Artigo Anais IV CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 187
AULAS PRÁTICAS DE QUÍMICA COMO FERRAMENTA COMPLEMENTAR NO ENSINO DE ALUNOS DA REDE PÚBLICA DO MUNICÍPIO DE ARARUNA-PB

Palavra-chaves: INSERÇÃO, LABORATÓRIO DE QUÍMICA, REDE-PÚBLICA Comunicação Oral (CO) GT 16 – Ensino de Ciências

Resumo

A química é essencial para vida, toda matéria que existe é composta por elementos químicos, desde os gases até as estruturas mais complexas. Ela, é uma das bases do desenvolvimento econômico e tecnológico, já que, não há um setor que não usufrua de seus processos ou elementos de sua origem. Logo, o estudo da química não se limita as salas de aula, ela está presente no dia a dia, em todos os materiais que nos cerca, e em todos os seres vivos, desde a execução de tarefas mais simples, como as do dia a dia, até o aprimoramento de atividades mais complexas como fornecimento de energia, processos industriais, fabricação de novos materiais que envolvem processos químicos. Assim, sua presença rotineira acaba por despertar uma curiosidade por parte das pessoas, em que ajudaria a facilitar a transmissão de conceitos dessa ciência. É muito comum notar a falta de afinidade que muitos alunos têm quando se fala em química, por terem a concepção de que é muito difícil ou desinteressante, em que acabam criando um certo descaso por ela. Sendo assim, o presente trabalho teve como objetivo difundir os conhecimentos químicos entre alunos da rede pública de ensino município de Araruna-PB através da execução de experimentos no laboratório de química do Campus VIII da UEPB, com o intuito de transmitir o conteúdo de forma prática e dinâmica. Para tal, foram realizados minicursos para alunos de ensino médio. As atividades práticas contemplaram experimentos, tais como: normas de segurança, vidrarias de laboratório, procedimento de preparo de soluções, titulação ácido-base, extração e caracterização de indicadores naturais, produção de sabão a partir de óleo vegetal reciclado, fabricação de detergente, a corrosão do ferro, alumínio, aço. Os dados coletados através da aplicação de questionários forneceram informações sobre a potencialidade do uso do laboratório na aprendizagem de química, incentivando e habilitando futuras atividades cientificas, mostrando-se um excelente artifício para aumentar o desempenho escolar dos alunos. Logo, o projeto atuou como uma ferramenta complementar na construção intelectual dos estudantes, levando a teoria assimilada nas salas de aula, à prática dos laboratórios.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.