Artigo Anais V CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

CONSTRUINDO CONHECIMENTOS SOBRE A PLASTICIDADE FENOTÍPICA QUANTO AO CRESCIMENTO E À REPRODUÇÃO DE BOLDO BRASILEIRO (PLECTRANTHUS BARBATHUS ANDREWS) EM SALA DE AULA E LABORATÓRI

Palavra-chaves: AULA PRÁTICA, CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO, PLANTA Comunicação Oral (CO) GT 16. Ensino de Ciências
"2018-10-17 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 46793
    "edicao_id" => 101
    "trabalho_id" => 2119
    "inscrito_id" => 9935
    "titulo" => "CONSTRUINDO CONHECIMENTOS SOBRE A PLASTICIDADE FENOTÍPICA QUANTO AO CRESCIMENTO E À REPRODUÇÃO DE BOLDO BRASILEIRO (PLECTRANTHUS BARBATHUS ANDREWS) EM SALA DE AULA E LABORATÓRI"
    "resumo" => "A plasticidade fenotípica é a capacidade de um organismo expressar diferentes fenótipos, sem alteração do genótipo, em função de uma interação com o ambiente. Vivenciar o conceito em questão é extremamente importante no ensino de Biologia Vegetal. Porém, como abordar a plasticidade fenotípica através de atividades práticas em sala de aula e laboratório com propósito de desburocratizar o ensino de Ciências? O objetivo do presente estudo foi demonstrar a plasticidade fenotípica do Boldo Brasileiro (Plectranthus barbatus Andrews) em função da intensidade de luz e nutrientes do solo parauma turma de Engenharia Agrícola e Ambiental com participação estudantes de Ciências Biológicas. Os resultados demonstraram que nas condições de 100% e 50% - e principalmente em solo contento composto de vegetal e esterco avícola -, o boldo expressou inflorescência e menor área foliar, enquanto que nas condições de 30% e 10% o boldo foi mais crescente, não floresceu e expressou maior número de folhas. Os estudantes igualmente entenderam a estratégia fisiológica das plantas frente às variáveis ambientais expostas. O que foi verificado através de fotos e interpretação dos dados por meio da realização de redações que interpretaram os resultados quanto à influencia da luz, da riqueza do esterco avícola e sobre a expressão de inflorescência, demonstrando que as aulas atingiram os seus propósitos."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 16. Ensino de Ciências"
    "palavra_chave" => "AULA PRÁTICA, CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO, PLANTA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV117_MD1_SA16_ID9935_09092018203120.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:31"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:33:55"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LUANA VIEIRA CAMPOS"
    "autor_nome_curto" => "LUANA"
    "autor_email" => "vieiraluanac@hotmail.com"
    "autor_ies" => null
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais V CONEDU"
    "edicao_evento" => "V Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2018"
    "edicao_logo" => "5e4a040030b34_17022020000952.jpg"
    "edicao_capa" => "5e4a040030246_17022020000952.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-10-17 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 46793
    "edicao_id" => 101
    "trabalho_id" => 2119
    "inscrito_id" => 9935
    "titulo" => "CONSTRUINDO CONHECIMENTOS SOBRE A PLASTICIDADE FENOTÍPICA QUANTO AO CRESCIMENTO E À REPRODUÇÃO DE BOLDO BRASILEIRO (PLECTRANTHUS BARBATHUS ANDREWS) EM SALA DE AULA E LABORATÓRI"
    "resumo" => "A plasticidade fenotípica é a capacidade de um organismo expressar diferentes fenótipos, sem alteração do genótipo, em função de uma interação com o ambiente. Vivenciar o conceito em questão é extremamente importante no ensino de Biologia Vegetal. Porém, como abordar a plasticidade fenotípica através de atividades práticas em sala de aula e laboratório com propósito de desburocratizar o ensino de Ciências? O objetivo do presente estudo foi demonstrar a plasticidade fenotípica do Boldo Brasileiro (Plectranthus barbatus Andrews) em função da intensidade de luz e nutrientes do solo parauma turma de Engenharia Agrícola e Ambiental com participação estudantes de Ciências Biológicas. Os resultados demonstraram que nas condições de 100% e 50% - e principalmente em solo contento composto de vegetal e esterco avícola -, o boldo expressou inflorescência e menor área foliar, enquanto que nas condições de 30% e 10% o boldo foi mais crescente, não floresceu e expressou maior número de folhas. Os estudantes igualmente entenderam a estratégia fisiológica das plantas frente às variáveis ambientais expostas. O que foi verificado através de fotos e interpretação dos dados por meio da realização de redações que interpretaram os resultados quanto à influencia da luz, da riqueza do esterco avícola e sobre a expressão de inflorescência, demonstrando que as aulas atingiram os seus propósitos."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "GT 16. Ensino de Ciências"
    "palavra_chave" => "AULA PRÁTICA, CONSTRUÇÃO DO CONHECIMENTO, PLANTA"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "TRABALHO_EV117_MD1_SA16_ID9935_09092018203120.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:53:31"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:33:55"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "LUANA VIEIRA CAMPOS"
    "autor_nome_curto" => "LUANA"
    "autor_email" => "vieiraluanac@hotmail.com"
    "autor_ies" => null
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-v-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais V CONEDU"
    "edicao_evento" => "V Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2018
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2018"
    "edicao_logo" => "5e4a040030b34_17022020000952.jpg"
    "edicao_capa" => "5e4a040030246_17022020000952.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2018-10-17 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 17 de outubro de 2018

Resumo

A plasticidade fenotípica é a capacidade de um organismo expressar diferentes fenótipos, sem alteração do genótipo, em função de uma interação com o ambiente. Vivenciar o conceito em questão é extremamente importante no ensino de Biologia Vegetal. Porém, como abordar a plasticidade fenotípica através de atividades práticas em sala de aula e laboratório com propósito de desburocratizar o ensino de Ciências? O objetivo do presente estudo foi demonstrar a plasticidade fenotípica do Boldo Brasileiro (Plectranthus barbatus Andrews) em função da intensidade de luz e nutrientes do solo parauma turma de Engenharia Agrícola e Ambiental com participação estudantes de Ciências Biológicas. Os resultados demonstraram que nas condições de 100% e 50% - e principalmente em solo contento composto de vegetal e esterco avícola -, o boldo expressou inflorescência e menor área foliar, enquanto que nas condições de 30% e 10% o boldo foi mais crescente, não floresceu e expressou maior número de folhas. Os estudantes igualmente entenderam a estratégia fisiológica das plantas frente às variáveis ambientais expostas. O que foi verificado através de fotos e interpretação dos dados por meio da realização de redações que interpretaram os resultados quanto à influencia da luz, da riqueza do esterco avícola e sobre a expressão de inflorescência, demonstrando que as aulas atingiram os seus propósitos.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.