Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

CRIPTOGRAFIA: UMA FERRAMENTA DE ENSINO DAS OPERAÇÕES MATRICIAIS

Palavra-chaves: CRIPTOGRAFIA, MATEMÁTICA, MATRIZES, SEQUÊNCIA DIDÁTICA Comunicação Oral (CO) GT 13 - Educação Matemática Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

Desde a antiguidade houve a necessidade de se comunicar de maneira sigilosa, nas guerras, por exemplo, os grandes generais tinha a preocupação de se comunicar secretamente entre as bases e assim desenvolver seus planos de ataques em segurança. Os primeiros relatos sobre a utilização da criptografia aconteceram nas civilizações antigas quando os Egípcios usaram os hieróglifos para manter documentos importantes em segurança, e desde então, muitos estudiosos se propuseram a estudar sobre essa técnica, alcançando grandes avanços e tornando-a uma importante aplicação da Matemática. Nesse sentido, o presente trabalho tem por objetivo utilizar a criptografia como uma ferramenta de ensino de conteúdos matemáticos, tendo a sua relevância em trazer ao debate a importância de ensinar a Matemática de forma mais articulada com a realidade dos discentes, mostrando uma forma de se trabalhar essa disciplina a partir de uma de suas aplicações importantes para a sociedade atual. Para isso, realizamos um estudo bibliográfico sobre a criptografia, abordando a sua evolução histórica e os conceitos matemáticos aplicados a essa técnica, destacando a Cifra de Hill a qual é uma técnica criptográfica baseada na Álgebra Linear, mais especificamente nas operações matriciais e na aritmética modular. E como parte final deste trabalho, elaboramos uma sequência didática para auxiliar os professores da Educação Básica no ensino das operações matriciais utilizando a criptografia como uma alternativa metodológica em sala de aula, visando a melhoria do processo de ensino aprendizagem.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.