Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

RESÍDUOS SÓLIDOS: PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DO 3º ANO DO ENSINO MÉDIO DA ESCOLA ESTADUAL FRANCISCO GOMES DE LIMA - PB

Palavra-chaves: RESÍDUOS, SÓLIDOS, PERCEPÇÃO Comunicação Oral (CO) EDUCAÇÃO AMBIENTAL
"2014-09-18 00:00:00"
App\Base\Administrativo\Model\Artigo {#1639
  +table: "artigo"
  +timestamps: false
  +fillable: array:13 [
    0 => "edicao_id"
    1 => "trabalho_id"
    2 => "inscrito_id"
    3 => "titulo"
    4 => "resumo"
    5 => "modalidade"
    6 => "area_tematica"
    7 => "palavra_chave"
    8 => "idioma"
    9 => "arquivo"
    10 => "created_at"
    11 => "updated_at"
    12 => "ativo"
  ]
  #casts: array:14 [
    "id" => "integer"
    "edicao_id" => "integer"
    "trabalho_id" => "integer"
    "inscrito_id" => "integer"
    "titulo" => "string"
    "resumo" => "string"
    "modalidade" => "string"
    "area_tematica" => "string"
    "palavra_chave" => "string"
    "idioma" => "string"
    "arquivo" => "string"
    "created_at" => "datetime"
    "updated_at" => "datetime"
    "ativo" => "boolean"
  ]
  #connection: "mysql"
  #primaryKey: "id"
  #keyType: "int"
  +incrementing: true
  #with: []
  #withCount: []
  #perPage: 15
  +exists: true
  +wasRecentlyCreated: false
  #attributes: array:35 [
    "id" => 7928
    "edicao_id" => 23
    "trabalho_id" => 1834
    "inscrito_id" => 33381
    "titulo" => "RESÍDUOS SÓLIDOS: PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DO 3º ANO DO ENSINO MÉDIO DA ESCOLA ESTADUAL FRANCISCO GOMES DE LIMA - PB"
    "resumo" => "Introdução \tOs resíduos sólidos tem sido um dos temas de maior relevância mundialmente. Segundo Calderoni (2003), a produção de resíduos é algo inevitável e carreta grandes problemas pelo volume produzido. Já para Abreu (2001), sem um tratamento adequado, os resíduos sólidos são sinônimos de desperdício de recursos naturais e energéticos.  \tNos lixões, os resíduos sólidos não recebem tratamento algum, sendo depositado no solo a céu aberto. Essa triste ação tem resultado em vários problemas não só ambientais, mas também sociais. Infelizmente essa realidade é muito comum nos municípios brasileiros. Segundo o IBGE (2010), cerca de 70% dos municípios utilizam essa péssima alternativa como disposição final dos resíduos. Conforme o IBAMA (2009), no Estado da Paraíba 98% dos resíduos sólidos urbanos em um total de 223 municípios não recebem tratamento algum.\tDiante dessa triste realidade é necessária a participação da sociedade no gerenciamento dos resíduos sólidos. Um dos instrumentos mais importantes da PNRS é a Educação Ambiental, sendo essencial para a sensibilização da população sobre sua responsabilidade quanto ao destino dos resíduos. Os estudos de percepção ambiental são de suma importância, uma vez que é por meio desta que o indivíduo toma consciência do mundo em sua volta, estando relacionada com o processo de aprendizagem e sensibilização da educação Ambiental (MENGHINI, 2005).\tO presente trabalho tem o objetivo de identificar e analisar o nível de conhecimentos dos alunos 3° ano da Escola Estadual Francisco Gomes de Lima sobre a temática dos resíduos sólidos. Metodologia\tA presente pesquisa foi desenvolvida na Escola Estadual Francisco Gomes de Lima localizada no município de João Pessoa-PB. Para a realização desta pesquisa foi utilizado como instrumento de coleta de dados um questionário semi-estruturado com 33 de um total de 60 alunos do 3° do ensino médio. Posteriormente os dados foram tabulados e analisados. Resultados e DiscussãoQuando questionados se tudo que é jogado fora é considerado “lixo”, 70% alunos responderam que sim (Figura 1). Infelizmente esse fato mostra uma falta de conhecimento sobre os produtos recicláveis.  Figura 1. Resposta dos alunos sobre se tudo que é jogado fora e considerado lixo. A respeito da existência da separação dos resíduos sólidos na escola, 100% responderam que sim (Figura 2). Porém, vale salientar que em visitas a escola, foi observado que apesar da escola apresentar coletores para a separação dos resíduos, os mesmos são misturados de forma indiscriminada, distanciando a teoria da prática escolar. A educação ambiental teórica é bela, mas os problemas gerados pela falta da prática são gritantes e cada vez mais recorrentes na sociedade. Figura 2. Resposta dos alunos sobre a separação do RS na escola.  Posteriormente, foi perguntado aos alunos se eles conheciam o tipo de disposição final dos RS da escola. Mais de 80% responderam que não sabiam qual era o destino final dos RS produzidos na escola (Figura 3). Conclusão \tApesar de o público alvo ser formado por alunos do 3° ano do ensino médio, diante dos resultados apresentado, fica claro a necessidade de se trabalhar a temática dos resíduos sólidos com os alunos da Escola Estadual Francisco Gomes de Lima com o intuito de aproximar a teoria da prática escolar."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "EDUCAÇÃO AMBIENTAL"
