Artigo Anais VI CONEDU

ANAIS de Evento

ISSN: 2358-8829

Visualizações: 255
AUTOEFICÁCIA E DESEMPENHO ESCOLAR NO ENSINO FUNDAMENTAL LL

Palavra-chaves: AUTOEFICÁCIA, DESEMPENHO ESCOLAR, ENSINO FUNDAMENTAL II Comunicação Oral (CO) GT 17 – Ensino e suas intersecções Publicado em 24 de outubro de 2019

Resumo

O DESEMPENHO ESCOLAR É ENTENDIDO COMO O GRAU DE CONHECIMENTO E DESENVOLVIMENTO DE HABILIDADES PESSOAIS E SOCIAIS POR UM INDIVÍDUO EM UM DETERMINADO NÍVEL EDUCACIONAL, PORÉM A REALIDADE BRASILEIRA É DIVERSA, E O FRACASSO ESCOLAR TEM SIDO RECORRENTE NESTE CONTEXTO. A AUTOEFICÁCIA DOS ESTUDANTES, JUNTAMENTE COM OUTRAS CRENÇAS E ATITUDES PARA A APRENDIZAGEM, É FORTE PREDITOR DE DESEMPENHO ACADÊMICO. A AUTOEFICÁCIA INFLUENCIA O DESEMPENHO ACADÊMICO E, AO MESMO TEMPO, É INFLUENCIADA POR ELE, TENDO IMPLICAÇÕES NO DESENVOLVIMENTO DO ALUNO. A PARTIR DISSO O OBJETIVO DESSE ESTUDO É COMPARAR A CRENÇA DE AUTOEFICÁCIA E O DESEMPENHO ESCOLAR EM ALUNOS DE UMA ESCOLA PÚBLICA DE FOZ DO IGUAÇU MATRICULADOS NO SEXTO ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL II. A PESQUISA FOI REALIZADA COM 32 ALUNOS NA FAIXA ETÁRIA DE 10 E 14 ANOS, 25 DO SEXO FEMININO E 07 DO SEXO MASCULINO. OS DADOS FORAM COLETADOS ATRAVÉS DO TESTE DE DESEMPENHO ESCOLAR (TDE) E A ESCALA DE AUTOEFICÁCIA. OS DADOS FORAM ANALISADOS POR MEIO DE TESTES CORRELACIONAIS PELO SOFTWARE SPSS. OS RESULTADOS OBTIDOS DEMONSTRARAM QUE NÃO HOUVE CORRELAÇÃO POSITIVA ENTRE A CRENÇA DE AUTOEFICÁCIA E O DESEMPENHO ESCOLAR, ALGUNS FATORES QUE PODEM TER CONTRIBUÍDO PARA ESTE RESULTADO, SÃO A FALTA DE FEEDBACK AVALIATIVO DOS PROFESSORES E FAMILIARES E A IMPLEMENTAÇÃO DE PROGRAMAS EDUCACIONAIS QUE FACILITAM A APROVAÇÃO. TAIS RESULTADOS SÃO RELEVANTES PARA OS PROFISSIONAIS QUE ATUAM NO CONTEXTO EDUCACIONAL, POIS REAFIRMAM A NECESSIDADE DE SE ELABORAR PROJETOS PEDAGÓGICOS E ATIVIDADES QUE APROXIMEM O ESTUDANTE DOS CONTEÚDOS ESCOLARES DE SUA REALIDADE, PROMOVENDO ATITUDES POSITIVAS E MAIOR ENGAJAMENTO.

Compartilhe:

Visualização do Artigo


Deixe um comentário

Precisamos validar o formulário.