Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 264
ESCOLA CIDADÃ: UMA ABORDAGEM PEDAGÓGICA SOBRE OS MOVIMENTOS SOCIAIS E A CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA

Palavra-chaves: ESCOLA CIDADÃ, MOVIMENTO SOCIAL, HISTORIOGRAFIA BRASILEIRA Pôster (PO) GT 05 - Movimentos Sociais, Sujeitos e Processos Educativos Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

Entende-se sobre Escola Cidadã aquela que se traduz como um centro de direitos e de deveres cuja característica é a formação para a cidadania. É a escola que viabiliza a cidadania de quem está inserida nela e de quem vem a ela. A mesma não pode ser uma escola cidadã em si e para si, mas é cidadã toda vez em que se exercita na construção da cidadania de quem faz uso de seu espaço; é uma escola coerente com a liberdade e com seu discurso formador. A Escola Cidadã é toda escola que, lutando para ser ela mesma, luta para que os educandos-educadores também sejam eles mesmos. E como ninguém pode ser só, esta escola é um espaço amplo de comunidade e companheirismo. É uma escola que vive a experiência tensa da democracia. Considerando o exposto, atribuímos à escola o papel de inserir em seu currículo temáticas que tratem de questões educativas que são de fundamental importância dentro da prática pedagógica. Destaca-se o ambiente escolar como um espaço propício ao estudo, pesquisa e produção de conhecimento por parte de docentes e discentes a partir dos movimentos sociais e da construção da cidadania. Diante disso, este artigo propõe realizar uma reflexão crítica sobre esses movimentos numa perspectiva da Escola Cidadã. Seu objetivo é promover estratégias que possibilitem aos discentes de ensino médio analisar e discutir de forma crítica as principais vertentes dos movimentos sociais no Brasil, resgatando alguns episódios das lutas sociais e da resistência popular como instrumentos norteadores para a formação cidadã, pautados nos princípios e valores sociais. O trabalho aqui proposto caracteriza-se, ainda, numa pesquisa que prima pelo desenvolvimento no processo de ensino e aprendizagem e das experiências adquiridas sobre o assunto em questão, estimulando a participação do alunado mediante uma abordagem historiográfica. Dessa forma, proporcionaremos aos discentes, condição para que sejam sujeitos na construção do seu próprio conhecimento uma vez que se encontram diretamente ligados à prática educativa no contexto escolar e extraescolar.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.