Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 186
O USO DO SOFTWARE RÉGUA E COMPASSO NO ESTUDO DE HOMOTETIA DIRETA

Palavra-chaves: TECNOLOGIAS, ENSINO-APRENDIZAGEM, SOFTWARE RÉGUA E COMPASSO, HOMOTETIA DIRETA Comunicação Oral (CO) GT 13 - Educação Matemática

Resumo

Sabe-se que o conhecimento docente associado à utilização dos softwares de Geometria Dinâmica contribui para melhorias no aprendizado dos conteúdos matemáticos pelos discentes. Dentre os softwares dinâmicos, escolhemos o software Régua e Compasso, versão 8.6, na abordagem do conteúdo matemático “homotetia direta”, tendo em vista que esse conteúdo, em geral, é pouco explorado no ensino fundamental e médio, e apresenta diversas aplicações cotidianas. Assim, o objetivo principal deste trabalho consiste em descrever uma experiência didática realizada com discentes do Curso de Licenciatura em Ciências Naturais, durante a execução do minicurso intitulado “O uso do software Régua e Compasso no estudo de Homotetia Direta” de forma a incentivá-los quanto ao uso das tecnologias na sua formação acadêmica e atuação profissional. Durante a execução deste a equipe executora observou as perguntas e discussões que surgiam por parte dos participantes com o objetivo de entender a realidade desses e analisar as principais dificuldades durante as construções da sequência didática do minicurso. Essa última informação seria complementada com as descrições disponíveis no questionário. A maioria dos discentes consideraram “alto” o grau de aprendizagem do conteúdo com o uso do software e dentre as dificuldades enfrentadas pelos alunos durante as construções destacaram o processo de memorização das ferramentas e janelas do Régua e Compasso, fato esse associado a quantidade e variedade dos recursos citados. Assim, o uso das tecnologias vem auxiliar o processo de ensino-aprendizagem de tal forma que os discentes universitários devem ser incentivados quanto ao seu uso e questionados quanto a melhor aplicação desses recursos.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.