Artigo Anais do V CONAPESC

ANAIS de Evento

ISSN: 2525-6696

HIPERINFLAMAÇÃO INDUZIDA PELA COVID-19: UM NOVO ALVO FARMACOLÓGICO PARA OS FITOCANABINOIDES?

Palavra-chaves: CORONAVÍRUS, INFLAMAÇÃO, CITOCINAS, CANNABIS, FITOCANABINOIDES Comunicação Oral (Artigo Completo) AT 05: Ciências da Saúde: abordagens na Pesquisa e no Ensino Publicado em 10 de dezembro de 2020

Resumo

A COVID-19 É UMA DOENÇA RESPIRATÓRIA VIRAL, QUE TEVE SEUS PRIMEIROS CASOS RELATADOS NA CHINA, E ESPALHOU-SE POR TODOS OS CONTINENTES, TORNANDO-SE UMA PANDEMIA. OS PRINCIPAIS SINTOMAS CAUSADOS PELA COVID-19 SE APRESENTAM EM SUA GRANDE PARTE EM PACIENTES IMUNODEPRIMIDOS, IDOSOS OU PACIENTES COM COMORBIDADES CRÔNICAS. PROTOCOLOS TERAPÊUTICOS VARIAM ENTRE PAÍSES E EMPREGAM MEDIDAS DE SUPORTE SINTOMÁTICO E INTENSIVO E DIFERENTES ESTRATÉGIAS FARMACOLÓGICAS QUE NÃO APRESENTAM GRANDE IMPACTO EM DIMINUIR MORTALIDADE. NO ENTANTO, ALGUNS EDITORIAIS TEM CHAMADO ATENÇÃO PARA O POTENCIAL TERAPÊUTICO DE COMPOSTOS PRESENTES NA PLANTA CANNABIS SATIVA. ASSIM, ESTE TRABALHO CONSISTE EM UMA REVISÃO BIBLIOGRÁFICA DO TIPO NARRATIVA SOBRE OS ASPECTOS MAIS RELEVANTES DA IMUNOPATOLOGIA DA COVID-19 E COMO OS PRINCIPAIS FITOCANABINOIDES DESCRITOS PODEM AJUDAR A MODULAR O SISTEMA IMUNE E AS CONSEQUÊNCIAS DELETÉRIAS DE SUA HIPERATIVAÇÃO NA FISIOPATOLOGIA DA COVID-19. OS ACHADOS CIENTÍFICOS INDICAM QUE A PRINCIPAL CAUSA DE AGRAVAMENTO DA DOENÇA E ÓBITO OCORRE DEVIDO A UMA RESPOSTA INFLAMATÓRIA EXCESSIVA EM RESPOSTA AO SARS-COV-2, E QUE O POTENCIAL TERAPÊUTICO DOS EXTRATOS DE CANNABIS E FITOCANABINOIDES, USADOS COMO TRATAMENTO ADJUVANTE NESSA DOENÇA, PODEM CONTER A TEMPESTADE DE CITOCINAS E EVENTOS FISIOPATOLÓGICOS ASSOCIADOS À UMA HIPERATIVAÇÃO IMUNE. ASSIM, SEU EMPREGO NA CLÍNICA, BEM COMO EM PESQUISAS PARA MELHOR ELUCIDAR OS SEUS MECANISMOS DEVE SER SERIAMENTE CONSIDERADA.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.