Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 246
DIREITO E EDUCAÇÃO AMBIENTAL: (RE) CONHECENDO AS RESERVAS NATURAIS DE VITÓRIA DA CONQUISTA - BA

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO AMBIENTAL, UNIDADES DE CONSERVAÇÃO, VITÓRIA DA CONQUISTA Comunicação Oral (CO) GT 14 - Educação Ambiental Publicado em 20 de dezembro de 2017

Resumo

Este presente trabalho tem como proposta reconhecer a existência de Unidades de Conservação (UCs) em Vitória da Conquista - BA, interligar os conhecimentos teóricos da Educação e Direito Ambiental aplicados ao ambiente urbano e promover conscientização do tema em uma escola do município através de uma aula e uma panfletagem a fim de divulgar a comunidade escolar sobre as questões ambientais locais, além de promover uma reflexão sobre o pertencimento ambiental. O relato aqui apresentado descreve as atividades realizadas pela disciplina Direito e Legislação Ambiental que foram desenvolvidas a partir do tema "Educação e Direito Ambiental: (Re) conhecendo as reservas naturais de Vitória da Conquista - BA", realizadas em parceria com a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB) e o Centro Educacional de Educação Profissional em Saúde Adélia Teixeira (CEEPS – AT). A partir das visitas e leituras de teóricos da área, planejou-se uma aula sobre Educação e Direito Ambiental abordando as reservas naturais de Vitória da Conquista, juntamente com 200 folders de mesmo tema que foram distribuídos para a comunidade escolar do CEEPS-AT. Para subsidiar este projeto, dialogamos com autores como Magalhães (2015) e com leis ambientais nacionais e municipais. O presente trabalho tem como objetivo explanar, discutir e popularizar o conhecimento ambiental na comunidade conquistense e justifica-se pela inclusão dos discentes no universo da discussão, conscientização, preservação e conservação ambiental. Pelas aulas de campo nas reservas naturais e atividades na instituição escolar foi possível aos graduandos vivenciarem a interação com o meio ambiente, conhecer as reservas da cidade e interligar os conhecimentos teóricos aos práticos. A atividade didática foi importante porque fez à ligação dos acadêmicos com a população e levou informações sobre Educação Ambiental a comunidade escolar participante, com perspectivas ambientais, antropológicas, políticas e sociais motivando compreender o meio ambiente como mantenedor das populações humanas e não humanas a fim de proporcionar uma importante reflexão sobre a prática socioambiental. Nota-se que os estudantes da escola mostraram interesse em conhecer as Unidades de Conservação de Vitória da Conquista, durante a aula e a panfletagem muitas pessoas mostraram-se surpresas com as belezas das reservas e isso demonstra que o pertencimento ambiental daquelas pessoas não está plenamente amadurecido, pois desconhecem seu próprio lugar de morada, neste sentido a Educação Ambiental poderia ser mais um instrumento em busca deste reconhecimento na comunidade conquistense.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.