Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 212
PERCEPÇÃO DOS MORADORES DO BAIRRO JARDIM BORBOREMA, CAMPINA GRANDE – PB, NO TOCANTE A ARBORIZAÇÃO LOCAL

Palavra-chaves: ARBORICULTURA, PERCEPÇÃO AMBIENTAL, PLANEJAMENTO URBANO-AMBIENTAL Pôster (PO) EDUCAÇÃO AMBIENTAL

Resumo

A arborização trata-se de uma estratégia para proporcionar um ambiente físico saudável, diante das modificações dos serviços naturais decorrentes do processo de urbanização e inadequado planejamento urbano-ambiental. Consiste, portanto em um processo sistêmico e planejado, que não se resumi apenas ao plantio de árvores. Devendo, pois, ser considerados vários critérios para que seu efeito benéfico não seja comprometido. Ao passo de promover conflitos ao ambiente urbano. Nesse contexto, o presente estudo teve por objetivo avaliar a percepção dos moradores do bairro Jardim Borborema, localizado na cidade de Campina Grande - PB, no tocante a arborização urbana local. Evidenciando os conhecimentos destes quanto à importância, plantio e espécies adequadas para esse fim. Foram entrevistados com auxílio de um questionário semiestruturado 50 moradores selecionados aleatoriamente, sendo analisados os resultados de forma quali-quantitativamente. Observou-se que 33% dos entrevistados afirmaram que o nível de arborização desde quando começaram a residir no bairro foi gradativamente reduzido a 50% ao longo dos anos. Além disso, a maioria dos entrevistados destacou a importância da arborização no sombreamento (31%), na melhoria do microclima (28%), na redução da poluição do ar (19%) entre outros benefícios. Todavia, 37% disseram que as árvores danificam suas calçadas. Mais de 56% desconhecem espécies de árvores adequadas para o plantio em calçadas e 48% acreditam que o Figo seja a melhor árvore a ser plantada nas vias de passagem. Observou-se desde então que os entrevistados apresentam consciência sobre os benefícios da arborização, mas desconhecem quais as espécies adequadas para se cultivar em suas calçadas.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.