Artigo Anais V CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

POVOS INDÍGENAS E A UNIVERSIDADE: O CONTEXTO DAS AÇÕES AFIRMATIVAS PARA INDÍGENAS NA AMAZÔNIA.

Palavra-chaves: POVOS INDÍGENAS., POLÍTICAS., AÇÕES AFIRMATIVAS, ENSINO SUPERIOR, ENSINO SUPERIOR Pôster (PO) GT 11. Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade
"2018-10-17 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 48653
    "edicao_id" => 101
    "trabalho_id" => 1450
    "inscrito_id" => 4355
    "titulo" => "POVOS INDÍGENAS E A UNIVERSIDADE: O CONTEXTO DAS AÇÕES AFIRMATIVAS PARA INDÍGENAS NA AMAZÔNIA."
    "resumo" => "Este trabalho diz respeito ao desenvolvimento de um Projeto de Pesquisa em andamento no âmbito do Departamento de Educação Intercultural da Universidade Federal de Rondônia-UNIR, Campus Ji-Paraná, que tem como objetivo investigar as políticas públicas de Ação Afirmativa de acesso e permanência ao ensino superior público na Universidade Federal de Rondônia direcionadas aos estudantes indígenas após a Lei de Cotas (Lei n. 12.711 de 2012). A pesquisa teve início em marco de 2018 com levantamento dos primeiros dados. A metodologia adotada para a presente pesquisa se aproxima da abordagem qualitativa (MINAYO, 2001) e os instrumentos de coleta de dados adotados são: análise documental, entrevista e pesquisa bibliográfica. A investigação tem por base a análise documental, depoimentos de servidores da administração pública federal (UNIR), de estudantes indígenas da Graduação e dos Programas de Pós-Graduação da UNIR e representantes de organizações do movimento indígena em Rondônia. Há inúmeras evidências de que ainda há uma enorme invisibilidade indígena no contexto das políticas públicas direcionada aos indígenas da região. Percebe-se que mesmo com um quantitativo de indígenas na Região Amazônica por si só não garante a efetividade de políticas púbicas de acesso ao ensino superior direcionada as populações tradicionais. Neste sentido é necessário analisar as ações afirmativas existentes e de que maneira a UNIR adota procedimentos para mitigar iniquidades na admissão aos seus cursos, lidando com o desafio de transformar categorias sociológicas como classe, raça e etnicidade, bem como demandas governamentais e de movimentos sociais em critérios norteadores de políticas públicas."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "GT 11. Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade"
    "palavra_chave" => "POVOS INDÍGENAS., POLÍTICAS., AÇÕES AFIRMATIVAS, ENSINO SUPERIOR, ENSINO SUPERIOR"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV117_MD4_SA11_ID4355_06092018001017.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:34"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:34:00"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "DIONES CLEI TEODORO LOPES"
    "autor_nome_curto" => "DIONES"
    "autor_email" => "dionesclei@unir.br"
    "autor_ies" => null
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais V CONEDU"
    "edicao_evento" => "V Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2018"
    "edicao_logo" => "5e4a040030b34_17022020000952.jpg"
    "edicao_capa" => "5e4a040030246_17022020000952.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-10-17 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 48653
    "edicao_id" => 101
    "trabalho_id" => 1450
    "inscrito_id" => 4355
    "titulo" => "POVOS INDÍGENAS E A UNIVERSIDADE: O CONTEXTO DAS AÇÕES AFIRMATIVAS PARA INDÍGENAS NA AMAZÔNIA."
    "resumo" => "Este trabalho diz respeito ao desenvolvimento de um Projeto de Pesquisa em andamento no âmbito do Departamento de Educação Intercultural da Universidade Federal de Rondônia-UNIR, Campus Ji-Paraná, que tem como objetivo investigar as políticas públicas de Ação Afirmativa de acesso e permanência ao ensino superior público na Universidade Federal de Rondônia direcionadas aos estudantes indígenas após a Lei de Cotas (Lei n. 12.711 de 2012). A pesquisa teve início em marco de 2018 com levantamento dos primeiros dados. A metodologia adotada para a presente pesquisa se aproxima da abordagem qualitativa (MINAYO, 2001) e os instrumentos de coleta de dados adotados são: análise documental, entrevista e pesquisa bibliográfica. A investigação tem por base a análise documental, depoimentos de servidores da administração pública federal (UNIR), de estudantes indígenas da Graduação e dos Programas de Pós-Graduação da UNIR e representantes de organizações do movimento indígena em Rondônia. Há inúmeras evidências de que ainda há uma enorme invisibilidade indígena no contexto das políticas públicas direcionada aos indígenas da região. Percebe-se que mesmo com um quantitativo de indígenas na Região Amazônica por si só não garante a efetividade de políticas púbicas de acesso ao ensino superior direcionada as populações tradicionais. Neste sentido é necessário analisar as ações afirmativas existentes e de que maneira a UNIR adota procedimentos para mitigar iniquidades na admissão aos seus cursos, lidando com o desafio de transformar categorias sociológicas como classe, raça e etnicidade, bem como demandas governamentais e de movimentos sociais em critérios norteadores de políticas públicas."
    "modalidade" => "Pôster (PO)"
    "area_tematica" => "GT 11. Inclusão, Direitos Humanos e Interculturalidade"
    "palavra_chave" => "POVOS INDÍGENAS., POLÍTICAS., AÇÕES AFIRMATIVAS, ENSINO SUPERIOR, ENSINO SUPERIOR"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV117_MD4_SA11_ID4355_06092018001017.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:34"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:34:00"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "DIONES CLEI TEODORO LOPES"
    "autor_nome_curto" => "DIONES"
    "autor_email" => "dionesclei@unir.br"
    "autor_ies" => null
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais V CONEDU"
    "edicao_evento" => "V Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2018"
    "edicao_logo" => "5e4a040030b34_17022020000952.jpg"
    "edicao_capa" => "5e4a040030246_17022020000952.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-10-17 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 17 de outubro de 2018

Resumo

Este trabalho diz respeito ao desenvolvimento de um Projeto de Pesquisa em andamento no âmbito do Departamento de Educação Intercultural da Universidade Federal de Rondônia-UNIR, Campus Ji-Paraná, que tem como objetivo investigar as políticas públicas de Ação Afirmativa de acesso e permanência ao ensino superior público na Universidade Federal de Rondônia direcionadas aos estudantes indígenas após a Lei de Cotas (Lei n. 12.711 de 2012). A pesquisa teve início em marco de 2018 com levantamento dos primeiros dados. A metodologia adotada para a presente pesquisa se aproxima da abordagem qualitativa (MINAYO, 2001) e os instrumentos de coleta de dados adotados são: análise documental, entrevista e pesquisa bibliográfica. A investigação tem por base a análise documental, depoimentos de servidores da administração pública federal (UNIR), de estudantes indígenas da Graduação e dos Programas de Pós-Graduação da UNIR e representantes de organizações do movimento indígena em Rondônia. Há inúmeras evidências de que ainda há uma enorme invisibilidade indígena no contexto das políticas públicas direcionada aos indígenas da região. Percebe-se que mesmo com um quantitativo de indígenas na Região Amazônica por si só não garante a efetividade de políticas púbicas de acesso ao ensino superior direcionada as populações tradicionais. Neste sentido é necessário analisar as ações afirmativas existentes e de que maneira a UNIR adota procedimentos para mitigar iniquidades na admissão aos seus cursos, lidando com o desafio de transformar categorias sociológicas como classe, raça e etnicidade, bem como demandas governamentais e de movimentos sociais em critérios norteadores de políticas públicas.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.