Artigo Anais do V CONAPESC

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

Visualizações: 129
CONTRIBUIÇÕES DE ATIVIDADES PRÁTICAS AO AR LIVRE NO ENSINO DA EDUCAÇÃO AMBIENTAL NÃO FORMAL

Palavra-chaves: CONSERVAÇÃO, MEIO AMBIENTE, SUSTENTABILIDADE, , Comunicação Oral (Artigo Completo) AT 10: Ciência Ambiental: No Ensino e na Pesquisa Publicado em 10 de dezembro de 2020

Resumo

A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NÃO FORMAL BUSCA ABORDAGENS DIFERENCIADAS PARA SENSIBILIZAR O SER HUMANO SOBRE AS QUESTÕES AMBIENTAIS, POR MEIO DA VIVÊNCIA E DA REFLEXÃO. ESTE TRABALHO TEVE COMO OBJETIVO REALIZAR UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA SOBRE AS ABORDAGENS EXISTENTES NO MEIO AMBIENTE PARA DESENVOLVER A EDUCAÇÃO AMBIENTAL NÃO FORMAL. A PESQUISA TRATA-SE DE UMA REVISÃO DE LITERATURA, COM ABORDAGEM QUALITATIVA E DESCRITIVA. FORAM UTILIZADOS OS BANCOS DE DADOS SCIELO, PERIÓDICOS CAPES E GOOGLE ACADÊMICO PARA A SELEÇÃO DOS ARTIGOS, POR MEIO DE PALAVRAS-CHAVE COMO: EDUCAÇÃO AMBIENTAL NÃO FORMAL, EDUCAÇÃO AO AR LIVRE E EDUCAÇÃO PELA AVENTURA. A EDUCAÇÃO AMBIENTAL AO AR LIVRE É DESENVOLVIDA NO AMBIENTE NATURAL, PROPORCIONANDO A APROXIMAÇÃO DO HOMEM COM A NATUREZA. TODAVIA, A EDUCAÇÃO AMBIENTAL POR MEIO DA AVENTURA É UMA PRÁTICA QUE TEM COMO OBJETIVO PROPORCIONAR UMA ATIVIDADE DESENVOLVIDA EM GRUPO, PERMITINDO QUE OS INDIVÍDUOS PRATICANTES DESSA ATIVIDADE TENHAM UMA REFLEXÃO SOBRE SEUS COMPORTAMENTOS EM RELAÇÃO AO AMBIENTE EM QUE VIVEM. A EDUCAÇÃO AMBIENTAL AO AR LIVRE E PELA AVENTURA PODE CONTRIBUIR PARA A SENSIBILIZAÇÃO DE ESTUDANTES E CIDADÃOS SOBRE AS PROBLEMÁTICAS AMBIENTAIS, BEM COMO POSSIBILITAR O CONTATO E RECONEXÃO DA SOCIEDADE COM A NATUREZA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.