Artigo Anais VII CONEDU - Edição Online

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 144
EDUCAÇÃO DOS ESTUDANTES SURDOS E O USO DAS TDIC: UMA ANÁLISE NA PERSPECTIVA DA BNCC

Palavra-chaves: ESTUDANTE SURDO, TDIC, BNCC, SOFTWARES EDUCACIONAIS, Comunicação Oral (CO) GT 10 - Educação Especial

Resumo

A BASE NACIONAL COMUM CURRICULAR - BNCC (BRASIL, 2018) CONSTITUI-SE EM UMA NORMATIVA PARA EDUCA??O B?SICA, NO QUAL FOI ALVO DE DIVERSAS DISCUSS?ES ENTRE ENTIDADES E AUTORES SOBRE SUA CONSTRU??O A EXEMPLO DE ROCHA (2019), AGUIAR E DOURADO (2018), ANFOPE (2017). DENTRE AS COMPET?NCIAS CONTEMPLADAS NO DOCUMENTO, AS TDICS (TECNOLOGIAS DIGITAIS DE INFORMA??O E COMUNICA??O) GANHAM DESTAQUE AO ENFATIZAR A QUEST?O DO MULTILETRAMENTO E CULTURA DIGITAL. DIANTE DO EXPOSTO, PAUTAMOS NA SEGUINTE PROBLEM?TICA: QUE DIRETRIZES A BNCC APRESENTA QUE FOMENTE POSSIBILIDADES NA MELHORIA DA EDUCA??O DE ESTUDANTES SURDOS FLUENTES NA L?NGUA BRASILEIRA DE SINAIS E USU?RIOS DAS TDICS? BASEADO NISTO ESTE TRABALHO TEM COMO OBJETIVO GERAL REFLETIR SOBRE AS DIRETRIZES QUE COMP?EM O DOCUMENTO EM RELA??O AO USO DAS TDICS PARA AUXILIAR OS ESTUDANTES SURDOS. NO PERCURSO METODOL?GICO ADOTAMOS A ABORDAGEM QUALITATIVA, CONSIDERANDO (CRESWEL, 2007), QUANTO AO PROCEDIMENTO T?CNICO ? DE CAR?TER BIBLIOGR?FICO E DOCUMENTAL (LAKATOS E MARCONI, 2003). NA LEITURA DO DOCUMENTO DA BNCC PERCEBEMOS QUE EXISTEM COMPET?NCIAS GERAIS E ESPEC?FICAS QUE PRIORIZAM O FOMENTO DE PR?TICAS DE LINGUAGEM E A CULTURA DIGITAL, MAS QUE POUCO DIALOGA E/OU DETALHA DIRETRIZES SOBRE A ESPECIFICIDADE LINGU?STICA E CULTURAL DO SURDO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.