    "palavra_chave" => "RESÍDUOS, SÓLIDOS, PERCEPÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_14_08_2014_16_01_07_idinscrito_33381_76907208b7c590e0084933a7629f751c.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:54"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:12:28"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ANDRÉA AMORIM LEITE"
    "autor_nome_curto" => "ANDRÉA"
    "autor_email" => "andreaamorim.bio@gmail.co"
    "autor_ies" => ""
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais I CONEDU"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2014"
    "edicao_logo" => "5e4a0671b0a63_17022020002017.png"
    "edicao_capa" => "5f1848d9ed142_22072020111033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-09-18 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #original: array:35 [
    "id" => 7928
    "edicao_id" => 23
    "trabalho_id" => 1834
    "inscrito_id" => 33381
    "titulo" => "RESÍDUOS SÓLIDOS: PERCEPÇÃO DOS ALUNOS DO 3º ANO DO ENSINO MÉDIO DA ESCOLA ESTADUAL FRANCISCO GOMES DE LIMA - PB"
    "resumo" => "Introdução \tOs resíduos sólidos tem sido um dos temas de maior relevância mundialmente. Segundo Calderoni (2003), a produção de resíduos é algo inevitável e carreta grandes problemas pelo volume produzido. Já para Abreu (2001), sem um tratamento adequado, os resíduos sólidos são sinônimos de desperdício de recursos naturais e energéticos.  \tNos lixões, os resíduos sólidos não recebem tratamento algum, sendo depositado no solo a céu aberto. Essa triste ação tem resultado em vários problemas não só ambientais, mas também sociais. Infelizmente essa realidade é muito comum nos municípios brasileiros. Segundo o IBGE (2010), cerca de 70% dos municípios utilizam essa péssima alternativa como disposição final dos resíduos. Conforme o IBAMA (2009), no Estado da Paraíba 98% dos resíduos sólidos urbanos em um total de 223 municípios não recebem tratamento algum.\tDiante dessa triste realidade é necessária a participação da sociedade no gerenciamento dos resíduos sólidos. Um dos instrumentos mais importantes da PNRS é a Educação Ambiental, sendo essencial para a sensibilização da população sobre sua responsabilidade quanto ao destino dos resíduos. Os estudos de percepção ambiental são de suma importância, uma vez que é por meio desta que o indivíduo toma consciência do mundo em sua volta, estando relacionada com o processo de aprendizagem e sensibilização da educação Ambiental (MENGHINI, 2005).\tO presente trabalho tem o objetivo de identificar e analisar o nível de conhecimentos dos alunos 3° ano da Escola Estadual Francisco Gomes de Lima sobre a temática dos resíduos sólidos. Metodologia\tA presente pesquisa foi desenvolvida na Escola Estadual Francisco Gomes de Lima localizada no município de João Pessoa-PB. Para a realização desta pesquisa foi utilizado como instrumento de coleta de dados um questionário semi-estruturado com 33 de um total de 60 alunos do 3° do ensino médio. Posteriormente os dados foram tabulados e analisados. Resultados e DiscussãoQuando questionados se tudo que é jogado fora é considerado “lixo”, 70% alunos responderam que sim (Figura 1). Infelizmente esse fato mostra uma falta de conhecimento sobre os produtos recicláveis.  Figura 1. Resposta dos alunos sobre se tudo que é jogado fora e considerado lixo. A respeito da existência da separação dos resíduos sólidos na escola, 100% responderam que sim (Figura 2). Porém, vale salientar que em visitas a escola, foi observado que apesar da escola apresentar coletores para a separação dos resíduos, os mesmos são misturados de forma indiscriminada, distanciando a teoria da prática escolar. A educação ambiental teórica é bela, mas os problemas gerados pela falta da prática são gritantes e cada vez mais recorrentes na sociedade. Figura 2. Resposta dos alunos sobre a separação do RS na escola.  Posteriormente, foi perguntado aos alunos se eles conheciam o tipo de disposição final dos RS da escola. Mais de 80% responderam que não sabiam qual era o destino final dos RS produzidos na escola (Figura 3). Conclusão \tApesar de o público alvo ser formado por alunos do 3° ano do ensino médio, diante dos resultados apresentado, fica claro a necessidade de se trabalhar a temática dos resíduos sólidos com os alunos da Escola Estadual Francisco Gomes de Lima com o intuito de aproximar a teoria da prática escolar."
