Artigo Anais I CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 206
FORMAÇÃO DE PROFESSOR E PROFESSOR EM FORMAÇÃO: A IMPORTÂNCIA DO SER PESQUISADOR.

Palavra-chaves: FORMAÇÃO, PESQUISA, PRÁTICA Comunicação Oral (CO) FORMAÇÃO DE PROFESSORES Publicado em 18 de setembro de 2014

Resumo

FORMAÇÃO DE PROFESSOR E PROFESSOR EM FORMAÇÃO: A IMPORTÂNCIA DO SER PESQUISADOR. A comunicação tem por objetivo destacar não somente a formação de professor, mas sobretudo o professor em formação, assinalando que a saída dos bancos universitários, isto é, a conclusão dos cursos de licenciatura não é mais do que o pontapé inicial de uma nova trajetória. O caminho que se inicia para análise e reflexão das práticas pedagógicas de sala de aula e que seja guiado por uma postura questionadora de pesquisadores na busca de possibilidades de ressignificação de suas próprias experiências educacionais.O desafio constante para a promoção de uma educação de qualidade passa pela atitude investigativa dos docentes em seus respectivos contextos micro de produção de conhecimento localizado sócio, cultural e historicamente, para que, em partilha com pares de áreas afins, ele possa gerar resultados no nível cada vez mais macro.Nesta visão, o educador deixa de ser mero expectador e consumidor de conhecimento produzido por pesquisadores para além de sua realidade. Ele assume o papel de protagonista na produção de conhecimento para o universo que lhe é peculiar de forma eficiente, eficaz e pertinente aos problemas que lhes são familiares na rotina de sala de aula.A nova configuração no processo de formação de professores que enfoca a importância de docentes pesquisadores buscará sempre aproximar a distância entre teoria e pratica. O foco passa a ser a busca de caminhos possíveis para desconstrução e reconstrução de suas próprias experiências pedagógicas mais pertinentes a cada caso em particular. Tudo isso com o propósito de que os educandos, nos diversos contextos possíveis dentre as múltiplas modalidades educacionais ofertadas na conjuntura da educação brasileira, tirem cada vez mais proveito dos resultados obtidos pelos professores nas pesquisas realizadas.Para tal, a comunicação exemplifica a pesquisa de natureza qualitativa no contexto da educação básica tecnológica do IFRJ sobre a produção de materiais didáticos capazes de promover o desenvolvimento de habilidades necessárias a futuros técnicos que em breve ingressarão no mercado de trabalho, para que os mesmos obtenham sucesso nas funções que lhes serão exigidas na vida profissional. O estudo ratifica em sua teoria as crenças da pesquisadora acima expostas, assinalando a o papel da reflexão etnográfica, além de enfatizar o fazer docente como uma atividade capaz de, por meio de determinada metodologia, promover a construção de conhecimento emancipatório e crítico.Palavras chaves: FORMAÇÃO; PESQUISA; PRÁTICA

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.