Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 197
O IMPACTO CAUSADO PELO PROJETO CPCIÊNCIAS NA DIDÁTICA DOS PROFESSORES DA REDE PÚBLICA MUNICIPAL DE ENSINO DE PATOS-PB

Palavra-chaves: EDUCAÇÃO, INFORMÁTICA, PARAÍBA Pôster (PO) FORMAÇÃO DE PROFESSORES Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

Introdução: Grande parte dos professores da Educação Básica não frequentam os laboratórios de informática das escolas onde trabalham, às vezes por problemas na infraestrutura, ou pela dificuldade de se trabalhar com grandes turmas de alunos nesse tipo de ambiente. Na tentativa de contribuir para superação desses obstáculos, o projeto de extensão da UFCG denominado CPCiências, desde o ano de 2011, apresentou aos professores de Ciências do município de Patos algumas propostas metodológicas envolvendo o uso das TICs (Tecnologias da Informação e Comunicação). Objetivo: o objetivo do presente trabalho foi identificar os impactos causados, pela formação continuada oferecida pelo projeto CPCiências, na didática dos professores de Ciências das escolas municipais de Patos-PB. Metodologia: a pesquisa foi realizada através de questionários estruturados e respondidos pelos professores participantes durante as edições do projeto CPCiências (de 2011 até hoje). Entrevistas semi-estruturadas foram realizadas, com registro de áudio, do grupo dos docentes participantes. A participação nas entrevistas foi voluntária e foi autorizada anteriormente através da assinatura de um Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). Também foram realizadas visitas às escolas, com o intuito de avaliar a infraestrutura dos laboratórios de informática e o uso desses pelos professores de Ciências. Resultados: Observou-se que a maioria das escolas do município com ensino fundamental II (90%) possui laboratório com todos os computadores em funcionamento e acesso à internet. Por outro lado, 80% dos professores continuam restringindo-se apenas à sala de aula e a metodologia tradicional ou expositiva. Todos os professores participantes do projeto de capacitação consideraram o conhecimento obtido válido. Alguns docentes inquiridos (30%) afirmaram que aplicaram as técnicas aprendidas em suas salas de aula, observando maior participação dos alunos. Através das entrevistas, esses professores afirmaram que durante a formação continuada aprenderam a desenvolver projetos, a “desmitificar” o uso dos celulares nas aulas e a frequentar mais o laboratório de informática. Esses docentes afirmaram também que a relação professor-aluno mostrou melhoras e que a evasão dos alunos de sala de aula diminuiu tudo em consequência de aulas mais interessantes. Conclusão: para um pequeno grupo de professores entrevistados, as atividades desenvolvidas durante o projeto CPCiências tornaram as aulas “mais práticas” e dinâmicas, devido à aplicação do que foi aprendido nos cursos. Isso foi possível porque o projeto aperfeiçoou conhecimentos, apresentando propostas interessantes, além de novos métodos de trabalho, os quais foram considerados extremamente úteis quando inseridos no processo de ensino-aprendizagem.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.