    "modalidade" => "Comunicação Oral (CO)"
    "area_tematica" => "EDUCAÇÃO AMBIENTAL"
    "palavra_chave" => "RESÍDUOS, SÓLIDOS, PERCEPÇÃO"
    "idioma" => "Português"
    "arquivo" => "Modalidade_1datahora_14_08_2014_16_01_07_idinscrito_33381_76907208b7c590e0084933a7629f751c.pdf"
    "created_at" => "2020-05-28 15:52:54"
    "updated_at" => "2020-06-10 11:12:28"
    "ativo" => 1
    "autor_nome" => "ANDRÉA AMORIM LEITE"
    "autor_nome_curto" => "ANDRÉA"
    "autor_email" => "andreaamorim.bio@gmail.co"
    "autor_ies" => ""
    "autor_imagem" => ""
    "edicao_url" => "anais-i-conedu"
    "edicao_nome" => "Anais I CONEDU"
    "edicao_evento" => "Congresso Nacional de Educação"
    "edicao_ano" => 2014
    "edicao_pasta" => "anais/conedu/2014"
    "edicao_logo" => "5e4a0671b0a63_17022020002017.png"
    "edicao_capa" => "5f1848d9ed142_22072020111033.jpg"
    "data_publicacao" => null
    "edicao_publicada_em" => "2014-09-18 00:00:00"
    "publicacao_id" => 19
    "publicacao_nome" => "Anais CONEDU"
    "publicacao_codigo" => "2358-8829"
    "tipo_codigo_id" => 1
    "tipo_codigo_nome" => "ISSN"
    "tipo_publicacao_id" => 1
    "tipo_publicacao_nome" => "ANAIS de Evento"
  ]
  #changes: []
  #classCastCache: []
  #dates: []
  #dateFormat: null
  #appends: []
  #dispatchesEvents: []
  #observables: []
  #relations: []
  #touches: []
  #hidden: []
  #visible: []
  #guarded: array:1 [
    0 => "*"
  ]
}
Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

Introdução Os resíduos sólidos tem sido um dos temas de maior relevância mundialmente. Segundo Calderoni (2003), a produção de resíduos é algo inevitável e carreta grandes problemas pelo volume produzido. Já para Abreu (2001), sem um tratamento adequado, os resíduos sólidos são sinônimos de desperdício de recursos naturais e energéticos. Nos lixões, os resíduos sólidos não recebem tratamento algum, sendo depositado no solo a céu aberto. Essa triste ação tem resultado em vários problemas não só ambientais, mas também sociais. Infelizmente essa realidade é muito comum nos municípios brasileiros. Segundo o IBGE (2010), cerca de 70% dos municípios utilizam essa péssima alternativa como disposição final dos resíduos. Conforme o IBAMA (2009), no Estado da Paraíba 98% dos resíduos sólidos urbanos em um total de 223 municípios não recebem tratamento algum. Diante dessa triste realidade é necessária a participação da sociedade no gerenciamento dos resíduos sólidos. Um dos instrumentos mais importantes da PNRS é a Educação Ambiental, sendo essencial para a sensibilização da população sobre sua responsabilidade quanto ao destino dos resíduos. Os estudos de percepção ambiental são de suma importância, uma vez que é por meio desta que o indivíduo toma consciência do mundo em sua volta, estando relacionada com o processo de aprendizagem e sensibilização da educação Ambiental (MENGHINI, 2005). O presente trabalho tem o objetivo de identificar e analisar o nível de conhecimentos dos alunos 3° ano da Escola Estadual Francisco Gomes de Lima sobre a temática dos resíduos sólidos. Metodologia A presente pesquisa foi desenvolvida na Escola Estadual Francisco Gomes de Lima localizada no município de João Pessoa-PB. Para a realização desta pesquisa foi utilizado como instrumento de coleta de dados um questionário semi-estruturado com 33 de um total de 60 alunos do 3° do ensino médio. Posteriormente os dados foram tabulados e analisados. Resultados e DiscussãoQuando questionados se tudo que é jogado fora é considerado “lixo”, 70% alunos responderam que sim (Figura 1). Infelizmente esse fato mostra uma falta de conhecimento sobre os produtos recicláveis. Figura 1. Resposta dos alunos sobre se tudo que é jogado fora e considerado lixo. A respeito da existência da separação dos resíduos sólidos na escola, 100% responderam que sim (Figura 2). Porém, vale salientar que em visitas a escola, foi observado que apesar da escola apresentar coletores para a separação dos resíduos, os mesmos são misturados de forma indiscriminada, distanciando a teoria da prática escolar. A educação ambiental teórica é bela, mas os problemas gerados pela falta da prática são gritantes e cada vez mais recorrentes na sociedade. Figura 2. Resposta dos alunos sobre a separação do RS na escola. Posteriormente, foi perguntado aos alunos se eles conheciam o tipo de disposição final dos RS da escola. Mais de 80% responderam que não sabiam qual era o destino final dos RS produzidos na escola (Figura 3). Conclusão Apesar de o público alvo ser formado por alunos do 3° ano do ensino médio, diante dos resultados apresentado, fica claro a necessidade de se trabalhar a temática dos resíduos sólidos com os alunos da Escola Estadual Francisco Gomes de Lima com o intuito de aproximar a teoria da prática escolar.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.