOS FORAM DIVIDIDOS EM JUVENIS E ADULTOS PARA AS ANÁLISES ONTOGÊNICAS. A DIETA FOI ANALISADA POR MEIO DO ÍNDICE DE IMPORTÂNCIA ALIMENTAR, ANÁLISE DE SIMILARIDADE E AGRUPAMENTO DE CLUSTER. FORAM IDENTIFICADAS 11 ESPÉCIES PERTENCENTES A 4 ORDENS. APENAS HOPLIAS MALABARICUS, LEPORINUS PIAU, OREOCHROMIS NILOTICUS E CRENICICHLA MENEZESI APRESENTARAM INDIVÍDUOS NAS FASES JUVENIS E ADULTOS. FORAM IDENTIFICADOS 29 ITENS ALIMENTARES. A PARTIR DA ANÁLISE DE CLUSTER FORAM DELIMITADAS 4 GUILDAS TRÓFICAS: CARNÍVORA/INSETÍVORA, ONÍVORA, DETRTITÍVORA E LEPIDOFÁGICA. C. MENEZESI E H. MALABARICUS VARIARAM DE CARNÍVORO PARA LEPIDOFÁGICO. L. PIAU VAROU DE LEPIDOGÁGICO PARA ONÍVORO/GENERALISTAS. O. NILOTICUS NÃO VARIOU EM RELAÇÃO A GUILDA TRÓFICA, MAS, VARIOU NO CONSUMO DE PRESAS E NO NÚMERO DESTAS INGERIDAS. POR TANTO,  AS ESPÉCIES MUDARAM DE DIETA EM RESPOSTA AO DESENVOLVIMENTO ONTOGENÉTICO."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "AT 07: Ciências da Natureza  e suas abordagens"
    "palavra_chave" => "ECOLOGIA TRÓFICA, ONTOGÊNESE, MUDANÇAS DIETÉTICAS, PEIXES"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV126_MD1_SA7_ID2711_01082019230237.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:53"
    "updated_at" => "2020-06-09 19:23:40"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "KLISMAN JOSÉ SANTOS DANTAS"
    "autor_nome_curto" => "KLISMAN DANTAS"
    "autor_email" => "klismanj51@gmail.com"
    "autor_ies" => "UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA"
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-iv-conapesc"
    "edicao_nome" => "Anais IV CONAPESC"
    "edicao_evento" => "IV Congresso Nacional de Pesquisa e Ensino em Ciências"
    "edicao_ano" => 2019
    "edicao_pasta" => "anais/conapesc/2019"
    "edicao_logo" => "5e49fc4622961_16022020233654.png"
    "edicao_capa" => "5f1841846340e_22072020103916.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2019-09-02 00:00:00"
    "publicacao_id" => 28
    "publicacao_nome" => "Anais do Conapesc"
    "publicacao_codigo" => "2525-6696"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 02 de setembro de 2019

Resumo

OS PEIXES APRESENTAM VARIAÇÕES ONTOGENÉTICAS NA DIETA AO LONGO DO SEU DESENVOLVIMENTO, EM DECORRÊNCIA DAS MUDANÇAS MORFOLÓGICAS E FISIOLÓGICAS COMO O DESENVOLVIMENTO DA BOCA E APARATO DIGESTÓRIO. PORTANTO, AS ESPÉCIES PODEM MUDAR O HÁBITO ALIMENTAR DIANTE DE OSCILAÇÕES NA ABUNDÂNCIA RELATIVA DO RECURSO ALIMENTAR EM USO. DIANTE DO EXPOSTO, ESTE TRABALHO OBJETIVOU ANALISAR AS VARIAÇÕES ONTOGENÉTICAS NA DIETA DE PEIXES NO RESERVATÓRIO POÇÕES, NO SEMIÁRIDO PARAIBANO. PARA ISSO, AS COLETAS FORAM REALIZADAS NO RESERVATÓRIO COM USO REDES DE ARRASTO, TARRAFA E REDE DE ESPERA DE DIFERENTES TAMANHOS. OS PEIXES FORAM ANESTESIADOS E SACRIFICADOS, ACONDICIONADOS EM GELO E LEVADOS PARA O LABORATÓRIO. EM LABORATÓRIO FORAM MEDIDOS, PESADOS E DISSECADOS PARA A REMOÇÃO DOS ESTÔMAGOS. O CONTEÚDO FOI ANALISADO SOB ESTEREOMICROSCÓPIO. OS INDIVÍDUOS FORAM DIVIDIDOS EM JUVENIS E ADULTOS PARA AS ANÁLISES ONTOGÊNICAS. A DIETA FOI ANALISADA POR MEIO DO ÍNDICE DE IMPORTÂNCIA ALIMENTAR, ANÁLISE DE SIMILARIDADE E AGRUPAMENTO DE CLUSTER. FORAM IDENTIFICADAS 11 ESPÉCIES PERTENCENTES A 4 ORDENS. APENAS HOPLIAS MALABARICUS, LEPORINUS PIAU, OREOCHROMIS NILOTICUS E CRENICICHLA MENEZESI APRESENTARAM INDIVÍDUOS NAS FASES JUVENIS E ADULTOS. FORAM IDENTIFICADOS 29 ITENS ALIMENTARES. A PARTIR DA ANÁLISE DE CLUSTER FORAM DELIMITADAS 4 GUILDAS TRÓFICAS: CARNÍVORA/INSETÍVORA, ONÍVORA, DETRTITÍVORA E LEPIDOFÁGICA. C. MENEZESI E H. MALABARICUS VARIARAM DE CARNÍVORO PARA LEPIDOFÁGICO. L. PIAU VAROU DE LEPIDOGÁGICO PARA ONÍVORO/GENERALISTAS. O. NILOTICUS NÃO VARIOU EM RELAÇÃO A GUILDA TRÓFICA, MAS, VARIOU NO CONSUMO DE PRESAS E NO NÚMERO DESTAS INGERIDAS. POR TANTO, AS ESPÉCIES MUDARAM DE DIETA EM RESPOSTA AO DESENVOLVIMENTO ONTOGENÉTICO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.